PÁSCOA

easter_1608816cDoutor, quantos ovos de chocolate meu filho pode comer?  Uma pergunta simples, feita por uma mãe preocupada com a saúde do seu filho. O que responder? Ou melhor, quem deveria responder? O pediatra rigoroso, cheio de argumentos científicos sobre os males do açúcar, os riscos da obesidade, essa epidemia que assola nossa espécie, o diabetes tipo 2 e tantos outros males? Ou, o pediatra mais flexível, tolerante, nem por isso despreocupado ou negligente com a importância da nutrição?

Por uma fração de segundo, enquanto pensava no que responder, me perguntei: mas, afinal de contas, do que se trata a Páscoa? Que festa é essa? Judeus comemoram sua fuga do Egito, deixando de ser escravos e iniciando uma longa jornada rumo à terra prometida. Cristão comemoram a ressurreição do Cristo, promessa da vida eterna. Em ambas as tradições, o que está sendo celebrado é a liberdade. Liberdade de existir como um povo sem viver submetido ao trabalho escravo e a libertação da morte, através de uma vida eterna. Mesmo para quem não tem uma fé religiosa, o simbolismo é de uma beleza ímpar, considerando que a liberdade é um valor humano inegociável. Ser livre é uma aspiração de todos nós e a Páscoa é a representação festiva dessa possibilidade.

O que é uma criança senão um ser extremamente dependente, do ponto de vista físico e radicalmente livre do ponto de vista da criatividade e inventividade. Crianças têm um único compromisso que é o do prazer, brincadeira, descobertas, de uma forma absoluta e ilimitada. Cabe a nós adultos, no intuito de contribuir para a formação de adultos saudáveis, impor limites e introduzir lentamente a frustração (usando o não). Mas, nos adultos, mora a criança que fomos e é importante que esta possa se manifestar, livremente. Não é possível fazer isso todas as horas. Mas, em determinados momentos, nada é mais prazeroso do que deixar a criança que somos, assumir o controle e, simplesmente, se divertir.

A mãe aguardava uma resposta e o filho, olhar fixo em mim, implorava por uma resposta favorável aos seus desejos. Me lembrei das minhas páscoas de criança. Havia uma busca aos ovos previamente coloridos por minha mãe. Ela e meu pai escondiam os ovos no jardim e tínhamos que achá-los. Haviam os ovos fáceis para os menores os difíceis para os maiores. Minha mãe, muito organizada, anotava o número de ovos escondidos. O que ela não anotava era o lugar onde cada um havia sido escondido e, não raro, voltávamos da caça com um ovo a menos! Depois da caça, um café da manhã em família. Ruidoso, alegre, animado, onde cada um se gabava de ter pego mais ovos ou o ovo mais difícil. Eram momentos alegres, momentos de encontro e libertação. Saímos do cotidiano e ingressávamos em um mundo onde havia magia ( o coelho que escondia os ovos) e amor (minha mãe que os cozia e pintava, na véspera e, junto com meu pai, os escondia).

Olhei para a mãe e seu filho e respondi: ele pode comer quantos ele aguentar. Afinal de contas, é Páscoa! Percebi um olhar apreensivo da mãe, mas, no seu rosto, havia um discreto sorriso. Ela ainda virou para o filho e, para manter uma certa “moral e bons costumes” disse para o filho: mas, sem exagerar, está bom! O garoto olhava para mim com os olhos brilhando e um lindo sorriso estampado no rosto. A criança que mora em mim sorriu de volta e, não tenho a menor dúvida de que o menino percebeu que quem tinha sorrido não era mais o doutor, mas o Roberto menino, colega, amigo, companheiro de ovos de chocolate!

Que as crianças irão comer ovos e se divertir nesta Páscoa, não tenho a menor dúvida. Que tal deixar a criança em cada um de nós, se soltar um pouco e brincar com nossos filhos, de igual para igual? Se lambuzar em ovos, rolar no chão e rir, fazer e receber cócegas, jogar jogos, ler livros, pular corda, se esconder, brincar de pique, boneca, carrinho e bola!

Desejo a todos uma Páscoa feliz, lembrando que celebramos,nesta data, a liberdade. Liberdade de sermos crianças, para que nossas crianças possam ser adultos livres.

 

10 comentários Adicione o seu

  1. Ilana disse:

    Lindo texto, Dr Cooper! Feliz Páscoa para você e família!

    1. Ilana,
      Obrigado por participar do blog e pelo comentário gentil. Uma ótima Páscoa para você e sua linda família!

  2. Achei ótima a idéia da caçada.
    Muito bom saber de um médico que tem uma criança guardada, melhor ainda saber que ela também tem voz…

    1. Camilla,
      Obrigado por participar do blog. Pode ter certeza que essa criança tem voz, e como fala!

  3. Ana Paula disse:

    A.DO.REI! Perfeitas suas colocações…. Feliz Páscoa!

    1. Prezada Ana Paula,
      Obrigado por participar do blog e enviar uma mensagem gentil. Me motiva a continuar escrevendo.

  4. Patricia disse:

    Bom dia, Dr. Roberto! Texto emocionante!
    A resposta, sensata e adorável. Rsrsrs. Flexibilidade. Passo isso para os meus filhos, aprendi com você na minha infância.
    Feliz Páscoa pra você e família também.

    1. Prezada Patrícia,
      Obrigado por participar do blog. Fico feliz em saber que, de alguma forma, contribuí para que pudesse ser uma pessoa mais flexível. Agradeço a mensagem gentil e carinhosa. Boa Páscoa!

  5. Angela disse:

    Dr. Roberto,
    Perfeita definição do significado da Páscoa, para adultos e crianças liberdade! Você aqui foi pediatra e geriatra, pelas expectativas e lembranças.

    1. Angela,
      Eu tinha visto seu comentário e fiquei sem comentá-lo (e os demais), por um longo tempo. Só agora me sento para atualizar minhas respostas. Obrigado por participar do blog e fazer um comentário tão gentil. Você é uma dessas pessoas que celebra a Páscoa, no seu sentido mais bonito!

Deixe uma resposta para Dr Roberto Cooper Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s