REFLUXO GASTROESOFÁGICO

O refluxo gastroesofágico NÃO É UMA DOENÇA. Provavelmente consegui chamar a sua atenção para ler um pouco mais!

O refluxo gastroesofágico é o retorno do conteúdo que está no estômago (alimentos sendo digeridos), para o esfôfago (veja a ilustração). Isto ocorre normalmente em lactentes, crianças e adultos. É um fenômeno fisiológico, normal. Portanto, não é uma doença.

No entanto, quando esse refluxo produz lesões no aparelho digestivo ou mesmo fora deste, como no aparelho respiratório, é que podemos falar em doença do refluxo gastroesofágico. Todo mundo tem refluxo mas nem todo refluxo é doença. O simples fato de regurgitar ou vomitar não caracteriza a doença do refluxo gastroesofágico.

Hoje em dia há uma epidemia de diagnóstico de doença do refluxo gastroesofágico. O termo foi popularizado e difundido de tal forma que, basta a criança manifestar alguma irritablidade após a mamada, regurgitando, para os pais chegarem no consultório com o diagnóstico feito: Dr. nosso bebê tem refluxo!

O diagnóstico de doença do refluxo gastroesofágico é complexo porque não existe um único exame que comprove a existência dessa doença. Os exames de imagem (raios X ou ultrassonografia) são úteis para demonstrar que não existem mal formações ou estenoses (estreitamentos) no aparelho digestivo. A presença de refluxo, nesses exames, não é suficiente para se afirmar que há uma doença do refluxo. Pode ser o refluxo fisiológico. Outros exames são invasivos como a endoscopia, a medida da pressão do esôfago e do seu pH (acidez) e devem ser pedidos somente nos casos onde a suspeita clínica seja forte.

Como diferenciar refluxo de doença do refluxo? Nem sempre é fácil, mas alguns sinais podem ser observados:

  • ganho de peso. O bebê que ganha peso dentro do esperado, dificilmente terá doença do refluxo. Por outro lado, uma criança que  não ganha peso como esperado ou até perde peso, junto com outros sinais, pode ter a doença do refluxo.
  • irritabilidade. Este é um sinal importante, mas que pode ter muitas causas. Merece ser valorizado e discutido com seu pediatra. Se a irritabilidade for intensa, interrompendo as mamadas e, além disso, o bebê não ganhar peso, a hipótese de doença do refluxo deve ser considerada.
  • presença de sangue no vômito ou na regurgitação é um sinal que deve ser comunicado imediatamente ao pediatra.
  • anemia. Se, além da irritabilidade e não ganho esperado de peso a criança apresentar anemia, deve-se pensar em doença do refluxo.
  • tosse noturna e ou quadros respiratórios podem ser um indicador de doença do refluxo com manifestações fora do aparelho digestivo.

Somente o seu pediatra  poderá, a partir do seu relato e observações, associado ao exame clínico, decidir se há uma suspeita de doença do refluxo gastro esofágico, pedindo ou não exames complementares e orientando os pais quanto às condutas a serem tomadas. Muitas vezes o pediatra vai optar por tentar medidas que não incluem remédios em um primeiro momento ou poderá fazer uma prova terapêutica com medicamentos.

Se você suspeita que seu bebê possa ter doença do refluxo, converse com seu pediatra, lembrando que refluxo (sem doença) é normal.

A informação que eu gostaria de passar para os pais é de que nem todo bebê que golfa e resmunga um pouco tem doença do refluxo gastroesofágico. Um dos indicadores importantes é o ganho de peso. Se o seu bebê ganha peso como esperado, diminuem as chances dele ter a doença do refluxo. Lembre-se de colocar seu bebê para arrotar na posição vertical, por uns 20  minutos após cada mamada. Independentemente dele ter ou não a doença do refluxo, é um bom hábito.

Se você tiver algum comentário ou dúvida, por favor envie pelo blog. Tentarei responder o melhor possível. Lembro apenas que, pelo blog, é impossível (ou leviano) tentar fazer diagnósticos específicos ou sugerir tratamentos. Somente seu pediatra, numa consulta, poderá fazê-lo.

 

342 pensamentos sobre “REFLUXO GASTROESOFÁGICO

  1. Dr Cooper,

    parabens pelo blog ! Tenho lido os seus posts e gostei bastante da linguagem simples e direta direcionada aos pais, abordando assuntos que nos preocupam e eliminando as “neuras” que tanto nos aflingem …

    Essa semana mesmo pensei em escrever para voce sugerindo o tema do refluxo e tive a grata surpresa de ver esse post antes mesmo que eu tivesse a chance de mandar um email !

    Meu filho (hoje com 4 anos) golfava muito quando nenem e eu insisti bastante com os seus pediatras aqui nos EUA, onde moro, que deveriamos fazer alguma coisa. Eles me convenceram de que a quantidade de leite que ele botava para fora apos as mamadas (na minha opiniao excessiva) nao era tao grande assim (me pedindo que jogasse uma colherzinha de leite ou qq liquido no chao para que eu percebesse que o que parecia bastante, na verdade nao passava de uma colherzinha de café) e que estava tudo bem, ja que ele ganhava peso e crescia normalmente. O quadro desapareceu quando o meu filho comecou a sentar e solidos foram introduzidos a alimentacao.

    Hj com o meu segundo bebe (um pouco menos que 2 meses de idade), o quadro se repete: ele tambem golfa muito quase sempre apos as mamadas, mas nao parece incomodado e ganha peso e cresce normalmente. Quando mencionei o assunto ao pediatra (diferente do pediatra que atendia o meu primeiro filho), ja certa de que nada devia fazer ou me preocupar, ele prescreveu Zantac para que ele tome ate 1 ano de idade. Me disse que 4 anos depois a medicina tem outros procedimentos e que temos que ter muito cuidado para que essa situacao “nao machuque”o esofago do meu bebe…. Me disse tambem para ficar com ele pelo menos 30 min na posicao vertical apos mamadas (que sao 100% LM).

    Com essas informacoes tenho as seguintes perguntas e duvidas:

    – O Zantac (que pelo que parece tem um gosto horrivel) eh somente para prevenir a azia e nao para impedir que ele tenha refluxo, correto ?
    – Tenho tido longas noites, pois o meu bebe faz um intervalo curto entre as mamadas (2 horas) e depois de ficar com ele 30 min na posicao de arroto, ainda pode golfar na troca de fraldas ou mesmo qdo o coloco de novo no berco causando algumas trocas de roupas noturnas minhas e dele ! (que por sua vez acabam com mais golfadas). Existem outras coisas que posso fazer para garantir noites mais tranquilas ?
    – Li em um grupo de discussao de maes que leite e derivados consumidos pela mae podem causar esse quadro de refluxo nos bebes. Voce acredita existir algum fundamento nisso ? Meu pediatra aqui em Miami disse que nao…
    – Finalmente, nesse mesmo grupo de maes, li que a azia derivada do quadro de refluxo pode causar o bebe a “achar”que tem fome e querer mamar mais frequentemente. Isso eh verdade ?

    Depois de anos aqui nos EUA tenho uma grande admiracao pela medicina brasileira e o lado mais humano e diferenciado que os profissionais tratam os pacientes na minha terra natal. Por isso gostaria de saber suas dicas e comentarios.

    Desde ja agradeco !
    Karina (irma da Ilana)

    • Karina,
      Obrigado pelas palavras gentis. A ideia do blog é exatamente a de abordar os temas de uma forma simples, transmitindo informações confiáveis para que os pais possam se sentir mais seguros.
      Como eu disse, fica muito difícil responder a questões específica. No entanto, suas perguntas possuem uma característica genérica e, certamente, devem representar dúvidas de outros pais. Minhas repostas:
      – Zantac- é um bloqueador da secreção ácida do estômago (tecnicamente chamado de antagonista H2 da histamina) e sua função não é a de impedir o refluxo mas sim de reduzir a acidez do mesmo. A “lógica” seria a de evitar uma lesão no esôfago. Como eu tentei mostrar no post do blog, o refluxo é algo normal. Se é normal, não há indicação para tratamento. Simples assim. Isso não é coisa de médico brasileiro. A literatura médica americana de boa qualidade, não deixa dúvida alguma com relação a esse ponto. Agora, se a criança tem a doença do refluxo, aí sim está indicado tratamento.
      – Aos 2 meses é muito cedo para se esperar um ritmo regular de mamadas ou intervalos mais longos. Portanto, a vontade de mamar do seu segundo bebê me parece perfeitamente coerente com a idade dele.
      – colocar para arrotar por 20 minutos é uma boa prática, com ou sem doença do refluxo. No entanto, as noites ficam infernais. Não é um “pecado” você reduzir drasticamente esse tempo, nas mamadas noturnas (5 a 10m). Golfar quando coloca no berço ou troca as fraldas, não é um grande problema. Infelizmente, não tenho uma solução mágica para noites mais tranquilas. Só posso lhe dizer que muito em breve seu filho (é um menino?) vai espaçar mais as mamadas, lhe dando um pouco mais de tempo para descansar.
      – a alimentação da mãe não tem nenhuma relação com o quadro de refluxo. Refluxo é normal. Também não tem relação com doença do refluxo. A alimentação da mãe, eventualmente pode estar implicada em alergias alimentares, mas isso já é outra história (com alguma polêmica).
      – quanto à “azia” fazer com que o bebê “ache” que está com fome, nunca li nada a respeito. Me parece mais uma dessas coisas que nós adultos criamos, a partir de nossa vivência adulta. Muitos adultos com azia sentem alívio ao comer algo e, por isso, comem mais frequentemente. Não conheço nenhum estudo sério que tenha comprovado isso. Pelo contrário, crianças com doença do refluxo, sentem dor ao mamar, interrompem suas mamadas, ficando com fome verdadeira (e perdendo peso!). Lembre-se que seu filho tem dois meses e que, nessa idade, o padrão de mamadas (intervalo) é ainda muito variável.
      Espero ter respondido às suas perguntas. Se não o fiz, me diga.

    • OLA DR. COOPER.

      MINHA FILHA TEM 1 MÊS E 12 DIAS. ANDO MUITO PREOCUPADA COM ELA, PQ ELA APOS AS MAMADAS REGURGITA E SEMPRE SAI PELAS NARINAS, E NUMA DESSAS VEZES QUASE A PERDI PORQUE, ELA NAO CONSEGUIA RESPIRAR E FICOU ROXA. MINHA MÃE QUE SALVOU ELA. TENHO TODOS OS CUIDADOS APOS CADA MAMADA, MAS ASSIM MESMO ACONTECE. E, SE ESTIVER COM A CABECINHA BAIXA É PIOR AINDA. ELA ESTÁ COM UMA RONQUIDÃO DESDE A PRIMEIRA VEZ QUE SAIU LEITE PELAS NARINAS. TEM TOSSES, E, NESTA ULTIMA SEMANA, ELA FICOU MEIO CONSTIPADA DEVIDO A MUDANÇA DE TEMPO, E, HOJE PELA MANHÃ SAIU PELO NARIZ MESMO ESTANDO DE LADO E TER ARROTADO ANTES. DEMOREI PRA DESAFOGAR ELA. MARQUEI UMA CONSULTA COM PEDIATRA NA SEGUNDA A TARDE. ISSO. A RONQUIDÃO E TOSSE ACONTECE TODOS OS DIAS. TAMBÉM TEM MUITO SOLUÇO APOS MAMAR. O QUE PODE ME ACONSELHAR?

    • DR. TMBÉM ESQUECI DE DIZER QUE MINHA FILHA NÃO DORME DIREITO A NOITE, É MUITO IRRITADA, E, DORME DURANTE O DIA. O PESO DELA ESTA NORMAL, COMPATIVEL COM A IDADE. SEM MAIS, AGRADEÇO SUA ATENÇÃO.

      • Prezada Andrea,
        Se o peso da sua filha está normal, ótima notícia. O que ela deve ter é um refluxo normal. Isto é, não tem a doença do refluxo. Todo bebê saudável tem refluxo. Alguns mais, chegando a golfar pelo nariz, como a sua filha. Bebês da idade da sua filha não sabem ainda o que é dia e o que é noite. Não raro ficam irritados ou choram, em algum momento que pode tanto ser de dia, quanto à noite. Acredito que, na segunda, o seu pediatra irá lhe orientar e tranquilizar, dizendo que sua filha é um bebê saudável.

    • Dr minha filha está vomitando TUDO que mama logo em seguida,às vezes até mamando ela vomita, fica irritada até conseguir vomitar tudo pelo menos até 1h30 2h depois,só que logo que acaba de mamar e vomita ela continua com fome (é claro)em dias ela ganhou 100g apenas e nao cresceu nada. Estou muito preocupada,o que devo fazer?

    • boa noite , socorro minha bebe já mamaou varios leite art. e todos ela mama só un 5 dias e depois não quer mais hj ela tem 3 meses e só esta mamando entre 40 ,50 ,,60 90 e com muit custo 120 ml ela chorra demais o dia inteiro e na hora de mamar então só por deus ,,,,,,se joga para traz grita sua demais e a barriga dela sempre esta dura estufada e quando o leite cai no estomago parece q esta caindo num poço fundo de tanto barulho que faz …..já levei em dois ped e ele dizem q é normal q é só cólica e q é pra insiste cm o leite
      hj mesmo ela mamou ao meio dia e depois consegui fzr ela mama só a sete da noite com muito custo mamou 120 ml…….ela chora de mais ,espirra muito , tosse sempre ~coça demais o narizinho
      conclusão já fiz de tudo rezei ,benzi ,tudo q me ensinam eu faço e nada muda …. pior q ela chora de fome mais não mama não sei pq ….. estou tentando marca outro ped pra ela e ve si resolvo esse poblema , pq estou muito preocupada com ela ………estou ficando loka meu deus do céuuuuu
      ah mais graças a deus ela não vomita e nem tem diarréia mais ce contorce inteira as veses não consigo nem segura ela no meu colo de tanto q se contorçe e chora demaisssss
      e durante a noite a barriguinha dela faz tanto barullho que da dó e tbm já tentei simiticona ,flagass ,dimeticona e não passa
      enfim socorroooooooooooo abraços e obrigada

      • Prezada Patricia,
        Como o blog não substitui uma consulta médica, seria irresponsabilidade minha fazer qualquer comentário sobre a sua filha. No entanto, indenpendentemente do que ela tenha ou até ela não tendo nenhuma doença (o que é possível), é importante que você mantenha uma certa calma ou, pelo menos tente. Ao perceber que ela está se contorcendo, tente colocá-la no seu colo, acariciá-la, cantar, sussurrar. Mantenha-a no seu colo, conversando com ela. Não fique tentando coisas diferentes, a cada momento (trocar a fralda, tentar dar de mamar, colocar chupeta etc.). Se você ficar cansada ou irritada (o que é normal) com o choro dela, peça para outra pessoa ficar com ela no colo (seu marido, mãe, irmã, empregada, amiga), segurando-a de forma muito “apertadinha” por um tempo, até que descanse. Ao mesmo tempo, sugiro que procure um pediatra em quem confie e com quem possa conversar a respeito. Não espere uma solução imediata em uma consulta. Muitas vezes o pediatra precisa conhecer melhor a criança e aí traçar uma estratégia de investigação (se for o caso). Ficar mudando de pediatra só vai aumentar a sua insegurança.

      • Oi Patrícia eu tenho um bebe de 4 meses que tem o mesmo problema. Como está sua bebe hoje? Se vc puder me contatar eu agradeço. Preciso muito de ajuda a situação está insustentável. Meu email pri_dmp@hormail.com

  2. Bom dia Dr Cooper, parabéns pelo blog e pelas informações. Tenho uma bebe de 43 dias e foi diagnosticada reflexo. Ela golfa em quase todas as mamadas, não dorme de dia, somente a noite, e esta tomando Label. Não acredito neste diagnostico, pois minha filha é bem espertinha e saudavel. Relaciono o fato dela estar dormindo pouco ao fato de ter muitos, mas muitos gases. Acho que seja um refluxo fisiologico que não mereça tratamento. A unica coisa que me intriga é que ela no ultimo mes engordou 25 gramas por dia, mas cresceu 6 cm. Este aumento de peso é pouco? Posso pensar em refluxo que mereça ser tratado? Ela não fez nenhum exame.

    • Julia,
      Infelizmente, não é possível se fazer um diagnóstico sem conhecer e examinar a criança. Assim, no blog eu fico limitado a opinar de forma genérica e não específica. O que eu posso lhe dizer é que ganhar 25 gramas por dia é bem aceitável. O importante é continuar monitorando esse ganho para ver se ele se mantém, aumenta ou diminui. O diagnóstico de refluxo, com 43 dias de vida é possível. No entanto, o quadro clínico deveria, em tese, ser muito mais rico, incluindo não ganhar peso, o que não parece ser o caso. Quanto ao choro, vários motivos podem levar um bebê a chorar. Recomendo que tenha uma conversa franca com seu pediatra, manifestando suas dúvidas e inquietações.
      Adoraria poder lhe ajudar mais, mas seria irresponsável de minha parte fazer qualquer tipo de hipótese diagnóstica através do blog.

  3. Boa tarde!!
    Doutor eu estou sendo tratada com refluxo e faz mais de 50 dias que eu tomo ´medicamentos e não melhoro, eu emagreci 7 kg em um mês, eu sinto uma queimação na garganta que é coisa de louco, fui tratada com todos os zol existentes, omeprazol, pantoprazol e agora pariet, e agora junto com o pariet domperidona, mas eu não estou sentindo melhoras, eu fiz ultrassonografia, raio X do pulmão porque quase morria de falta de ar, fiz endoscopia que deu uma gastrite leve, ja consultei com 2 otorrinos, com um clinico geral/gastro e com um gastro agora por ultimo que disse que se em 30 dias eu melhorar não é refluxo! eu não sei mais a que médico recorrer qual a especialidade, ja estou entrando em depressão, sinto uma secura na garganta, as vezes parece que tem um espeto que vai furar, ai tomando esses mdicamentos meu estomago doi, eu não sei mais o que fazer.

    • Solange,
      Percebo sua preocupação. Infelizmente, não posso ajudá-la. Sou pediatra e não seria capaz de tratar um adulto. Além disso, qualquer médico precisa conhecer e examinar o paciente para emitir uma opinião. O que eu posso lhe dizer é que um número grande de médicos consultados, nem sempre é o melhor caminho. Me parece que o que poderia lhe ajudar seria um bom clínico geral que “assumisse” você como sua paciente e coordenasse todos os pareceres de especialistas. Se isso ficar a seu critério, vai ficar muito confusa. Se puder ter um médico em quem possa confiar e conversar com ele sobre todos os aspectos do que sente, inclusive esse sentimento de depressão, seria melhor. Essa seria a melhor orientação que eu posso lhe dar, pelo blog.

  4. Boa noite Doutor,

    Existe a possibilidade do bebê mamar e mesmo assim sentir fome ? Ele não gorfa muito, vomitou algumas vezes, mas não é frequente, mas está sempre procurando o peito. Noto ele muito inquieto, fazendo caretas, e fazer força.

    Abraço.

    • Fernanda,
      Não sei a idade do seu bebê, mas um dos melhores maneiras de se saber se ele está recebendo leite em quantidade suficiente é avaliando o ganho de peso. Se o seu bebê está ganhando peso bem, ele está procurando o peito porque sente o cheiro ou pode ser que queira fazer do peito uma chupeta. O melhor que pode fazer é conversar com seu pediatra sobre o ganho de peso do seu bebê. Se ele não comentou nada, é porque deve estar ganhando peso bem e essa procura do peito não deve ser fome. Confirme com o seu pediatra, por favor.

  5. Bom dia!

    Dr. estou lendo o seu blog e fiquei com algumas duvidas. O meu bebê está com 5 meses e desde que nasceu vomita muito (aparentemente toda a mamada) independente da hora, pode ser logo após a mamada (no peito), pode ser 1 ou 2 ou 3 horas depois….. estou ficando desesperada, porque a pediatra dele diz que é normal pois ele está ganhando peso normal, dorme bem, não chora. ele “SÓ” vomita.

    Pode ser algum problema no esofago, ou algum outro orgão?
    Tem que tratar ou bebe vai parar de vomitar sozinho? Com qual idade?

    Por favor dr. me ajude.

    • Danielle,
      Fica muito difícil comentar um caso específico pelo blog, sem conhecer a criança. No entanto, pelo que descreve, não me parece que seu bebê tenha nenhuma doença. Pelo contrário, se ganha peso, dorme bem, não chora, é um bebê perfeitamente normal e sua pediatra está lhe orientando corretamente. Não precisa tratar porque não existe doença a ser tratada. Relaxe e curta os seu bebê. Os vômitos devem diminuir entre 6 e 8 meses de idade e, em torno de um ano, devem ter desaparecido.

  6. Dr Cooper, meu filho tem 1 ano e um mês, pesa 11 quilos e sempre teve o desenvolvimento dito como normal. Quando nasceu vomitava muito mas ao longo dos meses parou , mamando e comendo muito bem. Há uns 2 meses e meio teve uma pneomonia e alguns dias depois de tratado uma bronquio-pneomonia. Seguindo este quadro foi internado e no hospital começou a apresentar, além da tosse um quadro de apneia muito assustador, ficando roxo e perdendo os sentidos. Foi feito um exame de coqueluxe e outro de refluxo, o de coqueluche deu inconclusivo e o do refluxo positivo. Dr, estamos medicando ele com Domperidone a Losec Mups (omeprasol) mas as crises continuam com a mesma frequência (1 a cada 4 dias) e com a mesma gravidade. Isso é normal? Há realmente indicios de refluxo? Não era para as crises diminuirem com o tratamento? Estou desesperada. Muito obrigada desde já.

    • Débora,
      Fico em uma posição muito delicada quando me pede para opinar sobre o caso específico do seu filho. Sem conhecê-lo, examiná-lo e me aprofundar em detalhes, seria leviano da minha parte arriscar qualquer tipo de resposta ou comentário. O que eu realmente sugiro é que tenha uma conversa franca com o seu pediatra, fazendo todas as perguntas que lhe ocorrem. Caso o seu pediatra não lhe dê todas as respostas ou ainda se quiser ter mais certeza do que lhe foi dito, busque uma segunda opinião. Não é feio fazer isso. Muito pelo contrário, é um direito seu que pode ser exercido a qualquer momento. Espero que compreenda minha impossibilidade de comentar especificamente sobre o seu filho.

  7. Doutor Socorro
    Minha filha tem refluxo e foi diagnosticado com 9 meses hoje ela esta com 2 anos e 1 mes e desde os 9 meses ela faz o tratamento com domperidona, ela não vomita mas sempre apos as refeições ela apresenta a regorgitação mas engole, o problema é uma tosse constante que não passa nunca, ja ficou internada por broncopneumonia ja levei em varios pediatras, pneumologista e alergista ja fiz varios tratamentos mas nada da tosse seder.
    Hoje levei em outro pediatra que mudou a medicação para refluxo e pediu para suspender o leite imediatamente, não sei como vou fazer isso. Eu tenho mesmo que suspender o leite mesmo com o novo tratamento? Ela toma ninho com sustagem uma mamadeira de manhã e outra a noite 200 ml.
    Por favor agurado resposta.
    Obrigada

    • Daniela,
      Entendo sua preocupação com relação à sua filha. Pelo blog, é impossível para mim opinar sobre uma criança específica. Somente conhecendo a história detalhada e tendo examinado a criança é que um médico pode falar a respeito. Não sei qual o motivo que levou o pediatra a suspender o leite imediatamente. Só se suspeitou de alergia à proteína do leite de vaca. Sugiro que pergunte ao pediatra o motivo e se, de fato, teria que suspender essa mamadeira. Dentre os especialistas que consultou, algum deles era um gastroenterologista pediátrico? Espero que compreenda a limitação que o blog tem. Não dá para se fazer uma conusulta virtual!

  8. Dr Cooper, minha primeira filha tinha refluxo principalmente na mamada da noite que costumo dar as 20:00 após o banho. O pediatra recomendou Label e ela começou a consegui mamar. Minha segunda filha esta com 1 mês e tem o mesmo quadro só que mais forte e ela não consegue sequer mamar nesta mamada após o banho, chora muito e acaba ficando sem mamar. Existe alguma relação entre o banho e o aumento do refluxo? Porque o refluxo fica pior nas mamadas noturnas? Posso fazer algo para melhorar? Obrigada

    • Prezada Cristiane,
      Não conheço relação entre banho e refluxo. Por outro lado, à noite, mesmo um bebê passa mais tempo deitado. Se a pessoa ou o bebê tem a doença do refluxo (refluxo todos nós temos), o fato de ficar deitado pode agravar. Sugiro que faça uma consulta com seu pediatra para que ele lhe oriente.

  9. Ola tire uma duvida por favor …minha filha foi diagnosticada com refluxo com dois meses de idade hj ela tem 1ano e6 meses…ela toma domperidona e label…so que ela nao dorme a noite dorme 1hora da manha todo dia…e tem um sono muito agitado estou muito preocupada pode me ajudar dizendo ae e normal…

    • Cristiane,
      É muito difícil lhe dar uma ajuda específica, já que o blog não substitui uma consulta. Em geral, quando uma criança tem doença do refluxo (que não é a mesma coisa que refluxo) esta cessa em torno de um ano, um ano e pouco, quando o músculo que está localizado no final do esôfago passa a “funcionar” melhor. Assim, em princípio, o sono agitado de uma criança de um ano e seis meses não deveria ser por conta de doença do refluxo. Por outro lado, o sono “agitado” pode ser absolutamente normal. Por isso, recomendo que converse com seu pediatra e veja qual a orientação que ele lhe dará.

      • obrigada doutor pela explicaçaõ agradeço muito descobri que a agitação dela era por conta das presas que estão nascendo ..e tb pelo que o doutor disse que criança dessa idade o sono e agitado mesmo…obrigada doutor pelo carinho que tem por todas nossas mamães…

      • Prezada Cristiane,
        O sono varia de criança para criança e de idade para idade. Sei que, muitas vezes, as mães ficam muito aflitas com essa “irregularidade”. Obrigado por seu comentário gentil.

  10. Dr Roberto Cooper, bom dia!
    Meu filho teve otites de repetição, catarro no ouvido, tosse, rouquidão, perda do ar de tanto tossir a noite, garganta “assada”, como disse o pediatra. Passou boa parte do ano passado com antibioticos. Ele tem agora 1 ano e 11 meses e começou com esses sintomas assim que o retirei do peito (com um ano e 1 mes). Mamou ninho, nan HA, e passou para o Neocate. Faz tratamento há 3 meses com domperidona e omeprazol, pois o levei a uma gastro pediatra, que solicitou exames clinicos como raio-X contrastado de esofago, duodeno… com o leite que ele mamava antes. Detectou refluxo oculto. Isso o fez melhorar muito juntamente com condutas de manejo (elevar a cabeceira da cama, deitar somente apos uma hora apos alimentar-se e comer alimentos sem cafeina, gordura em excesso, bebidas gaseificas…). Agora mudará o leite pois o governo nao o dara mais, irei para outros leites (amendoa, arroz e aveia) e farei testes de provocação com soja assada (biscoitos, bolos) para depois tentar o leite de soja (nan soy ou aptamil soja). Agora que conseguiu engordar e crescer… faz 60 dias que nao fica doente e nao precisa de antibioticos!
    Gostaria de saber se é esperado que a criança ainda apresente tosse noturna (sempre começa por volta da 1 da madrugada) porem com menor intensidade, ou seja, quero saber se a criança MELHORA do refluxo, nao sara, pois é essa a impressao que tenho. Até quando essas tossem podem acontecer?
    Obrigada, Érika

    • Prezada Erika,
      O blog é um bom meio de divulgar informação, no entanto, não substitui uma consulta. Opinar sobre uma criança só deve ser feito por quem conhece a sua história e a examinou. Percebo que seu filho está sendo bem acompanhado. Sugiro que discuta com a pediatra suas dúvidas. Ela certamente é a pessoa mais indicada para lhe orientar. Em tese, em crianças, refluxo melhora e até cura. Isso se deve a um melhor funcionamento do músculo que existe onde o esôfago atravessa o diafragma. Quanto à tosse, esta pode ter sua origem no refluxo, mas pode ser provocada por outras causas como alergias, sinusites etc. Mais uma vez, sua pediatra é quem poderá dar um diagnóstico para seu filho.

  11. Olá Dr ! Minha bebê de 9 meses está fazendo o tratamento de refluxo com domperidona e já come sem vomitar.Ela está muito abaixo do peso por isso procuro alimenta-la bem para que ganhe peso, só que gostaria de saber o que posso dá para que o peso dela aumente mais rápido,fico muito preocupada.

    • Prezads Daniella,
      O seu pediatra é a melhor pessoa para lhe orientar porque o blog não substitui uma consulta. Mas posso lhe dizer que, se sua filha está se alimentando bem, não deve tentar acelerar o seu ganho de peso. Basta você continuar a lhe dar carinho e comida, respeitando o ritmo e aceitação dela que, com o tempo, ganhará peso. Lembre-se que algumas crianças são mais ” magras” do que outras, mas igualmente saudáveis. Talvez se conseguir não se preocupar tanto, será melhor para todos. Sei que não é fåcil!

  12. Dr. meu nome é Ingrid , tenho 15 anos.
    Bom , quando eu tinha dois anos de idade , fiz uma cirurgia de refluxo. Ainda tenho a cicatriz um pouco grande na barriga , mas enfim. Passou-se esses anos , e alguns alimentos que eu como , por exemplo : azeite de dendê , castanha , avelã ou coisas assim , me deixam com uma dor insuportável no estômago. E as vezes , quando eu consumo algum tipo de alimento , não específico , eu sinto um enjoo estranho , náuseas. Eu gostaria de saber se tem alguma coisa a ver.

    • Prezada Ingrid,
      Pelo que me descreveu, deveria procurar um gastroenterologista para lhe orientar. O que sente pode ter relação com refluxo, mas pode ser outra coisa como uma gastrite ou até algum tipo de sensibilidade para certos alimentos. Somente através de uma detalhada história, um exame clínico e os exames complementares necessários é que o seu médico poderá chegar a um diagnóstico e lhe orientar adequadamente.

  13. Olá Doutor,meu nome é Renata e tenho um filho de 4 anos que tem refluxo, descobre a cerca de 01 ano , pois ele tinha crises constante de asma e certo dia ele teve uma crise de tosse que durou mais de 15 dias e que não estava respondendo ao tratamento que era para asma.Foi ai que a pediatra percebeu que ele estava com sintomas de reluxo e era o refluxo que fazia ele ter crises de tosse e ficar cansado . Ele começou a tomat motilium e label( tomou durante uns 6 meses) , ai ficou bem e voltou a se alimentar normal.
    mais a 2 meses parei o medimento e agora ele voltou a ter a tosse e ficar sem comer.
    sera que ele vai ter que ficar sempre tomando esse medicamento?

    • Prezada Renata,
      Existem outros motivos para uma criança tossir e perder o apetite, além da doença do refluxo. Seria recomendável que seu pediatra examinasse seu filho para ver se é o refluxo ou outro diagnóstico. Caso seja o refluxo o responsável pela tosse e inapetência do seu filho, sugiro que discuta com seu pediatra uma eventual consulta com um gastroenterologista pediátrico.

  14. Oi doutor minha filha tem refluxo desde dois meses de idade hj ela tem 1ano e 7 meses a pediatra que passei disse que nao e normal ainda ter com essa idade estou preocupada tire essa duvida pra mim e normal ter ate que idade obrigada…

    • Cristiane,
      Como explique no post sobre o assunto, refluxo é algo que todo mundo tem, normalmente. Doença do refluxo é algo diferente. É quando esse refluxo passa a produzir doença no esôfago da criança. Habitualmente, crianças que possuem doença do refluxo, tendem a reduzir ou desaparecer os sintomas em torno de um ano e pouco. Lembre-se que existem muitas crianças rotuladas como tendo doença do refluxo, medicadas, que só têm o refluxo, que é normal.

  15. obrigada doutor por me ajudar e aliviar meu coração de mãe…mais ja marquei tb um especialista gatrologista infantil para averiguar como ela esta …parabens pelo seu blog vc ajuda muito todas as mães …e eu sou uma delas…um abraço e deus abençoe

  16. Oi Dr! Acabei de “descobrir” seu blog, maravilhoso, já está nos meus favoritos… informação de verdade, isso ajuda muito! Pelos textos sinto seu profissionalismo.
    Gostaria de uma opinião, daquilo que sua experiencia como pediatra pode ajudar… é o seguinte: minha filha Sofia (atualmente 1 ano e 8 meses) foi diagnosticada com refluxo gastroesofagico severo quando estava com 1 ano e 2 meses, após o exame phmetria. Foi uma procura por médicos pediatras, exames, consultorios, uma preocupação sem fim até chegarmos na maravilhosa dra. pediatra gastroenterologista. Não queriamos fazer o exame por ser invasivo, mas chegamos numa situação que não tinha mais como…. ela comia pouco, só mamava, não dormia a noite, chorava e chorava a noite…. iniciamos tratamento com losec mups 20 mg e domperidona. Ela melhorou muito! Ganhou peso, passou a comer. Com 1 ano e 6 meses tirei a amamentação, ela não tomava mamadeira…. sem o mama pegou mamadeira de café com leite (ñ aceita nenhum tipo de mingau, nem na colher).
    Atualmente ela continua tratamento, mas a médica disse para parar o losec (que já é o de 10 mg), mas paramos por 10 dias e tivemos q reiniciar pq ela ficou muito ruim para comer…. meu questionamento é: refluxo oculto tem cura?? o café prejudica, apesar de ser pouquinho? ela ñ toma refrigerante e é uma criança “dificil” para comer…. por favor me ajude! ela vai ter refluxo sempre?
    desde já agradeço! Tatiane SC

    • Prezada Tatiane,
      Você é a primeira mãe que fala em refluxo e phmetria, que é um exame importante no diagnóstico de doença do refluxo. A ultrassonografia, feita por centenas de bebês, não tem o menor valor para o diagnóstico da doença do refluxo. Ainda assim, um grande número de crianças é medicada por causa de um resultado de ultrassom! Esse fato me faz acreditar que está sendo acompanhada por uma gastro pediátrica de boa formação e experiência. Portanto, nada mais justo do que dirigir as suas perguntas (mais do que razoáveis) para ela. Minha resposta seria genérica e, por isso mesmo, inadequada para você. O que eu posso lhe dizer é que o refluxo não é, obrigatoriamente, para sempre. Quanto a ser uma criança difícil para comer, isso pode não se dever à doença do refluxo e sim a um comportamento bastante comum em crianças. Tenha paciência com o refluxo da sua filha e com minha resposta que não pode ser mais direta ou específica.

      • Dr, de qualquer forma muito obrigada pela sua resposta… eu já fiz estes questionamentos a médica de minha filha sim, é só curiosidade de uma segunda opinião… sabe como é mãe, né doutor! Somos mto preocupadas.
        Minha filha teve consulta essa semana, a médica prescreveu o losec 20 mg novamente, ela é ótima médica sim e confio nela. Só escrevi no seu blog por excesso de preocupação.
        Seu blog é muito bom!!! Parabéns!

  17. Boa Tarde, Dr. Roberto.
    Adorei o seu blog;
    Minha filha atualmente tem 4 meses, sempre mamou mamadeira super bem até os 3 meses (tomava tudo e ainda queria mais..). Quando ela estava com 3 meses e meio, largou o peito de vez, e continuou só com a mamadeira. Mas, mesmo com a mamadeira começou a apresentar alguns fatos estranhos q ela nao apresentava antes. Começou a golfar…mas, parecia sempre ser o excesso…pq ela tomava tudo de uma vez..e como sempre foi muito agitada ..nao parava no colo…mexendo as perninhas e querendo fazer algumas posturas no colo como abdominais..
    depois de umas semanas..começou a querer mamar picado..antes mamava os 150ml de uma vez só..ai começou a mamar 80..70..100ml..arrotava e nao queria mais…
    tinha dias que passavam 5 horas entre as mamadas e ela nao tinha fome…colocava a mamadeira e ela virava o rosto…ou quando tinha fome mamava 30 ml…e empurrava a mamadeira com a lingua..ai dava novamente a mamadeira..abria a boquinha como se quisesse mamar ;;;mas, logo desistia..parecia que tinha algo na garganta a sufocando (tipo engasgo)..ai ela ficava agitada e nao queria mais..ai chorava pq tava forçando uma coisa que ela nao queria mamar..
    sei lá…se doia..ou se realmente ela nao tava com fome..parecia q a digestao tava lenta;;; ela nao arrotava mais como antigamente….
    ela está ganhando peso normalmente …conforme a pediatra disse…nao perdeu peso…e cresceu tb;. está dentro da média…apesar q acho q a altura das crianças da idade dela sao maiores…
    Devido mto tempo…5 horas sem mamar…e querer mamar só 30 ml…e do nada ela desistir e começar a chorar pq eu ficava insistindo com a mamadeira;;;;a medica pediu o exame EED…fizemos e nao apareceu nenhuma alteração no exame na parte digestiva, mas, ela apresentou 2 episodios de refluxo gastroesofagico III. a medica que fez o exame até achou estranho pois disse q minha filha nao tinha perfil de criança com refluxo.
    Achei interessante em sua materia q vc comenta q este tipo de exame nao é conclusivo…e me despertou uma certa curiosidade…q nao é pq apresentou que ela tem a doença…isso me chamou a atenção..
    a pediatra quando viu o exame achou estranho ter dado positivo, até pq minha filha tá ganhando peso…a unica coisa é que ela quer mamar picado durante o dia…quando ela está bem acordada..70ml..110ml…100ml…ou ela nao quer depois das 5 horas…e faz o show dela…e assim vai tomando picado as mamadeiras;;..mas, quando ela está sonolenta…ela mama tudo (os 150ml)..sem ficar agitada…sem apresentar nada…coloco ela posição para arrotar, ela arrota e continua dormindo..
    fico uns 10 a 20 minutos com ela em pé…antes de colocar para deitar e percebi que se eu deixar naquela posição de 30graus parece q ela fica melhor durante o dia..
    ah..lembrei q qdo ela arrota e as vezes gorfa um pouco…ela soluça e muitoooo;;;
    nao sei se é impressao minha..mas, ela nao gorfa em jato..ou em grande quantidade..ela gorfa bem pouquinho…a nao ser quando pressiona a barriga..etc…mas, é bem pouco..
    o que mais me incomoda,,,é que tenho deixar minha filha tranquila para mamar a mamadeira…
    em publico,,,com barulho…ela nao mama direito..com gente falando…ela nao mama direito mesmo..ela fica agitada…e para de mamar na hora..
    acho isso um sufoco..pois tem tanta criança q mama bem em publico e a minha nao…

    dorme bem..nao tem sono agitado…é uma criança risonha…a unica coisa é que parece mamar sempre a mesma quantidade…ai quando está agitada nao mama tudo…e nao consigo que ela mame mais leite igual as latas descrevem para a idade dela…tenho medo que com isso ela perca peso e nao se desenvolva igual as crianças com a idade dela…exemplo já era para ela estar tomando de 180 a 200ml de leite e 5 mamadeiras…
    ela nao quer as 5 mamadeiras…sempre parece estar satisfeita com 4 mamadeiras e seus 150ml quando está tranquila…
    mas, qdo está agitada..mama picado..

    será que quando ela está mamando e fica agitada..por causa do leite voltar…ela fica agoniada,,,ou acha q está satisfeita e empurra a mamadeira com a lingua????
    pq antes ela nao fazia isso e começou a fazer com 3 meses e meio???

    nem a pediatra fecha diagnostico..e me deixou mais confuso…
    acham q ela está bem e pronto…

    a pediatra passou domperidona esta semana pra ver se ajuda ela mamar mais..e parar com esta agitação na hora da mamadeira…e ver se ela apresenta fome…

    será que realmente ela tem refluxo pq constatou no exame??? ou será uma crise dos 3/4meses????
    abraços simone

  18. Doutor..esqueci de comentar que além dos soluços que ela apresenta;;; as vezes depois de arrotar e golfar pouco…
    ela as vezes quando começa a mamar a mamadeira…ela vai com tanta ansiedade q as vezes se engasga…
    tb percebi que agora ela parece q anda com o nariz entupido…as vezes mama e parece q tá roncando…mas, isso só apresentou estes dias, mas, é mais a noite…durante o dia nao apresenta nao…

    • Prezada Simone,
      Seu longo relato e agora este, menor, são muito bem feitos. Apesar dos detalhes que me descreveu, o blog não substitui uma consulta médica. O que eu posso lhe dizer, de forma genérica, é que um bebê de 4 meses que está crescendo, ganhando peso, dormindo bem à noite e sorridente, tem enormes chances de ser uma criança inteiramente saudável. O fato de golfar e soluçar é normalíssimo. A lata sinaliza um volume médio estimado, sem considerar as particularidades e individualidade do bebê. Novamente, se uma criança ganha peso e cresce, é porque recebe o alimento que necessista. Quanto a não mamar em publico, entendo seu constrangimento, mas é preciso compreender que bebês são diferentes entre si. Comparar bebês só vai dar angustia e ansiedade. Sempre haverá um que faz “mais” do que o nosso. Coloquei “mais” entre aspas para sinalizar que mais não é melhor. Recomendo que converse longamente com seu pediatra. É a pessoa mais indicada para lhe orientar e dar segurança. Talvez sua pediatra não consiga fechar um diagnóstico porque não há um a ser feito! Relaxe um pouco e veja as boas coisas do seu bebê (dormir, sorrir, ganhar peso e crescer).

  19. Dr. tenho um filho de 7 meses e desde que ele nasceu, trato com Label e Domperidona. Já faz algum tempo que quando o coloco no berço depois da mamada (mamadeira e peito) ele fica acordando várias vezes durante a noite ( a cada 1h +-) muito incomodado, como se estivesse com vontade de arrotar, mas não arrota. O que pode ser isso, fico preocupada e muito exausta, pois levanto muitas vezes para pegá-lo pra ver se arrota. Se não pego ele chora muito. Aguardo uma resposta.

    • Prezada Larissa,
      O blog não substitui uma consulta médica. Acredito que seu pediatra é a melhor pessoa para lhe dar uma orientação adequada. Apenas como uma contribuição, duas coisas me ocorreram. A primeira seria fome. Será que seu filho gostaria de mamar mais. Acho que já teria desconfiado e dado mais. A segunda é que, nessa idade, 7 meses, muitos bebês precisam se “certificar” que a mãe não “desapareceu”. Pode parecer estranho, mas não raro, em torno de 7/8 meses os bebês choram apenas para ver se a mãe aparece e isso os tranquiliza, por um tempinho. Mas, acho que nada substitui uma conversa com seu pediatra.

  20. Dr. Roberto, agradeço sua atenção e sua resposta..o que me tranquiliza. Com certeza minha filha é uma criança saudável., e nao tem nenhum problema, ela é normal..tenho que relaxar e curtir minha filha do jeito que ela é…logo que esta fase dos 4 meses passa…e virão outras fases..rsrsrs..
    Porém, como indicação da médica faz uma semana que estamos dando a domperidona, antes sem o medicamento ela golfava bem pouco e talhadinho. Agora com o medicamento ela golfa o leite normal (limpo) que ela tomou..e em muito mais quantidade…
    sobre as mamadas..de mamar picado..etc…achamos que com o medicamento ela está tomando até menos leite..
    será que é reação do medicamento o que está acontecendo agora??? ou seja, o medicamento não está ajudando em nada???
    Abraços.

    • Prezada Simone,
      Que bom que sua filha é saudável e você consegue percebê-la desta forma. Quanto à medicação, espero que compreenda que o blog não me permite fazer nenhum comentário porque seria leviano ou irresponsável da minha parte. Somente após uma história clínica detalhada e um exame físico, é que um médico pode opinar sobre o paciente e sua medicação.

  21. Dr. meu filho de 30 dias, desde o terceiro dia, fica muito agitado depois das mamadas e vomita muito. Seguindo orientações de pediatras, fico com ele em pé por quase 40 mim, as vezes até uma hora. Já tentamos complemento, AR, acreditando que ele poderia ter fome. Foi um desastre, vomitou tudo que ingeriu. Não está ganhando peso, e não consegue dormir por mais de 30 mim. seguidos, acorda quase sempre fazendo movimentos com a língua e depois de um tempo vomita mais. Muitas vezes, mais de uma hora que mamou ainda apresenta vomitos. Percebo, que está com muito sono, mas algo o incomoda muito. Houve situaçoes em que ele colocou leite para fora até pelo nariz. Está sendo medicado com omeprazol (segundo orientação do último pediatra que consultei). Na mamada após tomar o medicamento ele consegue dormir por mais de tres horas. Porém, somente, depois é o dia e a noite toda, mama, se contorce de dor, vomita, pega no sono, acorda, vomita e assim vai. Muito difícil vê-lo passar tanto mal e senti-lo cada vez mais magrinho. Desesperada!!!!! Também estou com restrição alimentar de leites e derivados, mas nada mudou. Já consultei tres pediatras e provavelmente meu desespero me fará procurar mais outros.
    No aguardo de uma breve resposta, desde já agradeço.
    Fabiana.

    • Prezada Fabiana,
      Entendo o seu desespero. Ao mesmo tempo, o blog não substitui uma consulta médica. O que eu posso lhe dizer é para não ficar procurando vários pediatras. Escolha um que tenha boas referências e em quem você confie. Muitas vezes é preciso um pouco de tempo para que se chegue a um diagnóstico, fazendo exames e/ou dando medicações em uma sequência lógica. Sem esse tempo para a investigação estruturada, fica muito mais difícil se chegar a um diagnóstico. Sem um diagnóstico, o tratamento fica sendo apenas na base da tentativa e erro. Por isso, o melhor que posso lhe dizer e que espero que vá lhe ajudar é para você elegar um único pediatra em quem confie e siga, ao menos por um tempo, a orientação que lhe for dada. Espero que compreenda a limitação do blog.

  22. Olá Dr.Cooper,

    As informações do seu blog são excelentes obrigada por compartilhar conosco, estou aprendendo a ser mamãe pois meu filho tem 15 dias e a pediatra diagnosticou que ele tem refluxo, ele mama bem e não reclama durante a mamada mas assim que ele termina ainda em pé ele tem ânsia forte ele ate grita e se contorce mas não gorfa ele simplesmente não consegue, a medica me indicou o Label e o bromoprida.
    Gostaria de saber se existe alguma coisa que eu possa fazer para aliviar a dor dele.

    Desde já muito obrigada!

  23. Meu filho tem 9 meses com 9kls, está tendo tosses noturnas que chegam a durar 01 hr, essas tosses começam depois que ele toma a mamadeira muitas vezes ele chega a vomitar o leite, mesmo tomando leite com engrossante. Significa um refluxo? O que posso fazer para melhorar?
    Obrigada.

    • Prezada Vivian,
      O blog não substitui uma consulta médica. Por esse motivo é impossível, para mim, comentar especificamente seu filho. Converse com seu pediatra que é a melhor pessoa para lhe orientar. Do ponto de vista genérico, um bebê de 9 meses não deveria mamar várias vezes à noite. O fato de tossir e vomitar, por si só não caracteriza um refluxo. Pode ser um dos diagnósticos diferenciais a ser investigado. Recomendo uma conversa franca com seu pediatra. Espero que compreenda a limitação do blog.

  24. Meu filho tem 9 meses com 9kls, está tendo tosses noturnas que chegam a durar 01 hr, essas tosses começam depois que ele toma a mamadeira muitas vezes ele chega a vomitar o leite, mesmo tomando leite com engrossante. Significa um refluxo? O que posso fazer para melhorar?
    Deixando a observação que ele tomou Mutilium até 05 meses, pois chorava depois de mamar, passou e agora começou essa tosse.
    A médica primeiro mandou ele tomar hixizine, depois vibral somente a noite.
    E nada dessa tosse passar…
    Já estou desesperada, pois ele tem tosse já um mês acorda duas horas da manhã mama e tosse até as três uma tosse seca, o nariz sempre entupido.
    Durante o dia ele tosse bem menos, mesmo assim tosse…
    O que faço Doutor?
    Obrigada
    Obrigada.

    • Vivian,
      Respondi ao seu outro comentário sem ver que esta continha mais detalhes. Mas, minha resposta pouco muda porque, sem conhecer e examinar uma criança, fica impossível para mim opinar. Converse com sua pediatra. Se você não está totalmente confiante, tem todo o direito de ouvir uma segunda opinião de outro pediatra.

    • Prezada Aline,
      Em tese, é possível uma pessoa desenvolver doença do refluxo em qualquer idade. É importante diferenciar refluxo de doença do refluxo. Seu pediatra é a melhor pessoa para fazer essa diferenciação e lhe orientar.

  25. Dr. Roberto, Bom dia!
    Primeiramente parabêns pelo Blog!

    Tenho um bebe de 3 meses que parou de mamar no peito simplismente está rejeitando desde quando tinha 2 meses, ele mamava muito inquieto, se jogava para trás, as vezes chorava mas não intensamente mas chorava, começou a mamar bem menos tanto que no primeiro mês ganhava 60gr por dia, no segundo caiu para 33, e no terceiro 22gr por dia, me pareceu uma queda grande de peso mas o pediatra achou normal, ele nunca golfa, mas como não estava querendo pegar o peito e chegou a ficar 6horas sem mamar comecei a estranhar e sempre que ele mamava 2 minutos eu preparava a mamadeira de Nan Pro e ele mamava até 120ml mostra que o peito não era suficiente mas tenho leite muito leite mesmo, ele que não gosta de sugar. Agora percebo que com o leite artificial ele também fica irritado, faz um barulho enormo no estomago e chora larga a mamadeira, tenho que acalma-lo para depois voltar a mamar, qual seria sua opnião? Me ajude por favor, tentei de tudo para ele nào largar o peito, relactação com sonda nasograstrica, tirar na bomba e dar na mamadeira, colher, de tudo já chorei muito mas não tem jeito acho que ele sentia dor e relacionou isso com o peito, não tenho certeza disso mas não entendo como ele mamava tão bem no primeiro mês e como diminuiu as mamadas do segundo para o terceiro mês, já fui em dois pediatras diferentes mas nenhum deu muita importancia para esses comentários levando em conta somente o ganho de peso.
    Se puder me ajudar somente com sua opninão tem alguma indicação de refluxo agradeço pois tenho receio de alergia a lactose já que eu e meus dois irmãos sofremos deste mal quando bebes.

    • Prezada Lucinea,
      Para que um médico possa dar uma opinião sobre um caso específico, é preciso conhecer a história detalhada e fazer um exame físico da criança. Por esse motivo, o blog não substitui uma consulta médica. Em tese, uma criança que ganha peso dentro do esperado, não tem doença do refluxo. Isso não é uma regra absoluta, mas é um indicador muito forte. Do mesmo modo, a intolerância à lactose, em bebês, tende a se manifestar com diarréia e não apenas desconforto. Sugiro que tenha uma conversa franca com seu pediatra e veja qual a orientação que ele lhe dá. É importante estabelecer um vínculo de confiança com seu pediatra. Não vale a pena ficar ouvindo vários pediatras. Isso só vai confundi-la. Espero que compreenda a limitação do blog de não substituir uma consulta.

  26. Dr Cooper,
    minha filha tem 39 dias e foi diagnosticada como tendo refluxo. Ela mama bastante e quando a coloco para arrotar, chora como se doesse fazer isso. Arrota muitas vezes, e fica incomoda. Quando a coloco no berço em menos de meia hora já está arqueando as costas para trás (para arrotar mais) e começa a chorar. Consequentemente dorme muito pouco durante o dia, apesar de notarmos que ela está exausta. Está tomando Label mas ainda nao notei melhoras significativas. Esse quadro seria de refluxo? Tem alguma coisa a mais que podemos fazer? Já compramos travesseiro anti-refluxo e ficamos com ela pelo menos 30 min após as mamadas. É tão difícil, muito triste ver minha filhinha sofrer assim.
    Obrigada pela atenção e parabéns pelo seu blog, muito bom!

    Fernanda

    • Prezada Fernanda,
      O diagnóstico de doença do refluxo não é simples. Exige uma história detalhada, exame físico e a decisão de realizar exames complementares. Como nem todo refluxo é doença (só a minoria), esses cuidados todos devem ser redobrados, evitando que se medique desnecessariamente. O blog não substitui uma consulta médica e, por esse motivo, não posso opinar sobre sua filha, especificamente. Tudo que descreveu poderiam fazer parte de um quadro de doença do refluxo, bem como de um simples refluxo (sem doença). Somente o seu pediatra poderá lhe orientar. Sugiro que converse com ele de maneira franca e discuta a necessidade ou não de um gastro pediátrico avaliar sua filha. Espero que compreenda a limitação do blog. Obrigado por suas palavras gentis.

  27. Boa tarde Dr.
    Meu filho tem 17 dias…
    Há 5 dias ele começou a ter crises de refluxo….
    os sintomas q está tendo é: golfadas dps das mamadas (não sempre); Não arrota todas as vezes; qdo arrota chora; tem soluços, de vez em qdo tosse… vc vê q ele tem um refluxo aí ele chora mto e fica mto nervoso… aconteçe mto de ele estar quase dormindo e vir um refluxo e ele acordar chorando e mtoooo irritado, tentamos acalma-lo, mais é mto dificil…
    Ele nasceu com 3,400kg e agora está com 3,200kg.
    Ele mama de dia de 3 em 3 horas… e a noite a ultima mamada dele é as 23:30 aí a próxima é só as 6 da manhã.
    ja inclinei um pouco o berço… e deixo ele 20 min dps das mamadas na posição vertical.
    a noite ele dorme bem, de dia é q o bicho pega… e ele não dorme quase nada…. sonos breves e leves.
    A pediatra receitou, e ele ja está tomando á 5 dias o label 3 x ao dia, e o mottilium 3 x ao dia 20 min antes da mamada… Mas mesmo assim ainda não tem resultados satisfatorios….
    Alguma orientação Dr? estou desesperada, em ver ele sofrer tanto com isso… Sei o tanto q isso é ruim pois eu ja fiz cirurgia de refluxo com 28 anos e sei tudo o q eu passava…
    Espero sua ajuda DR…
    desde já agradeço.

    • Prezada Dany,
      O blog não substitui uma consulta médica e, por esse motivo, qualquer opinião que eu emita seria irresponsável da minha parte. Farei alguns comentários genéricos, não específicos ao seu filho.
      Refluxo é algo fisiológico, normal. Todo mundo tem refluxo. Doença do refluxo é algo diferente e só uma minoria das pessoas com refluxo apresentam a doença do refluxo.
      Fazer o diagnóstico de doença do refluxo em um bebê de 17 dias, me parece precoce. Um bebê de 17 dias golfa, ora arrota, ora não, chora sem motivo aparente etc.
      Minha sugestão é que você tenha uma conversa franca com a sua pediatra e avaliem se ele está com fome, ainda que mamando. Um bom método seria o de você pesá-lo com uma semana de intervalo. Se você não se sentir confortável com o que sua pediatra disser, busque uma segunda opinião. Como lhe disse, é impossível para mim opinar, sem colher uma história e examinar a criança. Mas, sugiro que relaxe um pouco porque a situação não é desesperadora (ainda que pareça!).

      • Obrigado pelas diccas Dr…
        Mas para mim me parece claro seu refluxo (patologico ou não) ele tipo q dá um unico soluço e vc ve a carinha dele dps disso….
        Mas concordo q seja algo normal nessa idade….. mas Dr. tem alguma orientação para melhorar isso???
        obrigada Dr. seu blog ajuda muito.

      • Dany,
        Se o seu filho tem a doença do refluxo que, para ser diagnosticada adequadamente necessitaria de exames complementares como uma endoscopia e/ou medida do pH intra-esofágico (a ultrassonografia não tem nenhuma indicação no diagnóstico da doença do refluxo), sua pediatra lhe daria uma série de medidas, incluindo medicamentos, a serem seguidas.
        Se, por outro lado, seu filho tem apenas o refluxo normal, sem doença, não ná nenhuma necessidade de ” melhorar” esta situação. O que você pode fazer, são as medidas habituais como deixar seu filho na vertical (no colo) por uns 20 minutos após cada mamada, não dar de mamar com ele deitado etc. Não necessitaria de cuidados especiais ou atitudes diferentes, da sua parte.
        Considero muito importante que estabeleça um vínculo de confiança com a pediatra. Com este vínculo, se sentirá segura para seguir as orientações e isso evitará que fique buscando muitas opiniões (médicas e/ou de amigos). Muitas opiniões tendem a nos confundir e aumentar a nossa insegurança. Se sentir segura vai permitir que cuide do seu bebê de forma mais relaxada e tranquila. Sucesso!

  28. Dr. Gostei muito de sua matéria sobre refluxo, o caso do meu filho hoje com 2 anos e 5 meses é que ele não ganha peso. Quando o Arthur tinha 4 meses ele gritava e se retorcia de dores na barrigudinha, foi diagnosticado refluxo, tomou medicamentos, passado algum tempo ele já com 1 ano de idade vomitava muito, onde perdeu peso e entramos com medicamento, agora ele com 2 anos e 5 meses não sai dos 11 kg, o pediatra pediu exame de cintilografia, onde foi diagnosticado múltiplos refluxos e ele diz que é por isso que meu pequena não pega o peso ideal para sua idade, estou desesperada, porque o tratamento vai durar 3 meses com medicamentos Label 2 x por dia e Motilium 3 x por dia manhã, almoço e jantar, será que conseguiremos o desejado. Torço para que estes medicamentos controlem seu refluxo e o deixe ganhar peso e seja tudo normal. Abraços.

    • Prezada Maria Carolina,
      Escolha um pediatra de sua confiança (parece que já escolheu) e siga as orientações, sempre perguntando sobre suas dúvidas. Como o blog não substitui uma consulta, não posso opinar sobre seu filho, mas, desejo sucesso para vocês!

  29. Dr. Obrigada, seguirei sim com o pediatra dele, mas o que me deixa intrigada é como o refluxo age no organismo sem ter regurgitações ou vômitos, evitando assim o ganho de peso, esta é minha pergunta. Abraços.

    • Maria Carolina,
      Não sei se entendi sua pergunta, mas, a doença do refluxo influi no ganho de peso porque o bebê mama menos. Se o bebê mama normalmente, a doença do refluxo ou o refluxo fisiológico não possuem uma ação interna que impeça o bebê de ganhar peso.

  30. oi Dr Roberto como a amiga Maria Carolina tenho duvidas de como age o refluxo para evitar o ganho de peso?Minha bebe tem 1 ano e 3 meses e desde os 7 meses toma o motiliun e o label para tratar o refluxo e é muito magrinha nunca atingiu a media de peso mensal e ultimamente não engorda nada no mês, fico muito preocupada mas so agora o pediatra pediu para q levasse em um gastro,tenho muito receio de ter q fazer uma endoscopia.qual sua opnião preciso de ajuda mil duvidas…..abraços

    • Prezada Fabiele,
      A doença do refluxo impede o bebê de ganhar peso se este comer menos (como uma defesa). Não existe um mecanismo interno ou específico da doença do refluxo que impeça a criança de ganhar peso. Quanto à endoscopia, é um dos métodos corretos para se avaliar se um refluxo está produzindo doença ou não. Hoje em dia é absolutamente seguro.

  31. Minha filha tem 2 anos e 5 meses e esta co 9.800 gr. ELa nasceu com 2.250 gr. Desde o primeiro dia de vida ela tomou o man ha.Pois nao tive leite soficiente para amamenta-la. Ela vomitacava muito e chorava muito. Disseram ser intolerancia lactose.dai entao substitui pregomim. Depois isomil com 8 meses e logo nos primeiro 3 meses troquei para aptamil pept. A soja prendeu muito o intestino. Este mes foram pedido exames de indoscopia e alergia alimentar e todos os exames deram normal. De 1 mes para ca ela tem estado muito resfriadinha a 20 Dias atras teve infeccao de garganta e depois ovido tomou ceclor por 10 dias de 8 em 8 hrs. Em uma semana depois me aparece congestionada e com os 2 ovidinho vermelinho e agora esta domando desalex , predsim e pingando 2 gotas de otosporin. 0 que pode ser? Todos o exames como hemograma completo, sempre deram mormais! O que vc me diz do exame ph metria. Este eu ainda nao tive coragem de fazer pois ela e muito serelepe.

    • Prezada Flavia,
      O blog não substitui uma consulta, mas, pelo que me descreveu, me parece que sua filha é uma criança saudável que, apresentou dois episódios seguidos de um processo de vias aéreas superiores. Nesta idade e nesta época do ano, isso pode ser normal. Mas, sugiro que o seu pediatra a examine para poder lhe tranquilizar e orientar. Quanto ao exame de pHmetria, é o mais indicado para se fazer um diagnóstico de doença do refluxo. Se o seu pediatra suspeita que ela possa ter a DRE, o exame é importante.

  32. Prezado Dr Roberto, minha bebê ultimamente toda vez que vai comer começa a tossir,basta ela ver a comida,algumas vezes chora.Ela já toma domperidona mais mesmo assim fica tossindo e forçando vômito, é um sofrimento a hora das refeiçoes fazemos de tudo p q ela se alimente bem.O Dr tem alguma sugestao do q faço?

    • Daniella,
      Seria importante colher uma história bem detalhada, incluindo perguntas como: a tosse acontece antes de comer? olhou para a comida e tosse? se sim, todo tipo de comida? a tosse acontece depois que engole? toda vez? acontece com todos os alimentos? líquidos e sólidos/pastosos? E por aí vai. Seriam perguntas importantes para nortear o raciocínio clínico. Depois, um bom exame físico. Se você tem um pediatra, ótimo. Ele terá os pesos e altura da sua bebê e poderá analisar a curva dela. Depois dessas etapas todas, a decisão (ou não) de pedir algum exame complementar ou solicitar a opinião de um especialista (gastro? pneumo? alergista? otorrino? ). A escolha do especialista vai depender do que o seu médico conseguiu reunir das etapas anteriores. Estou lhe descrevendo as etapas para justificar que o blog não substiui uma consulta médica. Existem várias causas para tossir enquanto come e eu dizer o que quer que seja, seria irresponsável da minha parte. O que posso (e devo) fazer é lhe incentivar a bater um papo franco com seu pediatra. Espero que compreenda a limitação do blog.

  33. Dr. Cooper,

    Nosso filho tem 10 meses e há 2 meses que ele ganha pouco peso. No último ganhou apenas 100g.

    Minha esposa trabalha e ele não aceita mamadeira de modo algum. Conseguimos fazer com ele bebesse leite num copinho, mas ele mal bebe dois copinhos durante o dia. De manhã, na hora do almoço e à noite, ele bebe pouco leite materno também, geralmente por estar com sono.

    Há dois dias, conforme indicação da pediatra dele, reiniciamos o uso do Label, pois ela crê que seja refluxo. Inclusive, ele tem passado por um quadro de doença respiratório há alguns dias, como se fosse alérgico, pois não houve sintomas de resfriado nem nada. A garganta irritada… enfim, o que o senhor recomenda para ganho de peso do meu menino?

    Obrigado, Doutor, e parabéns pelo blog!

    Frederico

    • Prezado Frederico,
      Seu filho é acompanhado por um pediatra que o conhece e já o examinou. É a pessoa mais indicada para lhe orientar porque o blog não substitui uma consulta médica. Sem falar especificamente do seu filho, mas genericamente de uma criança que não ganhe peso, é preciso tentar estabelecer uma causa para esse pouco ganho. Na grande maioria das vezes há algum ajuste na rotina alimentar da criança que resolve a situação. Mas, também existem causas mais complexas que precisam, de forma coordenada ser afastadas. Por esse motivo, seria uma irresponsabilidade minha fazer alguma recomendação, sem ter um diagnóstico ou, pelo menos, algumas hipóteses diagnósticas. Espero que compreenda a limitação do blog. Sugiro uma conversa franca com seu pediatra.

  34. boa noite, doutor!
    uma dúvida: minha bebê tem 4 meses e depois que mama de madrugada raramente ela arrota. Eu passo mei hora com ela em pezinha e ela não arrota. o que fazer?

    • Prezada Jailma,
      Não é obrigatório que o bebê arrote todas as vezes. Se você deixa sua filha por 20 minutos mais na vertical (no seu colo) e ela não arrotar, coloque-a para dormir. Nos dias em que estiver cansada e não quiser esperar 20 minutos, nenhum problema, coloque-a para dormir. Não há nada que precise fazer de diferente do que já faz.

  35. Bom dia Dr. Cooper,

    Primeiramente, parabéns pelo seu blog (já aprendi aqui apenas em alguns minutos que refluxo todos nós temos e que difere de doença de refluxo, e também que gripe e resfriado não são a mesma coisa…rs)!

    Tenho um filho de 3 anos e 6 meses que é super saudável e ativo. Ele mamou exclusivamente leite materno até os 4 meses, depois voltei a trabalhar e ele começou a tomar suco de laranja, água e leite materno que eu tirava com a bombinha e congelava para a baba dar com a mamadeira no dia seguinte. Nunca foi um bebê de golfar, na verdade nem me lembro dele ter golfado alguma vez. Com 6 meses começamos a introduzir os alimentos sólidos seguindo as recomendações da pediatra.

    Sempre se alimentou normalmente, ganha peso e medidas como o esperado. O único detalhe é que, desde que passou a ingerir os alimentos sólidos, ele tem uma facilidade enorme para vomitar, parece que não controla. Sempre que se engasga com qualquer coisa ou se tem crises de tosse quando está resfriado (ou quando corre muito, por muito tempo brincando) acaba vomitando. Até na natação que ele entrou há 4 meses, às vezes entra água pelo narizinho dele, ele se engasga, começa a tossir e vomita o almoço que comeu 3 horas antes.

    E todos ficam me perturbando: “Será que ele tem refluxo?”. E eu, que nunca fui uma mãe neurótica que parece até “procurar doenças” para o filho, estou começando a me perguntar se há algo a ser investigado.

    Já questionei a pediatra (que confio muito, acho que ela tem uns 35 anos de experiência!) sobre o assunto e ela não fez muito caso, passou um remedinho para náusea apenas. Mas percebo que ele nem tem náusea, ele não fica enjoado, nem reclama de nenhum mal estar. É repentino, basta apenas tossir.

    Sei que não pode dar um diagnóstico através do blog Dr., mas poderia me dar alguma ideia do que poderia ser, um especialista para procurar ou me dizer apenas que isto é comum?

    Obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco!

    Um grande abraço,

    Roberta dos Reis

    • Prezada Roberta,
      Alguns pontos que me chamaram a atenção, na sua narrativa:
      – filho saudável com bom desenvolvimento, ganho de peso etc.
      – pediatra experiente em quem confia
      – vômito quando tosse ou engasga
      Sem examinar uma criança, não posso fazer um diagnóstico. Mas, em tese, uma criança com bom desenvolvimento e na idade do seu filho, sem outro sintoma além do vômito quando tosse, não tem doença do refluxo. Ainda em tese, algumas crianças (e adultos) possuem um reflexo do vômito mais sensível e a tosse (ou engasgo) são capazes de disparar o mecanismo. Eventualmente, nem é preciso tossir. Algumas crianças, quando pedimos que abram bem a boca para examinarmos a garganta (sem colocar palitinho), sentem o impulso de vomitar.
      Como confia no pediatra que é experiente, suponho que ele teria pedido uma investigação, caso suspeitasse de algo. Relaxe e não dê ouvidos ao que dizem (leia meu post- Terrorismo na Praçinha). Se está em dúvida, vale uma conversa franca com seu pediatra.

      • Obrigada pela atenção e informação Dr. Cooper!

        Eu realmente tinha a impressão de que meu filho apenas tem um “reflexo do vômito mais sensível” e nunca encarei isto como algo grave ou como um grande problema, até porque não interfere no seu desenvolvimento. Além de que, como já dissemos, acredito e confio no trabalho da pediatra do meu filho e penso que se fosse algo sério ela iria investigar…..mas ouvir uma segunda opinião é reconfortante!!

        Mais uma vez, obrigada pela atenção e parabéns pelo seu blog!!!

        Estarei sempre por aqui…rsrs!

        Abçs,

        Roberta dos Reis

      • Roberta,
        Acho sensato o que pensa a respeito do seu filho. Apenas uma correção: não deve considerar meus comentários como uma segunda opinião! Uma segunda opinião médica depende de uma história clínica e exame físico. Pode parecer um esclarecimento irrelevante, mas, como essas midias são novidade, pode dar a entender que substituem uma consulta, o que não é verdade. No caso do seu filho, fiz um comentário em tese e utilizei alguns dados do relato que fez, principalmente o de que tem um pediatra experiente em quem confia.
        Seja bem-vinda ao blog. Volte sempre e participe. A participação dos leitores enriquece, muito, o blog.Obrigado por participar.

  36. Desculpe Dr., me expressei errado.

    Não quis utilizar seu comentário como uma segunda opinião médica, pois sei que o blog não substitui uma consulta e um exame físico.

    Quis dizer que considerei seus comentários porque, sem dúvidas, entende mais do assunto que eu (leiga…rsrs!). Sei que se baseou apenas nos relatos que fiz e em teses que estudou, mas chegamos à uma mesma conclusão – digamos assim -, o que me fez confiar ainda mais nos meus instintos maternos e na pediatra que acompanha meu filhotinho! ;)

    Obrigada por tudo e até logo!

  37. Dr Roberto, meu filho esta com 7 meses e meio, sempre gorfou muito, quando estava apenas no leite e mesmo depois de introduzir alimentos solidos. Como ele esta crescendo normalmente, segundo o pediatra, ja fico um pouco mais tranquila, porem percebo incomodos quando o alimento volta e logo depois tem soluços. Antes dormia super bem e ja fazem 4 noites que demora a dormir e parece sentir dores, não tem febre, nenhum machucado, não é fralda ou fome ou frio pois moro no nordeste. Será que este incomodo pode ser a acidez? Quando ele dorme as vezes tosse um pouco mas percebo ser saliva em excesso. Até entendo refluxo ser normal, so não entendo como poder deixar um bebe sentir este desconforto! Se meu filho continuar a crescer normalmente, significa que não iremos tratar pois não precisa de tratamento, e significa também que ele vai continuar com este desconforto até quando?

    • Prezada Kattia,
      Como seu filho é acompanhado por pediatra e você me relata que ele se desenvolve bem, é bem provável que nem desconforto ele tenha! Quando uma criança tem desconforto, passa a comer menos e, consequentemente, não ganha peso. O blog não substitui uma consulta, mas seu relato sugere um bebê saudável, sem necessidade de tratamento e que, provavelmente, não tem desconforto. Sugiro que mantenha visitas regulares ao seu pediatra para que ele possa acompanhar o crescimento e desenvolvimento do seu filho e, ao mesmo tempo, lhe orientar e tranquilizar.

  38. Olá Dr. Boa tarde, quem lhe fala é uma mãe aflita, como tantas outras…tenho uma filha de dois anos e nove meses, ela é saudável, linda e perfeita, come de tudo, porém qdo era bebê regurgitava muito, chegando a sair leite pelo nariz, depois q começou as papinhas ela começou a vomitar e isso é até hj, ela vomita quase todos os dias, qualquer tipo de alimento q seja, ela já entende, então chora muito depois, está uma situação muito difícil pra todos nós e principalmente para ela…tinha vez q melhorava, então agente sempre ia levando, até mesmo por ser primeira filha, pela inexperiência não sabíamos o q poderia ser, bom, depois de anos lutando, ninguém diz q ela vomita tanto, pois está com 18 kg, é super esperta, mas o meu empenho é incansável…bom, depois de tudo, ela fez o exame RED, e foi constatado refluxo , em cinco minutos de pesquisa fluoroscópica intermitente foram observados dois episódios de refluxo gastroesofágico q atingiu o terço médio do esôfago, ela está ha duas semanas fazendo tratamento com Label e peridal, mas continua vomitando todos os dias, agora foi pedido o phmetria, com possibilidade de cirurgia, estou sem chão, em pânico de pensar na minha filha fazendo esta cirúrigia, o q o senhor teria pra me falar, na verdade me acalmar sobre esta cirurgia, muito obrigada!!!

    • Prezada Josiane,
      Tente não antecipar os eventos. Primeiro, faça a pHmetria e discuta o resultado com o pediatra. Se houver indicação de cirurgia, você conversará francamente com o cirurgião pediátrico. Hoje em dia, a segurança da anestesia é muito grande. Não só novos anestésicos foram desenvolvidos, como a monitorização do paciente é muito mais completa do que há anos atrás. Além desse aspecto, a cirurgia em si, não é de alta complexidade. Portanto, caso seja indicada a cirurgia, você tem elementos objetivos sobre os quais se apoiar, para se acalmar.

  39. Obrigada Dr. Vou tentar, é muito difícil ver quem agente mais ama nesta situação. Obrigada pelas palavras. Vou aguardar os resultados dos exames.

  40. Caro Dr., meu filho tem 2 anos e 3 meses e ja teve 2 quadros de pneumonia. Frequentemente tem sinusite e este ano ja tomou muitos antibioticos. Atualmente esta usando antialergico por 2 meses seguidos. Fiz exames de alergia e deram negativos e fiz US de abdomem com doppler e deu negativo. Ele nao vomita mas arrota com frequencia. A medica desconfia de refluxo e quer entrar com medicaçao. Ele é pessimo para tomar remedios orais e queria um diagnostico preciso para entao entrar com remedios. Será que é refluxo? Qual outro exame posso fazer para fechar o diagnostico?

    • Prezada Patrícia,
      Sugiro que converse com a sua medica a respeito de outros exames para diagnóstico de refluxo. Em geral, a história clínica é um dos elementos mais importantes no diagnóstico de doença do refluxo. Como escrevi no post, o refluxo é algo normal em todas as pessoas e, por esse motivo, o ultrassom não é um método confiável para fazer a diferença entre refluxo e doença do refluxo. Existem métodos mais sofisticados que podem ajudar. Dentre estes: pHmetria do esôfago, a impedância intraluminal multicanal que pode (e deve) ser associada à pHmetria ou ainda uma endoscopia digestiva alta, com biópsia do esôfago. Como você pode ver, nenhum desses exames é simples e, para justificar a indicação, é preciso um quadro clínico com alto índice de suspeita de doença do refluxo ou, no caso do seu filho, refluxo produzindo quadro respiratório.
      Assim, volto ao começo da minha resposta: sempre acho melhor discutir, em profundidade, com a médica que conhece seu filho. Ela é a melhor pessoa para orientá-la. Eventualmente, pode sugerir à médica se não seria o caso de uma segunda opinião de um especialista como um gastro pediátrico.

  41. Obrigada Dr., Ja estou tentando marcar um gastro pediatra, mas pelo plano de saude esta muito dificil e diante de tantos gastos que venho tendo ainda nao pude marcar particular.
    O exame de cintilografia esofagica é indicado?
    Nao queria fazer um exame tao invasivo como phmetria ou endoscopia.
    O fato é que ele nao sente nada. Nao reclama de nada. Estamos tomando todos os cuidados para refluxo (suspender cabeceira, nao tomar liquido durante as refeiçoes, retirar frutas acidas, nao dormir logo apos as refeiçoes, etc.) Mas os problemas respiratorios sao frequentes.
    Existe algum refluxo que nao é detectado em exames?

    • Patricia,
      Quanto à cintilografia esofágica, a Academia Americana de Pediatria, agora em abril de 2013, publicou diretrizes para doença do refluxo onde diz:”Therefore, gastroesophageal scintigraphy is not recommended in the routine evaluation of pediatric patients with GER”. Isto é, não teria indicação.
      Não há refluxo que não seja detectado ou é pouco provável que não seja.
      Seria muito importante um médico que sentasse com você e colhesse uma história minuciosa, detalhada. A história clínica tem um enorme valor e, através dela, o médico pode chegar a um diagnóstico, ou, pedir poucos exames. Teoricamente, seu filho pode ser uma criança saudável que teve alguns episódios de infecção do aparelho respiratório. Não quero dizer que o diagnóstico de doença do refluxo não seja possível. É uma das hipóteses diagnósticas que se deve pensar. Mas, não deve ser a primeira, nem a única.

  42. Olá, li sua matéria, li os comentários das mamães e gostaria de compartilhar minha dúvida.
    Moro no interior de MT, em um cidade sem recursos médicos, sem especialistas, sem hospital decente. Bem, meu filho nasceu no PR e hoje tem quase 5 meses. Amamentei no seio pois tinha muito leite mas ele sempre foi muito agitado, irritado, mamava 3, 5 minutos (isso com menos de 1 mês), mas ganhava peso normalmente. No segundo mês ele começou a não querer mais o peito: largava, pegava, largava, pegava. O pediatra orientou complementar com NAN Comfor e assim fiz.Tudo ia bem até ele largar o peito de vez e depois já não queria mais nem a mamadeira.
    As regurgitações dele sempre existiram mas na minha opinião nunca foram muito intensas. Mesmo assim, no segundo mês começou com motilium já que era muito irritado. Com 3 meses introduzimos o label também pois ele começou mamar cada vez menos.
    Recentemente viajei 500km para encontrar um gastropediatra na capital do Estado e relatei a história: meu bebê nao quer mamar e quando parece querer, não consegue. Vira a cabeça durante a mamada, mama de goles, está sempre arrotando, mesmo depois de 2h após a mamada. Passei pelos leites Nan Comfor, NAN AR, Aptamil AR e a história sempre se repete: ele aceita, mas bastam 4 dias e ele nao quer mais. NUNCA chora de fome e é capaz de ficar 7h sem mamar. Ao acordar ele não tem fome. E tem e sempre teve muitos gases. Não faz cocô todos os dias. A barriga dele faz barulhos quando mama… o intestino é preso. Um exame de sangue mostrou anemia e um de fezes sangue oculto.
    Após esse relato o médico chegou a conclusão de APLV e receitou Neocate. Aceitou bem no início. Começou mamar 120 ml mas bastaram 4 dias e ele começou a não querer mais. Caiu pra 90 ml, 60, 40. E voltou com os mesmos sintomas de sempre: agitado ao mamar, mexe as pernas, os braços, mama de goles…etc., etc. Não tem fome.
    Agora o médico pediu para continuar com Motilium, parar com Label e dar Losec Mups. Mas como esse medicamento não tem na minha cidade, estou esperando chegar.
    E o médico acha que pode não ser mais APLV, já que os sintomas persistem.
    Minha dúvida: volto para o NAN, Aptamil?
    Qual exame de refluxo é o melhor para se fazer?
    É normal uma criança nesta idade não ter fome?
    Gostaria de relatar que nas duas últimas semanas ele não só ganhou peso como perdeu.
    Se puder me ajudar com orientações agradeço muitíssimo!

  43. Apenas corrigindo: ele não vem ganhando peso nos dois últimos meses, mas não estava perdendo. No entanto, nas duas últimas semanas perdeu. Eu tenho me esforçado para dar mamadeira de 3h em 3h inclusive de madrugada! E somente na madrugada ele mama mais tranquilo, mas muito devagar…
    Não consegui introduzir sucos, nem água de coco, nem nada. Ele não aceita.
    Aguardo resposta. Obrigada mais uma vez.

    • Prezada Érika,
      Seu relato, muito bem feito, me fez compreender o quanto está aflita com seu filho. Gostaria muito de poder ajudá-la, mas, como o blog não substitui uma consulta médica, o que lhe direi talvez seja muito menos do que gostaria de ouvir.
      Você deve seguir a orientação do médico, desde que confie nele. Se não confia, estabeleça uma relação de confiança com outro. Sei que isso é muito difícil pelas condições onde está. Porém, ficar ouvindo várias opiniões apenas a confundirá mais. Além disso, alguns diagnósticos exigem algum tempo, idas e vindas, tentativas e erros, até possam ser feitos. Me parece que o gastro está seguindo uma linha de raciocínio muito razoável. Ele é, certamente, a melhor pessoa para lhe orientar quanto aos eventuais exames que se façam necessários.
      Gostaria de lhe ajudar mais, porém a internet tem esta limitação. Seu relato é perfeito, mas somente a interação pessoal, perguntas que surgem, aprofundar um pouco sobre a dinâmica familiar e, finalmente, examinar seu filho, me permitiriam opinar de forma mais categórica. Espero que compreenda.

  44. Bem, estou mesmo muito aflita… me pergunto todos os dias: o que meu filho tem que não tem fome, não quer mamar? É por causa do refluxo? é alguma coisa mais séria?
    Eu entendo que o Sr. não pode me ajudar pela internet, mas apenas me responda: já lidou com algum caso assim? existem crianças nesta idade que não tem fome?
    Obrigada!!!

    • Erika,
      Respondendo à sua pergunta: crianças geralmente têm fome. Isto é, possuem o impulso de se alimentar. Algumas são mais vorazes, outras muito menos. O que permite avaliar se um bebê está se alimentando satisfatoriamente é a sua curva de ganho de peso e crescimento. Não é preciso estar na média da curva. O importante é que o bebê ganhe peso e cresça de maneira consistente (dentro da sua própria curva). Quando isso não acontece é preciso se investigar, dentre algumas causas. Como você está sendo orientada por um gastro, ele vai conduzir essa investigação de forma sistematizada, sem sair pedindo um mundo de exames, ao mesmo tempo.

  45. dr coopeer
    minha irmã tem uma bebe de 2 meses e chora dia e noite toda hora quando ela dorme é porque tá cansada de tanto chorar ,golfa bastante ,e as vezes o golfo dela é uma baba bem grossa como se fosse um vomito passamos pelo pediatra várias vezes e ele pediu para procurarmos pediatra gastro mas não encontramos nenhum só a partir de 15 anos , ela tá tomando bromoprida e motilium mas não ta adiantando nada estamos desesperadas ,ela chora como se sentisse dor e se tivesse muita asia existe algum anti acido para bebe que podemos dar ? nos ajude por favor……

    • Prezada Adéli,
      Inicialmente,preciso esclarecer que o blog não substitui uma consulta. Por esse motivo, sugiro que procurem novamente o pediatra ou busquem uma segunda opinião. Nem todo choro de bebê significa dor. Doença do refluxo é algo raro e muitos bebês saudáveis golfam. Somente após uma história bem colhida e um exame físico, o médico poderá avaliar se precisa pedir algum exame e/ou prescrever algum remédio. Espero que compreendam a limitação da internet.

  46. Olá Dr. Roberto, o resultado da phmetria saiu, sei q o blog não substitui uma consulta, mas mesmo assim gostaria de sua opinião, foi detectado refluxo ácido gastroesofágico supino, índice de DeMEESTER de 33,8 (valor de referência 14,72), com esse dado daria pra saber se o tratamento porderá ser medicamentoso ou não? tenho muito medo ainda da cirurgia, obrigada!

    • Prezada Josiane,
      Sem ser uma consulta específica eu diria que sempre vale a pena se tentar o tratamento com remédios e não partir para uma cirurgia, quando não for uma emergência. Na eventualidade de haver indicação de cirurgia, eu buscaria uma segunda opinião. Não estou dizendo para não se operar. Apenas, que vale a pena, quando o caso permitir, esgotar todas as possibilidades e ouvir mais de uma opinião.

  47. Boa noite Dr. Cooper,
    Essa semana fiz na minha filha de 4 meses o exame de REED e foi detectado o refluxo em grau III, até agora não atrapalhou ela no ganho de peso, ela esta se desenvolvendo super bem, está com 7,300 e 63cm, o único problema é que ela funga muito e esta sempre com o nariz congestionado, isso pode ser por causa do refluxo? Será que o dela pode ser doença do refluxo gastroesofágico? Obrigado!!!

    • Prezada Tamara,
      O exame que sua filha fez apenas mostra um refluxo, mas não dá para diferenciar se é doença do refluxo ou não.Sugiro que converse com seu pediatra, inclusive sobre outras causas de nariz congestionado como alergias (apesar da pouca idade).

  48. Boa tarde Dr.
    Meu bebe tem 2 meses. Até 10 dias atras mamava tranquilo! Nos últimos dias começa mamar, mama uns 5 minutos e começa chorar.
    Troco o peito ele para uns minutos e começa tudo de novo.Toda mamada isso ocorre!
    É um stress!
    Ele so toma LM, vem engordando super bem, uma media de 35 gramas por dia.
    Pesquisando casos de bêbes que choram durante as mamadas uma das possibilidades que vi descobri que pode ser Refluxo Oculto!
    É possível um bb que não vomita e ganha peso normalmente ter refluxo???
    Meu pediatra descartou a hipótese mas meu bb chora muito mamando fico desconfiada da hipótese!
    Obrigada,

    • Prezada Elaina,
      Às vezes ouça mães se referindo a “refluxo oculto”. Confesso que não sei o que é isso, nem li nada em literatura científica. O blog não substitui uma consulta, mas, pelo que descreveu, me parece que seu pediatra estaria correto. Bebês choram pelos mais diversos motivos e, muitas vezes, não significa que estejam doentes ou com dor. O fato de seu bebê ganhar peso é um excelente indicador de que, apesar de chorar quando mama, está mamando muito bem (35 gramas por dia é acima do que consideramos muito bom!). Não hesite em conversar mais com seu pediatra que me pareceu alguém muito sensato. Poderia ter medicado (sem necessidade seu bebê) e não o fez.

  49. Boa noite Dr.Cooper,seu blog eh otimo..parabéns.ece
    Doutor meu filho tem 1 ano e 8 meses..quando tinha uns 4 meses a pediatra disse que ele tinha refluxo pois mamava e vomitava e sempre de madrugada,o dia mamava e nao tinha vomitos, ele tomou domperidona,dois vidros do mesmo com doses administradas de 8 em 8 horas, eu mesma parei de dar depois desses dois vidros, e ele ficou um tempo sem vomitar, ele teve tomando antibiticos e parece que isso mecheu com o estomago dele…e o refluxo voltou,com crises de tosse de madrugada depois de mamar..a medica voltou com o domperidona, isso seria mesmo refluxo? o peso dele hoje com 1 ano e 8 meses eh de 12,500kg..Me ajude!

    • Prezada Lindalva,
      O blog não substitui uma consulta médica. Por esse motivo, não é possível fazer um comentário específico sobre o seu filho. Recomendaria que tivesse uma conversa franca com sua pediatra, perguntando se não seria interessante ouvir um gastro pediátrico. Seu filho pode ter refluxo, mas, para ter certeza absoluta se o refluxo dele é normal ou se ele tm doença do refluxo, só com uma investigação mais aprofundada que pode ser conduzida pela pediatra ou por um gastro.

  50. Bom dia Dr., meu filho tem 2 meses e meio como não tive leite materno após várias tentativas de relactação tive que optar por fórmula. Ele toma NAN PRO 1 e faz uma semana que ele chora muito ao mamar e não mama direito. Levei ao pediatra e pelos sintomas suspeitamos de refluxo oculto o médico receitou Label 1 vez ao dia, Domperix de 8/8 horas e trocou o leite por Aptamil AR. Só que percebi que a troca do leite deu diarreia nele, por isso tive que voltar para o NAN, mas já faz 5 dias que ele está tomando medicação e não vejo melhora. Será que faz pouco tempo para a medicação agir e eu estou desesperada em vão? Me ajude, não sei o que fazer.

    • Prezada Maria Felix,
      O diagnóstico de doença do refluxo pode ser difícil de ser feito só em bases clínicas. Por outro lado, é da natureza dos bebês chorarem e, nem sempre, conseguimos chegar a uma conclusão sobre o que os leva a chorar. Por isso que é muito importante olharmos o bebê e a família como um todo. O ganho de peso é um excelente indicador que pode tranquilizar a todos. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre seu filho. O que eu posso lhe dizer é que tente relaxar um pouco e volte a conversar com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar e tranquilizar.

  51. Dr. Cooper, sou nova no blog, mas já me identifiquei com as situações. Meu filho foi diagnosticado com refluxo quando tinha 2 meses de idade e passou a utilizar o Losec Mups 10 mg. O sono dele sempre foi agitado, dorme muito pouco, tem dias que passa o dia inteiro sem dormir e a noite desperta varias vezes. Agora com 7 meses ele passou a uitilizar o Losec Mups de 20 mg. Percebo que ele ficou ainda mais agitado. Ele toma Neocate devido alergia da proteina do leite de vaca. Estou muito preocupada pois penso que o Losec 20mg deveria ajuda-lo porém sinto que piorou. Isso é normaç?

    • Prezada Ellen,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso opinar especificamente sobre o seu filho. O Losec não deveria produzir agitação e em caso de doença do refluxo, em princípio, produziria alívio nos sintomas, gerando conforto. Sugiro que converse francamente com seu pediatra e veja se não seria o caso de ouvir a opinião de um gastro pediátrico. Espero que compreenda a limitação do blog.

  52. Dr. Roberto, boa noite! Forammuito esclarecedoras suas palavras, então gostaria de aproveitar o espaço para tirar uma duvida a respeito da minha filha! Ela esta com 5 meses hoje e desde a segunda semana de vida que toma leite artificial. Primeiro começou pelo aptamil, aí veio a constipação que levou o pediatra a indicar o nan confor, quando ela estava com três meses, veio uma espécie de intolerância a lactose e passou uma semana tonando o nan sem lactose, so que ela nao aceitou bem o leite e o pediatra mudou para o nan ar em razão do diagnostico do refluxo patológico! Até aquele momento minha filha nao era de chorar, sempre dormiu a noite toda e estava bem desenvolvida, ágil, esperta, porém com um ganho de peso menor do que deveria e gofando muito! O pediatra habitual receitou também o motilium e o Label! Como ela continuava parecer nao ganhar peso, levei para uma gastro que receitou o losec alem do motilium e mudou o leite mais uma vez para o aptamil pepti ou althera por suspeitar de uma possível alergia a proteína do leite, já que tb minha bebe estava tomando 5 mamadeiras de 180 ml, mas nao estava ganhando o peso que deveria estar! Passei então a dar o aptamil pepti, engrossado com maizena, como receitado! Porém, após uma semana, minha filha começou a recusar o leite, passou a gofar ainda mais, e embora nao mais pareça sentir dor, já q nao chora hora alguma, reduziu a mamadeira de 180, para 100 com muita dificuldade! Mesmo tendo ganhado peso cerca de 350g em 15 dias, acredito que tenha sido apenas em razão da primeira semana que tomou a mamadeira normalmente, mas da forma que esta hoje, tenho certeza que ira perder peso, além de estar ficando irritada na hora de tomar o leite e parece se incomodar muito pelo efeito posterior! Queria saber o que fazer! Agradeço qualquer orientação!

    • Prezada Lilian,
      Me parece que está sendo bem acompanhada por um pediatra e um gastro pediátrico. Nem sempre o diagnóstico e a orientação terapêutica acontecem de imediato. Não raro, é preciso se fazer ensaios, avaliar os resultados e ir promovendo ajustes ou correções. Sei o quanto isso pode ser aflitivo para os pais, mas é preciso se ter paciência para não incorrer no erro de ficar ouvindo muitas opiniões e mudando o rumo do tratamento a todo momento. A base para essa paciência é a confiança no médicos. Se vocês sentem essa confiança, evitem ficar procurando outras opiniões que os deixarão mais confusos ainda. Se não confiam no médico, busquem um que lhes inspire confiança ou até apenas uma segunda opinião médica para lhes dar mais segurança. Como o blog não substitui uma consulta, não posso opinar especificamente sobre sua filha.Espero que compreenda esta limitação do blog/internet.

  53. DR MEU BEBE TEM 3 MESES E FOI DIAGNOSTICADO REFLUXO,A PEDIATRA DELE MANDOU EU DAR APTAMIL SEM LACTOSE PORQUE ELE TEM INTOLERANCIA,E MANDOU EU DAR DE 2 EM 2 HORAS 90 ML, MAIS ELE NAO AGUENTA TOMAR NESSE RITMO ENTÃO ACABA VOMITANDO,MAMA POR DIA EM TORNO DE 650 ML SERÁ QUE TÁ BOM ESSE TANTO?

    • Prezada Cilene,
      Muitas vezes o pediatra precisa ir “tateando” o tratamento. Isto é, somente através de tentativas e avaliação do resultado é que se consegue estabelecer um tratamento adequado. Os casos de refluxo e intolerância à lactose, como você descreve, se encaixam nesse tipo de situção onde é preciso experimentar e avaliar. Por isso, recomendo que retorne ao seu pediatra, relatando o que está ocorrendo, para que ele possa propor os ajustes e aguardar nova avaliação. Estou certo de que ele é a pessoa mais indicada para lhe orientar e tranquilizar.

  54. Doctor me ajude…estou muito desesperada!! Minha filha tem 7 anos e tem refluxo desde dos 7 meses de vida, ela faz tratamento com a pediatra e a nutricionista e deu uma grande melhorada em relação ao refluxo…Só que esses dias ela anda um pouco gripada e tá vomitando várias vezes, tá com 2 dias que não se alimenta direito e hoje ela acabou vomitando sangue junto com a refeição… É normal Doctor uma criança que tem refluxo comprovado vomitar sangue?? Me ajude Doctor estou muito nervosa…Tenho que marcar o retorno pra pediatra,mas infelizmente demora!!! Agradeço desde já…

    • Prezada Eudenice,
      Vomitar sangue não é normal.O que não significa que seja, obrigatoriamente, algo grave. Mas, certamente, é motivo para antecipar a sua consulta com a sua pediatra para que ela lhe oriente e tranquilize.

  55. Olá! Gostaria de uma orientação para o bebe de uma amiga. Hoje ele tem 5 meses de idade e pesa 5.200. Não mama direito e sofre muito, com choro intenso a cada colherada que recebe da mãe! Já esta sendo acompanhado inclusive com um gastro. Mas estamos todos solidários na busca de uma pista sobre o que ele possa ter! A mãe esta muito desgastada e infeliz por achar que não esta agindo corretamente, o que não é. O caso! Amanha ele terá uma consulta com um geneticista. Será que vc tem alguma idéia do que pode ser? O exame de ultrassom descartou o refluxo! Muito obrigada.

    • Prezada Rosana,
      Gostaria de poder lhes ajudar. Mas, se o pediatra e gastro que a conhecem e já a examinaram, não conseguiram, ainda, fechar um diagnóstico, imagine a dificuldade (e irresponsabilidade) de opinar sem conhecer o bebê! Por isso que o blog não substitui uma consulta. Acho que é válida a consulta com o geneticista, mas é muito importante que a mãe estabeleça um vínculo de confiança com o pediatra. É ele (o pediatra) que deve coordenar essas consultas com especialistas, ajudando a mãe a compreender o que é dito por cada um e até filtrar exames e condutas. Caso contrário sua amiga ficará ainda mais confusa e perdida. Como amiga, pode conversar muito com ela a respeito dessa frustração e cobrança dela. Não preciso conhecer o bebê para garantir que ela está agindo da forma mais correta possível.

  56. Boa noite Dr Roberto, primeiramente parabéns pelo blog.
    Gostaria se possível de algumas informaçôes, tenho uma filha atualmente com 3 meses, desde 1 mes ela vem tendo problemas respiratorios repetidos , primeiro ela teve com um mes e meio uma bronquiolite + bcp, ficou internada por 9 dias, depois de 15 dias teve outra bcp aspirativa + broncoespasmo, ficou mais 7 dias internada, segundo o pediatra ela provavelmente tem um refluxo oculto, pois ela tem os sintomas de irritabilidade durante as mamadas, ergue a cabeça para tras e estica as pernas, chora compulsivamente sem motivo aparente apos mamar, como se estivesse com alguma dor, mama todo o tempo , porem tem otimo ganho de peso, em média 1,1 kg por mes, e não vomita. Esta tomando os medicamentos label e motilium, levantei a cabeceira do berço em mais ou menos 45 graus e deixo na posição vertical mais ou menos 30 minitos depois de mamar.
    Gostaria saber a sua opinião a respeito do diagnostico de refluxo e a conduta dos medicamentos.Não sei mais como proceder, fico muito nervosa com o nervosismo dela e as crises de choro constantes.
    desde já agradeço muito obrigada.

    • Prezada Fernanda,
      Incialmente, obrigado por seu comentário gentil a respeito do blog. Quanto às questões relativas à saúde de sua filha, ou de qualquer outra criança específica, seria irresponsável de minha parte emitir uma opinião, sem conhecer a história mais detalhada e realizar um exame clínico. Por esse motivo que o blog ou a internet não substituem uma consulta médica. Assim, minha recomendação é que fale francamente com seu pediatra sobre suas dúvidas. Caso a dúvida seja exatamente sobre a conduta do pediatra, você tem todo direito de ouvir uma segunda opinião médica. Não recomendo que ouça várias opiniões porque isso tende a confundir mais do que ajudar. Também considero as opiniões de leigos, amigos e familiares como uma tentativa de ajudar, mas que pode atrapalhar você mais ainda. Eventualmente, pode perguntar ao seu pediatra se não seria o caso de ouvir um especialista como um gastro ou pneumo pediatra. Espero que compreenda a limitação do blog/internet.

    • Prezada Cláudia,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso responder especificamente sobre o seu filho. No entanto, algumas crianças possuem uma sensibilidade maior para vomitar e, neste caso, é esperado que vomitem quando adoecem.

  57. Olá Dr. Roberto, tenho um filho de 50 dias. Logo na primeira semana tive que complementar as mamadas dele com o leite NAN, como foi indicado já na maternidade. Percebi que tomando esse leite NAN, ele ficou cerca de 3 a 4 dias sem fazer coco. Aí a pediatra sugeriu que trocasse o leite NAN por Aptamil e desde então ele tem feito coco quase todos os dias, ficando 1 dia sem fazer coco e depois faz… Bom, peço que o sr. me esclareça, pois de uns dias pra cá ele tem mamado e gorfado, não só pela boca, mas também pelo nariz. Noto que quando ele está mamando dentro da barriga dele faz um barulho, isso é normal? Quanto as gorfadas, ele tem ganhado peso, mas sua estatura manteve a mesma de dez dias atrás, até que ponto é normal gorfar e sair pela boca e pelo nariz? Noto que todas as manhãs ele tem acordado com o nariz bem entupido e com dificuldades para respirar, é normal? Eu tenho refluxo, tem alguma relação? Vou a pediatra só no final do mês, se o sr. pudesse esclarecer essas duvidas, seria um alivio até a consulta

    • Prezada Alessandra,
      Como já deve ter visto em algumas das minhas resposta, o blog não substitui uma consulta. Por isso, somente o seu pediatra poderá lhe orientar e tranquilizar a respeito do seu filho.
      Posso fazer alguns comentários genéricos, sem falar especificamente do seu filho. Golfar é perfeitamente normal. Algumas golfadas podem sair também pelo nariz, sem que seja um problema. Bebês pequenos podem ter uma certa obstrução nasal. Também é normal ouvir um ruído, quando o bebê mama. Tudo que você descreveu pode ser normal. Como disse, somente seu pediatra poderá lhe orientar e tranquilizar.

  58. Olá! Eu gostaria de saber o seguinte, eu fiz uma endoscopia e na parte do esôfago tinha dizendo o seguinte: JUNÇÃO ESOFAGOGÁSTRICA A 35 CM DA A.D.S COM PINÇAMENTO DIAFRAGMÁTICO COINCIDENTE.
    Eu queria saber se isso tem alguma coisa a ver com refluxo. Eu sinto muita dificuldade de arrotar, e sempre quando arroto vem tipo a comida junto na garganta.

    • Prezada Deyanne,
      A interpretação de um laudo de exame complementar deve ser feita pelo médico que solicitou o exame. É preciso conhecer o histórico do paciente, seu exame físico, para poder fazer (ou não) as correlações com os achados da endoscopia. Como o blog não substitui uma consulta, recomendo que converse com o médico que solicitou o exame. Ele é a melhor pessoa para tirar suas dúvidas e lhe orientar quanto ao que deve fazer.

  59. Minha bebe foi diagnosticada com refluxo atraves do exame ultrasson, pelo que viu que o leite voltava do estomago para o esofago, mas antes de comecar o tratamendo com donperidona e label as golfadas eram em pequena intensidade agora ela golfa jatos de leite e muito grosso como uma gosma! Nao sei o que fazer, ela esta tomando o remdio desde o dia 13 /08. E so tem piorado

    • Prezada Greice,
      O ultrassom mostra refluxo, mas não mostra doença do refluxo. São duas coisas diferentes. Todo bebê tem refluxo e poucos têm a doença do refluxo.Alguns bebês que golfam muito, mas ganham peso normalmente, são chamados de “golfadores felizes”. Para estes, não há necessidade de tratamento. Sugiro que converse com seu pediatra a respeito. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar e tranquilizar.

    • Greice,
      De forma alguma deve suspender uma prescrição médica, sem que seja orientada por um médico. O blog não substitui uma consulta médica. Consultar um gastro pode ser uma boa ideia. Pode até discutir isso com seu pediatra. Eu apenas sinalizei que o refluxo é algo normal, que todo bebê tem. Doença do refluxo é algo que poucos bebês apresentam. Também sinalizei que o ultrassom só é capaz de mostrar que há refluxo, mas não faz o diagnóstico de doença do refluxo.

  60. Minha neta golfou com sangue e bastante sangue, levamos na emergência e o médico receitou dois remédios um para refluxo e outro para acidez gástrica, mas não disse durante quanto tempo ela precisa usar esses dois remédios. Ele pediu pra observar por 24 horas se iria continuar golfando com sangue, e vemos que não está saindo mais sangue e quando sai é uma gotinha só, e gostaríamos saber se devemos continuar com o medicamento ou devemos parar. O remédio para a acidez gástrica é Label, tenho medo que faça mal se continuar tomando. Gostaria de uma orientação sua, desde já obrigada.

    • Prezada Luciene,
      Sugiro que levem sua neta a um pediatra, para que possa examinar sua neta e decidir se será necessário algum exame complementar ou a consulta com um especialista (gastropediatra). Pelo que descreveu, o atendimento de urgência não buscou um diagnóstico da causa do sangramento. É importante fazer esse diagnóstico.
      Quanto à medicação, como o blog não substitui uma consulta médica, sugiro que falem com o pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhes orientar.

  61. Dr uma dúvida, meu filho tem 1 mês eu não ganho peso esperado, na ultima pesagem ele estava com 3 kg e 200 gramas… E eu vejo ele se engasgando muito e com muita dificuldade para dormir, se colocarmos ele no seios da minha esposa, ele mama por 5 no máximo 10 minutos, e acaba dormindo só que quando colocamos ele para arrotar ele acorda e não consegue mais dormir, só se voltarmos com ele para os seios, e ele não come e dorme como muitos falam, e muitas vezes acaba que o leite “volta”, eu to achando que ele tem esse problema, e que é por causa disso que não engorda, a pediatra dele não deu muita importância a questão do refluxo dele… Queria muito outra opinião então Dr Roberto, o que posso fazer ? Posso dar a ele algum leite ante refluxo ?

    • Prezado Kelvin,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso falar especificamente sobre o seu filho. No entanto, posso lhe sugerir que não dê nenhum leite anti refluxo, sem que seja prescrito por um médico. O leite materno é o melhor leite para o seu bebê, independentemente de ter ou não doença do refluxo. Todo bebê tem refluxo (o leite volta) e só uma minoria tem doença do refluxo. Sugiro que converse francamente com a sua pediatra. Ela é a melhor pessoa para lhes orientar e tranquilizar. Caso não sinta confiança plena na pediatra, sugiro que ouça uma segunda opinião. Não dê nenhum leite artificial ou medicamento para os seu filho, sem que seja prescrito por um médico.

  62. Ola dr, o exame de ultrassom detecta um refluxo ‘leve’? pois o meu bebe que tem 2 meses reclama na hora que esta mamando e depois, mas quase não vomita, so que da pra perceber claramente que ele tem um desconforto no estomago.

    • Prezada Daniele,
      Todas as crianças apresentam refluxo, que é normal. Um percentual muito pequeno tem o que se chama doença do refluxo, que é diferente do refluxo normal. Doença do refluxo é quando existe uma consequência desse refluxo sobre o organismo, deixando de ser normal. O ultrassom não é um exame indicado para o diagnóstico de doença do refluxo porque ele só vai mostrar se há ou não o refluxo. Como todas as crianças apresentam refluxo normal, o ultrassom vai mostrar isso. Portanto, não deve ser feito. Quando o pediatra suspeita de doença do refluxo, ou ele encaminha a criança para um gastropediatra ou pede exames bem mais precisos (e invasivos). Bebês pequenos podem ter ou aparentar ter desconforto quando mamam, sem ter doença do refluxo. Há uma “epidemia” de crianças sendo tratadas para doença do refluxo, sem necessidade. Sugiro que fale com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe tranquilizar e orientar.

  63. Bom dia Dr. Cooper primeiramente gostaria de parabeniza-lo pelo excelente site e pelo conteudo. Tenho uma filha de 32 dias e apartir dos 12 dias ela começou a mamar, sempre no peito, e sempre após as mamadas ela regorgitava as vezes em menor outras em maior volume. Durante estes 32 dias de vida ela teve 4 episodios de vomitos maiores, sendo que um deles ela soltou também pelo nariz tive que leva-la até ao pronto atendimento pois havia suspeita dela ter broncoaspirado, porém ficou apenas na suspeita, haja vista, que ao chegar no hospital foi realizado um raio-x e não constou nada. O pediatra dela receitou o motilium e o label, porém a pediatra que nos atendeuno pronto atendimento no dia em que ela vomitou nos disse para tirar esses e dar apenas o digesan. Fizemos isso, e além do digesan estamos administrando o label em gotas 5 gotas 2 vezes ao dia, pois hoje ela esta com 4300kg, estamos a 7 dias com esse medicamento. Com relação ao ganho de peso ela nasceu com 3050kg e num periodo de aproximadamente 28 dias ela ganhou em media 60g o pediatra disse que a media seria de 30g, ou seja, estaria excelente. Nos ultimos dias essa media caiu para 46g/dia o que ainda é muito bom segundo ele. Durante o sono ela apresenta-se agitada e muitas vezes após pegar no sono assim que colocamos no berço ela já acorda. Ela esta até com olheira. E apresenta episodios de tosse e respiração ruidosa após a mamada. Após as mamadas ela apresenta soluço intenso e choro alem de salivação aumentada. Apresenta ainda muita secreção no nariz. Após o relato do caso gostaria de saber o que devemos fazer. TRata-se de um refluxo, se sim em que grau? O que poderiamos fazer caso trat-se de um refluxo? O tratamento seria esse mesmo e por quanto tempo daria-se esse tratamento? Os medicamentos descritos começam a apresentar resultado apos quanto tempo? Desde já agradeço a atenção.

    • Prezada Jussara,
      Como o blog não substitui uma consulta médica, não poderei falar especificamente do seu filho. No entanto, posso comentar sobre bebês pequenos. Bebês pequenos golfam. Golfar é um refluxo (retorno do conteúdo do estômago). Portanto, o refluxo é algo normal em bebês. Diferente do refluxo é a doença do refluxo. Isto é, quando esse refluxo deixa de ser normal por produzir doença no esôfago do bebê. A doença do refluxo é algo muito incomum e seu diagnóstico preciso só pode ser feito com exames que são invasivos. A ultrassonografia não é método para diagnóstico de doença do refluxo. Ela só vai mostrar o refluxo, que pode ser normal (na maioria das vezes, é). Talvez o dado clínico mais importante seja o ganho de peso. Bebês que golfam e ganham peso, têm baixíssima probabilidade de ter doença do refluxo. Apesar dessa explicação, que está em todos os livros de medicina e recomendações das sociedades de pediatria, vemos uma “epidemia” de tratamento para refluxo- que não precisa de tratamento algum! Espero que estas informações sejam úteis, mas, converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar e tranquilizar.

  64. Dr. quanta alegria fico em saber que nós pais aflitos e angustiados possamos contar com sua sabedoria…compreensão e respeito….Que Deus com sua infinita bondade e amor possa derramar sobre sua vida bênçãos tanto pessoal quanto profissional….mais uma vez muito obrigada….

  65. Boa tarde Dr. Roberto. Tenho uma menina de 2 meses e 20 dias. Ela não dorme durante o dia, fica mais de 10 hs direto acordada. A noite costumava dormir bem, mas de uns tempos pra cá começou a acordar muitas vezes e reclamando muito, soltando muitos gases. Para mamar é uma luta, ela briga com o peito, pega e solta a mama, se joga. Se afoga em quase toda mamada e soluça muito!!! Sempre engordou bem, 35gm por dia, mas na última consulta deu uma recaída. Passei em uma pediatra e dela me encaminhou para uma gastropediatra com suspeita de refluxo oculto. O exame de Ultrassom presenciou 7 episodeos de refluxo em 10 minutos, Exame de fezes deu negativo para sangue oculto. Mas mesmo assim a gastro mandou eu parar com tudo que tivesse leite ou derivados. Ela passou losec mups meio comprimido diluido em jejum (que aliás é muito complicado de dar),Parei com o leite faz 3 dias e mesmo assim essa noite minha filha dormiu mal a noite toda. Descobri que o remédio que tomo para tireóide tem lactose. Não tomei. Desde que ela começou a tomar losec mups melhorou a briga com o peito, mas aumentou os gases.E ainda continua irritada e sem dormir. Chora de sono mas não dorme! Toda vez que ela vai evacuar ela chora muito, se contorce.(isso sempre fez). E desde que comecei com o remédio, começou uma tossinha chata as vezes e um chiado quando ela dorme. Realmente devo parar com o leite? Realmente pode ser doença do refluxo?

    • Aline,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre sua filha. O que posso lhe dizer é que crianças que ganham peso bem, raramente têm a doença do refluxo. O ultrassom não é método para diagnosticar doença do refluxo. Ele mostra que existe refluxo, mas este pode ser normal, sem doença. Finalmente, se você está em duvida, sugiro que ouça uma segunda opinião. É um direito seu.

      • Muito obrigada Dr. Roberto! Realmente precisode uma segunda opinião, pois ela quase nunca vomita, ganha peso e é saudavel. Só não entendo o porque ela não dorme :/ mas acho que deve ser o incômodo dos gases mesmo… Obrigada mesmo Dr.! Estamos precisando nuito de mais

  66. Dr. Cooper, boa noite!
    Meu bb sempre gorfou bastante, ganha peso normalmente, come bem, mas desde q completou 08 meses (há um mês) começou a vomitar parte da mamadeira, percebo q qd vai arrotar vomita! Nunca tinha visto bb d 09 meses adquirir refluxo… Ele mama 02 mamadeiras d 210 ou 240ml por dia e vomita as 02x.
    O q acha?

    Parabéns pelo blog e trabalho. E desde já obrigada.

  67. olá Dr Roberto bom dia! gostaria de tirar uma dúvida, minha filha tem nove meses de idade,ela vive com a língua para fora e baba muito,e ao comer ela sempre vomita mesmo comendo outras coisas, ela só coloca o leite para fora, e tipo uma gorfada grande,já levamos a pediatra ela passou o remédio mais ainda não teve melhoras.Gostaria de saber se isso tem haver com refluxo.obrigada pela atenção espero respostas.

    • Prezada Cristiane,
      Sem conhecer o histórico da criança e realizar o seu exame clínico, não é possível emitir uma opinião. Por esse motivo, o blog não substitui uma consulta. Sem falar especificamente da sua filha, o refluxo é algo normal que pode estar presente em qualquer idade. É diferente da doença do refluxo, que é quando esse refluxo produz alterações na criança. É raro uma criança desenvolver doença do refluxo aos 9 meses, mas não é impossível. Sugiro que converse francamente com seu pediatra porque ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Nem sempre conseguimos fazer um diagnóstico imediatamente. Por isso, é importante estabelecer uma relação de confiança com o pediatra, evitando de ficar mudando de médico. Cada mudança é como começar do zero, novamente e isso pode não ser bom.

  68. Dr. me ajude. Minha bebe esta com 3 meses e 12 dias, pesando 4.550. Ganha apenas 18 a 20 gramas por dia. Com ela esta tudo normal…menos o peso. Nao fiz nenhum exame para saber se tem refluxo. Ela toma Label e Bromopida. Parou de vomitar, mas se retorce nas mamadas. Estou muito chateada e preocupada…

    • Prezada Carol,
      Entendo sua preocupação. Ocorre que o blog não substitui uma consulta médica e eu seria irresponsável de opinar sobre uma criança que não conheço, nem examinei. Por esse motivo sugiro que converse francamente com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar e tranquilizar.

  69. Dr. Cooper parabéns pelo blog!
    Minhas duvidas:
    – Pode a Endoscopia não diagnosticar o refluxo e este ser diagnosticado somente com ph métria?
    – Esta ph métria é o exame que fica 24hs? Há outra de menos tempo,mais tranqüila de se fazer?
    – Em media, quanto tempo dura o tratamento com Losec?
    – E com o Montilium e Label?

    Agradeço muito.

    • Prezada Flavia,
      Quanto à suas dúvidas:
      – o exame “padrão ouro” para o diagnóstico de refluxo é a pHmetria. É um exame em que a criança fica com os sensores de pH por 24h. A endoscopia pode não diagnosticar um refluxo, mas, em geral, é um bom exame para se iniciar a investigação de doença do refluxo.
      – tratamento com inibidores da acidez- o tempo não é pré-fixado. Em geral, se faz a medicação até em torno de um ano, quando o cardia (musculo que “fecha” o retorno do estômago) fica mais forte. O tempo não varia com o medicamento escolhido.
      Bem-vinda ao blog!

  70. Esqueci de perguntar:
    – Há uma relação entre leite como irritante e piora do refluxo que por vezes se faz necessário retirá-lo?
    – Há problema em ministrar juntos o Losec e Montilium?
    (O acento do métria é meu iPad que insiste em colocar rs).

    • Flavia,
      O leite não piora o refluxo. O que pode ocorrer,em algumas pessoas, é que o teor de gordura do leite contribua para uma maior acidez no estômago. Nestes casos, havendo doença do refluxo, este (refluxo), mais ácido, poderá agravar o quadro. Dependendo da idade da criança pode ser necessário suspender o leite ou utilizar um leite com baixo ou nenhum teor de gordura. Não há problema em ministrar o Losec junto com o Motilium. Faço apenas a observação que a literatura científica americana, bem como as recomendações da Academia Americana de Pediatria, são muito mais restritivas e cautelosas com relação ao uso de pró-cinéticos (domperidona, metoclopramida, bromoprida) no tratamento de doença do refluxo, em crianças. Segundo essas fontes, os benefícios seriam pequenos, envolvendo riscos de efeitos colaterais raros, mas relevantes.

  71. Minha filha tem 1ano e 4meses e a pediatra dela disse q ela tem refluxo ela teve varias otites e agora e a garganta inflamada direto ai ela passou motilium de 8e8 e o losec 1 vezes pela manha e o zinnat para a garganta ela ficou boa mais depois dos 14 dias de zinnat.ela parou e ficou so o losec e o motilium ai a garganta dela voutou a fica imflamada levei ela denovo ela passou o motilium denovo e o losec 2 vezes por dia de manha e de noite. Ela ficou boa 1 mes e 15 dias agora ela nao come mais nada so mama tudo ela quer vomitar fica colocando a mao na garganta direto para vomitar e escorendo o naris. A pediatra encaminhou ela para um gastro pediatra para fazer o exame ph metria porque ela tem muito azia sera que e preciso fazer esse exame q deve ser um oror. Ela tambem e alergica ao leite de vaca so toma o leite neocate com vitalom e tambem toma o singulair baby e o leocogem porque ela da infecçao direto uma ensima da outra mais todos esse remedios nao tao adiantando de nada. O pesso dela e normal. Outra pergunta porque que amaioria das vezes que vou da alguma coisa para ela comer na hora que cai na barriga dela a barriga dela fica roncado fazendo um barulho estranho dentro da barriga dela isso e normal.

    • Prezada Aline,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha responder às perguntas específicas da sua filha. Recomendo que, tendo confiado no seu pediatra e no gastro, siga a orientação que lhe deram, evitando ficar ouvindo muitas opiniões. Isso só vai confundí-la mais. A pHmetria é o exame mais indicado para se fazer o diagnóstico de doença do refluxo.
      Quanto ao ronco e barulho que você relata, pode ser normal. Mas, sugiro que pergunte ao seu pediatra. Ele conhece a sua filha e é a melhor pessoa para lhe orientar e tranquilizar.

  72. Outra coisa antes quando ela nao tinha refluxo ela tomava 240 ml de mingal depois do refluxo ela toma entre 200ml a 150ml hoje q eu acho que ela piorou ela com muita luta ela toma entre 100ml a 80ml ela antes comia ate 2 potinhos de papinha da nestle hoje ela come mal 1e querendo vomita ainda acho que isso nao e normal para idade dela come tao pouco.

    • Aline,
      É por esses motivos que você a levou ou vai levar a um gastro pediatra. É preciso ter um pouco de paciência para que o médico possa ir, passo a passo, investigando sua filha. Na maioria das vezes, o diagnóstico leva um tempinho para ser feito. Converse com o seu médico, relatando tudo que sua filha apresenta e centralize nele a orientação que vai receber.

  73. Meu nome é Andréia e tenho um filho de 2 meses e mama somente no peito, a pediatra que atende ele disse que ele tem refluxo, não foi feito exame, ela chegou a esse diagnostico por causa dos sintomas dele que são:
    chora muito para mamar, se engasga em toda mamada, tem muito solução, fica fazendo careta, fica virando a cabeça para o lado, geme e se contorce a noite toda, dai ele passou a medicação Label e Motilium já faz um 1 mês que ele esta tomando, hoje eu voltei na médica e contei que não tinha notado melhora pois o Mutilium esta dando muita cólica e o Label eu não estou conseguindo dar direito, pois ele cospi ou se engasga com a medicação dai ela trocou para o LOSEC MUPS 10mg um comprimido dessolvido na água pela manhã.
    Minha pergunta é posso dar essa medicação sem medo? não é muito forte para um bebê de 2 meses?
    E também gostaria de saber, já faz + 0 – 3 semanas que nas fezes dele saiu uma gosma que parece clara de ovo, isso também é sintomas de refluxo? Ou pode ser intorência a lactose ou alergia alimentar?

    • Prezada Andréia,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. Mas, sem falar especificamente do seu filho, diria que se um bebê ganha peso, ainda que apresente sintomas que possam sugerir doença do refluxo, seria necessário um exame de pHmetria para confirmar a hipótese diagnóstica. Diria mais, se o bebê ganha peso, não investigaria.
      Quanto à gosma a que se referiu, como disse acima, sem conhecer e examinar o bebê, inclusive vendo uma evacuação, não posso opinar.
      Finalmente, se você tem dúvidas como as que expressou, todas legítimas e razoáveis, pergunte ao seu pediatra, de forma franca e direta ou, procure uma segunda opinião médica. É um direito seu.

  74. bom dia dt meu filho tem oito anos e quando bebe nunca teve sinal de refluxo mais agora começou dormir mal a noite senta toda hora na cama engasgando e respirando com dificuldades gemendo muito e mais a noite de dia e so sorrir ou correr começa a tosse e engasga sera o que pode ser estou preucupada .

    • Prezada Angela,
      Como o blog não substitui uma consulta, recomendo que procure um pediatra para que ele possa ouvir a história mais detalhada e fazer um exame clínico. Somente assim será possível definir um rumo, pedindo exames complementares, se for o caso, ou solicitando o parecer de um especialista (gastro, alergista).

  75. o pediatra passou omepraz 2 capsulas de manha tem 7 dias que ele esta tomando ele e muito ansioso e comilao toda hora tem que ta mastigando vc acha que devo procura um gastro pediatra ele ta respirando muito mal a noite !

  76. Ola , meu filho tem 2 anos e meia , ele vomita muito sempre quase td dia e perdeu bastante peso , estou separado da minha esposa ele chegou a uma semana ela já levou em vários médicos e ate agora na da ele emagreceu bastante. o que pode ser isso e o que eu devo fazer procurar ?

    • Prezado Riverson,
      Seria muito importante que sua esposa e você estivessem de acordo e confiassem em um único pediatra. Este pediatra seria o responsável por solicitar o parecer de especialistas (gastro, alergista, psi etc.), na medida do necessário. Quando se ouve muita opinião médica ou leiga, sem um “coordenador” que organize tudo, ficamos mais confusos e perdidos. Como o blog não substitui uma consulta médica, essa é a melhor recomendação que eu posso fazer.

  77. BOM DIA, DR.
    TENHO UMA BEBÊ DE 7 MESES QUE TEM TIDO MUITAS CRISES DE TOSSE, ESTAMOS FAZENDO TRATAMENTO HOMEOPÁTICO POIS O MÉDICO DISSE QUE O REFLUXO PODE CAUSAR TOSSE. POR INDICAÇÃO DO PRÓPRIO MÉDICO,VOLTAMOS A DAR LOSEC 1 VEZ AO DIA PORÉM NÃO ESTA FUNCIONANDO. O QUE O SENHOR NOS ACONSELHA?

    • Prezada Leticia,
      Como o blog não substitui uma consulta, lhes aconselho a ter uma conversa franca com o médico. Ouvir uma segunda opinião, de outro médico, também pode ser algo que os ajude a se situar. Uma segunda opinião é bem diferente de ficar ouvindo várias opiniões. Escolham um médico de confiança, com referências e ouçam o que ele tem a lhes dizer.

  78. Bom dia Dr.,
    O senhor acha que o Losec Mups manipulado em farmácia de manipulação tem a mesma eficácia do de marca (comprimido Mups)? Seria para tratamento de refluxo oculto e esofagite crônica leve.Se não me engano, o Losec manipulado é em forma líquida. Obrigada.

    • Prezada Flavia,
      A eficácia de um medicamento depende da matéria prima empregada e das boas práticas de produção empregadas. Desconheço se a industria possui alguma tecnologia fundamental para a produção do Losec, que não poderia ser obtida por farmácias de manipulação. De qualquer forma, qualquer prescrição manipulada deve ser feita por uma farmácia com tradição e bons controles de qualidade. É o que eu penso a respeito. Talvez um farmacêutico soubesse lhe responder de forma mais completa.

  79. Dr. Bom dia….Meu bebê de 6 meses, toda vez q da risada dá soluços nele…. algumas pessoas me falaram q isto é sintoma de refluxo… procede esta info? sei q não se dá diagnostico só por isso… mas isto pode ser um sinal??? obrigada.

  80. Bom dia Dr Roberto,
    Minha bebe tem 21 dias,desde o 1° dia que ela nasceu que notei que tinha algo errado, ela vomitava jatos ao invés de golfar.Com o passar dos dias isso foi intercalando as vezes era vômitos outras vezes era golfo.Procurei uma pediatra e ela receitou Digesan, porem não vi melhora e dai ela receitou Domperidona…apos 8 dias do inicio da Domperidona ela teve um episodio aonde vomitou muito e notei que ela tinha perdido peso, daí então resolvi para um Pediatra em uma clinica particular ela examinou e passou o Label associado com a Domperidona e pediu que eu procurasse um Gatro pediatra…eu procurei… mais ele nem encostou nela apenas pesou e ela tinha ido de 3,493 para 3,800, diante disso ele disse que ela não tinha refluxo e que era p eu continua os remédios e depois de 1 mês parar…So que esses dias tenho sentido ela pior n esta dormindo direito e vomitando mais vezes…estou desesperada é uma tristeza tão grande ver minha filha passar por isso.
    Por favor Dr Roberto me ajude…sera que eu devo procurar outro Gatro???Sera que ela tem refluxo mesmo?
    Desde ja obrigada

    • Prezada Juliana,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso responder especificamente sobre as hipóteses diagnósticas para a sua filha. Posso lhe dizer que alguns bebês golfam em grande quantidade, sem que isso seja um problema real. O ganho de pêso de um bebê é um fator muito importante. Se um bebê ganha peso de forma satisfatória, a probabilidade de que tenha doença do refluxo diminui. Sugiro que escolha um pediatra em quem confie e estabeleça uma boa relação médico-paciente com ele. Se ficar ouvindo muitas opiniões, corre o risco de ficar mais confusa.

  81. Muito obrigada Dr Roberto, irei continuar com a que esta acompanhando ela, confio e acho que ela sabe o que esta fazendo.
    Muito mais muito obrigada mesmo Dr
    abraço

  82. Meu filho vomitava muito desde que nasceu, chorava muito a noite e parecia que estava sempre com azia. Quando levei a pediatra ela passou Label e Domperidona, o que aliviava. A Pediatra disse se tratar de refluxo. Até que um dia meu filho com uns 5 meses passou muito mal e o levei as pressas para o consultório. Foi aí que ela resolveu pedir um exame de fezes que foi que diagnosticou que meu filho tinha intolerância a lactose. Fiquei chateada pq ela sempre soube dos vômitos constantes e nunca pediu esse exame antes, demorou 5 meses. Ela me explicou que tem intolerância a lactose e alergia a proteínas do leite e derivados. No caso do meu filho que engordava, era intolerância. Sendo assim, como eu não quis abrir mão de amamentar, cortei tudo que tivesse leite e até produtos industrializados, enlatados. Enfim, fiquei comendo arroz com frango durante algum tempo. Até que fui desmamando e dando leite sem lactose. Com 11 meses meu filho foi melhorando e hoje toma leite normal graças a Deus. Hoje posso dormir, coisa que não fazia há muito tempo. De uns tempos pra cá, só o que me preocupa é que ele não pode correr que tosse e vomita, mas ele não fica cansado, só começa a tossir e pronto…bota tudo pra fora. As vezes ele fica com umas bolas brancas na garganta e tem febre. Ao levar a uma outra pediatra, ela me disse que esses vômitos, são pq ele está expelindo essas bolas brancas e que nada tem haver com amidalite e infecção. Perguntei sobre febre reumática, pq além da febre, estouram feridas no corpinho dele, além das febres e ela disse que nada tinha haver. Não receitou remédio para a garganta dele, somente limonada. Fiquei preocupada por ser muito ácido e ele já ter histórico de azia. Mas pra ela tudo é tão normal que parece que a gente, como mãe fica procurando doença pros filhos. E ele continua do mesmo jeito. E eu vivo preocupada cada vez que ele tosse.

    • Prezada Andreia,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. O que posso sugerir é que procure um pediatra em quem sinta confiança. Seu relato me pareceu ser de uma pessoa que não estabeleceu um bom vínculo de confiança com o médico. Sem esse vínculo, vai acabar ouvindo vários médicos e ficando mais confusa. Vale a pena o esforço de encontrar um em quem confie.

      • É verdade Doutor, é difícil mesmo estabelecer uma relação de confiança, e justamente por termos médicos que demoram a fazer diagnósticos, ainda mais tendo todo um aparato de exames que podem ser solicitados. E ao vermos que a primeira relação não deu certo, partimos pra segunda e para a terceira e se for o caso para a quarta. Sabe…não é como se estivéssemos buscando a resposta que queremos ouvir, e sim, buscamos o profissional que solucione o problema de saúde de nossos filhos. É isso que que estabelece a confiança..o vermos nossos filhos do mesmo jeito, bate aquela preocupação e as vezes um desespero. A ponto de termos que recorrer a internet para pesquisar, o que não precisaríamos se encontrássemos com facilidade esse profissional. Acredito no seu profissionalismo a ponto de criar um blog para nos auxiliar. Obrigada mesmo! E vou continuar acompanhando as suas postagens, pois clareiam a nossa mente e acrescentam conhecimento. Parabéns.

      • Andreia,
        Obrigado por seu comentário gentil, a respeito do blog. Entendo que não seja fácil encontrar um médico em quem se confie. Mas, vale a pena o esforço porque a tranquilidade que gera, compensa o trabalho que dá para encontrar.

  83. Ola Dr Roberto, me chamo Aline sou a mamae do Eduardo, ele está com 11 meses ,apresenta vomito frequnte após a ingestão de liquidos, mas em pouca quantidade, digo que ele vomita mais de 10 vezes por dia, mas como disse pouca quantidade.. ta demais a situação..jah o levei 3 vezes em medicos diferentes me receitaram remedio pra vomito mas nao adiantou, ahhh e el tah com uma infecçao no ouvido, tem um irritabilidade absurda.. mas não apresenta febre.. e esta com otima aparencia.. não sei mais oque fazer..

    • Prezada Aline,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso opinar sobre o seu filho. Seria irresponsável da minha parte. Mas, posso lhe sugerir que procure um pediatra em quem confie. Quem ouve 3 pediatras, acaba mais confusa do que orientada. É importante ter um médico em quem se confia e com quem se forma um vínculo. Sucesso!

  84. OBRIGADA PELA ORIENTAÇÃO.. O LEVEI A UMA GASTRO PEDIATRA.. O RESULTADO FOI MESMO REFLUXO..MAS PARA CONFIRMAR.. VOU FAZER UMA CINTILOGRAFIA..ELE JAH ESTA MEDICADA..DIMINUIU BASTANTE A IRRITAÇÃO.. MAS AGORA COM O EXAME..ELA VAI PODER FAZER UM DIAGNOSTICO MAIS PRECISOO..

  85. Boa tarde !!!! estou sentindo os seguintes sintomas : garganta trancada como, dificuldade em engolir alimentos, coceira na garganta principalmente a noite, e sempre uma secreção na boca incolor , e logo que como fico com náuseas, fui diagnosticada com refluxo o dr fez um exame com uma mangueira colocado no nariz que vai até na garganta e me receitou remádio Lanz e Omnaris, gostaria de saber se foi um diagnostico correto e se com esses medicamentos vou melhorar em quanto tempo ? obrigada

    • Prezada Morgana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu caso. Sugiro que converse francamente com o seu médico ou ouça uma segunda opinião, levando todos os exames e laudos.

  86. Dr, boa noite.

    Fui diagnosticado com refluxo a 14 meses e minha vida mudou radicalmente. O médio me receitou Nexium que melhorou totalmente os meus sintomas, quando o tratamento de 8 semanas acabou, voltou com 10x mais intensidade.

    Ai eu voltei a tomar e recentemente, nos ultimos 30 dias, venho sentindo um bolo na garganta horrível. E as vezes, a noite, me acordo com a garganta queimando.

    Isso tomando 40mg de nexium todo santo dia.

    repeito as 3h antes de dormir para comer pela ultima vez… Fiz uma endoscopia recente e deu Esofagite Não Erosiva Moderada e gastrite enantematosa leve. A 14 meses atrás tinha dado Somente Esofagite Erosiva Grau A de los Angeles.

    AI pergunto. Piorou ou melhorou ? Sò vou ter o retorno depois da biopsia.

    A outra dúvida é… se venho sofrendo mesmo com os sintomas constantes.. meus médicos nunca indicam a cirugia.. dizem que eu nao tenho hérina de hiato e não preciso… é isso mesmo ?

      • Minha consulta é próximo dia 10, mas só quero saber mesmo se ESOFAGITE NAO EROSIVA MODERADA é mais ou menos grave que ESOFAGITE EROSIVA GRAU A LOS ANGELES… Teria como responder essa duvida ?

      • Amauri,
        Sou pediatra e não um gastroenterologista para lhe responder com precisão. As classificações visam a padronizar diagnósticos, facilitando a comunicação entre os médicos. Apesar desse esforço, há sempre um grau de subjetividade, tanto na classificação, quanto na interpretação. Assim, é difícil dizer se algo é mais ou menos grave, baseado exclusivamente na classificação. Seu médico saberá intepretar essa classificação e, principalmente, os demais achados da endoscopia e patologia, fazendo a correlação com seus sintomas e exame clínico, para, finalmente, estabelecer um diagnóstico e propor um tratamento. A simples classificação que me apresentou seria de duas situações distintas. Uma onde não há erosão do esôfago e outra onde há erosão (mínima por se tratar de Grau A de Los Angeles). Em princípio, a presença de erosão faz supor uma agressão maior sofrida pelo esôfago. Mas, o mais importante é a correlação que seu médico fará.

  87. Bom dia Dr. !
    Minha filha anda golfando muuito…ela mama e golfa as vezes quantidade pequena e as vezes maior…nao esta qùerendo comer direito…fez 6 meses…mas mama e nao para quietinha…ja engatinha e fica agitaďa…nao sei o que fazer….pode me ajudar?
    Obrigad

    • Prezada Michelle,
      Como o blog não substitui uma consulta, sugiro que converse com o seu pediatra. Somente ele, após ouvir seu relato e examinar a sua filha, poderá lhe orientar. O fato isolado de golfar não tem, em princípio, um significado diagnóstico. Sua filha pode ser absolutamente saudável e golfar. Seu pediatra saberá lhe dizer. Espero que compreenda esta limitação do blog.

  88. Ola, Dr Cooper. Não poderia deixar de parabenizá-lo pelo blog, é de grande ajuda para nós, pais. Meu filho tem 3 meses e a mais ou menos um mês ele começou a golfar. Porem, em um dia quente eu sai com ele, apesar dele não ter sido exposto ao sol não pude evitar o mormaço, dei de mamar a ele (leite materno) e depois andei com ele, acontece que ele vomitou (leite bem liquido) muito durante toda a tarde na rua e durante a noite em casa, depois ele começou a vomitar o leite bem talhado também em grande quantidade, pensei ter sido o balanço do colo juntamente com o tempo abafado, mas ele continua vomitando, levei ao pediatra de emergência e ela medicou Bromoprida 6 gotas de 8/8h dizendo que ele pode ter tido uma indisposição, porem não eliminou os vômitos apenas diminuiu a quantidade e as vezes ao dia. Usei durante uns 10 dias o Bromoprida e em um certo dia em um dos vômitos dele ele pareceu estar sem ar e saiu leite pelo nariz dele e eu fiquei muito preocupada já que mesmo com o medicamento ele não havia melhorado então voltei a emergência com ele e o pediatra verificou se ele havia bronco aspirado o leite e certamente a resposta para o meu alivio foi negativa, e disse que ele tem refluxo gastroesofágico, e ele receitou Label 5 gotas 12/12h e Peridal medida para 5kg de 8/8h e indicou que suspendêssemos o uso do Bromoprida que serve para ânsia e vômitos. estou fazendo o uso dos medicamentos e voltei a usar o Bromoprida ontem pois os vômitos voltaram em grande quantidade por vez e aumentaram de vezes ao dia depois de ter diminuído ao começar o tratamento com os dois medicamentos já mencionados, porem a 3 dias completados hoje meu bebe está com uma tosse que me parece encatarrada e com o nariz dele parece congestionado, por vezes as tosses dele provocou vômitos por ter tossido por muito tempo respirando pouco é o que me parece pelo menos. Ele esta com pediatra marcado para o dia 12/12. Essa tosse é normal se ele tiver mesmo refluxo gastroesofágico? Estou preocupada e com receio de ir novamente a emergência e ter mais medicamentos para o meu bebe. Obrigada!

    • Prezada Juliana,
      Como o blog não substitui uma consulta, o que posso lhe dizer é que fez muito bem em marcar uma consulta com o pediatra. Converse detalhadamente sobre os sintomas do seu filho que pode ter apenas refluxo (golfar), o que não exigiria tratamento. Mas, se ficar caracterizado que ele vomita, pode ser que o pediatra peça alguns exames para investigar melhor a causa do vômito.

  89. Dr. Estou muito preocupada. Meu bebe esta com apenas e 1 mês, está ganhando peso normal mas as vezes vomita em grande quantidade e por 4 vezes voltou pelo nariz e lhe faltou a respiração, percebi essa noite uma rouquidão. Como posso solucionar?
    Grata desde já

    • Prezada Joelma,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso falar especificamente do seu filho. Diria, em tese, que um bebê que golfa e ganha peso, não tem um problema a ser solucionado. Recomendo que converse com o seu pediatra para que este lhe oriente, especificamente quanto ao seu filho.

  90. Dr. Meu filho esta com 1 mês e já perdeu a respiração 4 vezes por conta da regurgitação. As vezes vomita em jatos e sai pelo nariz, o peso esta ganhando normalmente. Seria necessário um tratamento ? Morro de medo de asfixia. Grata desde já.

    • Joelma,
      Me parece que lhe respondi no seu outro comentário. Diria que um bebê que golfa e ganha peso dificilmente precisa de um tratamento porque não tem uma doença. Mas, somente o seu pediatra poderá lhe orientar, porque o blog não substitui uma consulta.

  91. Olá Dr! Confesso que fiquei mais aliviada em ver aqui que outras mamães passam ou já passaram pelo que passei, mas ainda assim continuo preocupada. O meu filho tem apenas 1 mês, está ganhando peso normalmente, depois da alta da maternidade já ganhou um pouco mais de 1 kg. Nem sempre ele golfa ou vomita, mas quando vomita, chega ser em jato e sai até pelo nariz, e como resultado disso por 4 vezes ele perdeu a respiração, o desespero é inevitável. Gostaria de saber se existe algo que eu possa fazer para evitar isso, pois morro de medo de asfixia. Na última vez que perdeu a respiração chegou sair espuma da boca. Grata desde já! Parabéns pelo blog! Nos ajuda muito!

    • Joelma,
      Entendo sua preocupação. Sugiro, como fiz nos dois outros comentários, que converse francamente com o seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Em tese, sem falar do seu filho, um bebê que golfa, mesmo pelo nariz, e ganha peso, não precisa de tratamento. Mas, insisto, somente o seu pediatra poderá lhe orientar, especificamente quanto ao seu filho.

      • A minha preocupação mesmo é o fato de sair pelo nariz e ele perder a respiração. Conversei com a pediatra hoje e ela receitou Motilium 3x ao dia.Comprei a medicação mas antes de qualquer coisa li a bula e fiquei com medo. O que o Sr. Acha dessa medicação?

      • Joelma,
        Infelizmente, sem conhecer e examinar o paciente, não posso comentar sobre a prescrição de outro médico. Caso você se sinta insegura com a prescrição, sugiro que ouça uma segunda opinião médica. Eventualmente, consulte um gastropediatra para que este, após ouvir sua história detalhada e examinar seu filho, lhe orientar.

  92. Dr Cooper
    O meu filho vai fazer 6 meses e sempre bolsou bastante, mas sempre ganhou bem peso. Ele vai fazer 6 meses e esta com cerca de 9kg. No entanto estes ultimos dias tem deitado muito leite fora, ate 2h depois de comer. Deixa-me preocupada apesar de saber que estando a ganhar peso ser um ponto posititvo. Comprei um leite em po que dizem ser especial para estes casos, mas nao vejo nenhum resultado.

    • Prezada Sonia,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. Em tese, um bebê de 6 meses que ganha peso normalmente e está com aproximadamente 9kg, não deve ter doença do refluxo. Portanto, se não tem doença, não teria necessidade de leites especiais. Recomendo que converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar.

  93. a minha bebe já tem 1 ano, não vomita, o seu humor muda apenas na chegada dos dentinho, dorme bem, não tem anemia, mas seu ganho de peso não é igual os das crianças de sua idade… o Pediatra disse me que ela não tem refluxo que o fato de ela ser magra e do bio tipo dela, poi ela ganha peso todo mês não muito mas ganha. vc acha que ela possa ter refluxo?

    • Prezada Fabiana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha comentar sobre a sua filha. Mas, se o pediatra lhe disse que ela não tem refluxo e ganha peso de forma regular, é pouco provável que tenha doença do refluxo.

  94. Dr. Cooper,
    minha filha tem 19 dias e regurgita de forma moderada. Porém, me preocupo por sair algumas vezes pelas narinas. Ela também soluça bastante e se engasga muito ao mamar no peito. Meu pediatra disse que é normal, que eu tenho que ficar observando. Eu gostaria de saber qual a postura que devo tomar diante do refluxo pelas narinas e também do engasgo (colocar de lado ou com a cabeça virada para o chão). Também queria saber qual a melhor posição para colocá-la para dormir: de lado ou com a barriga para cima. Obrigada pela ajuda.

    • Prezada Patricia,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha comentar sobre a sua filha. Falando em tese e não especificamente sobre a sua filha, bebês golfam e as golfadas podem sair pelo nariz, sem que representem, obrigatoriamente, algum problema. Geralmente os bebês golfam quando são colocados para arrotar, mais em pé, não havendo necessidade de mudar de posição. Se o bebê estiver deitado, basta colocá-lo de lado. Não há necessidade de virar a cabeça par ao chão. Quanto à posição para dormir, a recomendação é de barriga para cima, sem travesseiro ou objetos na cama.

      • boa tarde… ando desesperada sem saber qe mais fazer, minha filha tem 18meses e desde dezembro que semana sim semana n ela acorda de madrugada a vomitar ,quando comeca a vomitar vai de 20 em 20 minutos , so vomita saliva e tem um cheiro a azedo , ja fez uma eco a barriga ja fez analize ao sange e nada .. ando sempre nos ospitais com ela e nada me sabem dizer , ainda a dois dias aconteceu isso fui no medico de familia mandaram fazer dieta analises as fezes e urina agora tenho qe esperar pelo resultado, nao sei qe mais fazer , … gostaria qe me ajudassem

      • Prezada Anabela,
        Sugiro que retorne ao médico de família e pergunte a respeito de outras causas de vômito, menos comuns. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o caso da sua filha. No entanto, vômitos com hora certa para ocorrer, principalmente pela madrugada, ou manhã, merecem ser investigados. Existem situações mais raras, pouco frequentes, de doenças no sistema nervoso central que poderiam produzir estes sintomas. Estou falando de forma genérica e não da sua filha. O diagnóstico desse tipo de doença só pode ser feito por tomografia ou ressonância magnética. Repito, não posso opinar sobre a sua filha porque o blog não substitui uma consulta. Recomendo que comente com o seu médico de família e pergunte se ele não acha que sua filha possa ter algo no sistema nervoso central que mereça uma tomografia ou ressonância magnética.

  95. Dr Cooper a minha filha tem 9 meses e frequentemente vomita tanto a sopa, como a papa ou o leite. Habitualmente tem no mínimo 1 episódio de vomito por dia. E vomita passado 2/3h apos ter comido. Tem aumentado bem de peso. Estou preocupada com esta situação. Será algo patológico

    • Prezada Catarina,
      Como o blog não substitui uma consulta, recomendo que converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Seria irresponsabilidade minha, opinar sobre uma criança que eu não examinei. Espero que entenda esta limitação do blog.

      • Obrigado Dr. compreendo perfeitamente, pediatra dela diz que é uma situação normal pois ela tem um bom desenvolvimento , contudo vou procurar uma 2ª opinião. Obrigado

  96. Boa tarde,minha filha è prematura 33 semanas,ficou na uti por 6 dias teve 3 apneias diagnosticaram refluxo,so que toda vez que ela mama muito dificil ela golfar e vomitar mesmo 2 veses em 2 meses de vida,ganha peso super bem sera que ela tem refluxo mesmo?
    Eu parei com os remedios pq achei que deu muita colica nela(label e Peridona)mas falaram que nao pode parar e agora?
    Daqui 2 semanas ela tem pediatra,mas me ajuda por favor

    • Prezada Juliana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. O que eu posso comentar, de forma genérica e não específica é que uma criança que ganha peso bem, dificilmente tem a doença do refluxo. Golfar é sinônimo de refluxo, o que é normal e diferente de doença do refluxo. Muitas crianças estão recebendo tratamento para refluxo, que é normal, sem necessidade. Sugiro que aguarde a consulta com seu pediatra.

  97. Olá doutor! tenho um filho com 3 meses ,percebo que todas as vezes que ele abre a boca fica com vontade de vomitar, mais o vomito nao sai ,ele engunha muito , estou muito preocupada, isso é normal ou preciso leve-lo no Pediatra?

    • Prezada Darlene,
      Como o blog não substitui uma consulta, se você está em dúvida, sugiro que o leve ao pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Viver com dúvida gera muita insegurança e isso não é necessário. Basta uma visita ao pediatra para poder se tranquilizar.

    • Prezada Suely,
      Como o blog não substitui uma consulta, sugiro que converse com o seu pediatra a respeito do que me descreveu. Em tese, um bebê que ganha peso não tem doença do refluxo. Também em tese, bebês gemem e choram por vários motivos, sendo que nem sempre descobrimos o que está se passando. O importante é que os pais percebam seus bebês de uma forma abrangente e, em caso de dúvidas, procurem o pediatra. Ele é a melhor pessoa para orientar os pais.

  98. Oi boa noite,
    Estou desesperada porque a minha filha que nasceu prematura com 8 meses e agora está com 52 dias está chorando muito, se estica, se espreme, se encolhe, gorfa, sempre que mama e após a mamada, ela mama no peito e toma mamadeira também. Tomava o leite Nan e por conta própria, pois pensava que fosse o leite e minha pediatra está de férias, mudei para o Aptamil, mas continua do mesmo jeito! Não sei o que fazer, pois ela e muito inquieta e eu fico desesperada sem saber o que ela tem! Será cólica ou refluxo?! Por favor me ajudem…

    • Prezada Lara,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Somente o pediatra, após examiná-la e, principalmente, verificar a sua curva de peso, poderá lhe orientar. Um bebê que ganha peso, dificilmente tem a doença do refluxo. Por outro lado, é da natureza dos bebês chorar, sem que, necessariamente, estejam com alguma doença. Por isso, reforço a necessidade de uma consulta para lhe tranquilizar.

      • Tudo bem Dr. Roberto Cooper, agradeço a atenção e compreendo sua posição. Se Deus quiser ela não vai ter nada mesmo…É porque sou marinheira de primeira viagem e fico encucada com tudo! Muito obrigada

      • Lara,
        Ficar encucada faz parte desse começo de vida com a sua filha. Mas, pode confiar mais em você e nos seus sentimentos. Não se cobre a perfeição. Seja carinhosa, segure sua filha no colo e siga seu coração. É o que ela quer e precisa.

    • Boa tarde Dr. Cooper,
      Minha filha está com 53 dias, acontece que nem durante o dia nem durante a noite ela dorme tranquila, sempre fica resmungando e se espremendo. Por esses dias principalmente ela da apenas cochilos de meia hora, aí sempre que esta acordada não para quieta, sempre chorando, só não quando está no peito…O que faço?! É normal?! Até quantos meses?!

      • Lara,
        Não tenho familiaridade com o termo “aloja”. Será que é o mesmo que arrotar? O arroto significa apenas que havia ar no estômago do bebê. Ar que engoliu ao mamar. Não significa que está ou não satisfeito. Como o bebê também pode engolir ar ao respirar, ele também pode arrotar horas depois de mamar.
        Caso aloja não seja o mesmo que arrotar, por favor me esclareça.

      • Lara,
        Como dito, não falarei da sua filha porque não a conheço. Mas, bebês com menos pequenos, podem ter esse tipo de comportamento até tres ou quatro meses. Às vezes, um pouco mais. Coloque-a no seu colo, converse com ela, sussurre, cante, chore junto, mas tente ficar relaxada. Por isso é importante a consulta com o pediatra para lhe tranquilizar dizendo que está tudo bem. Isso lhe dará mais segurança para relaxar.

      • Muito obrigada pela atenção novamente! Alojar é o mesmo que gofar, sendo assim é normal ela gofar horas depois?! E ainda, ela é muito irritada e sempre que está acordada não para de chorar, só se cala quando adormece ou está mamando, isso é normal?!

      • Lara,
        Golfar pode acontecer a qualquer momento e não significa que o bebê tenha mamado muito. Como tentei explicar no post, é o leite que retorna, sem que seja, necessariamente uma doença.
        Quanto a chorar, muitos bebês choram muito. Mas, o ideal, é que a sua filha seja pesada e examinada. Se estiver ganhando peso de forma satisfatória e o exame clínico for normal, você poderá ficar mais tranquila e isso vai ajudar sua filha também.

      • Ok, muito obrigada Dr. Roberto mais uma vez! Mas estou cada vez mais louca!!! Minha filha grita quando mama, no peito ela se espreme e se estica e quando está mamando na mamadeira o outro leite ela grita e esperneia, após a mamada ela também tem a mesma reação…já dei flagass baby, não melhorou (ela elimina os gases normalmente) e a pediatra passou fágico e label para refluxo e ainda o Aptamil AR. Faz 3 dias que comecei esse tratamento mas ela ainda continua na mesma situação! Pensei até na hipótese de intolerância a lactose ou alergia ao leite…O senhor acha possivel?!

      • Lara,
        Opinar sobre uma criança que eu não conheço a história detalhada, nem a dinâmica familiar e ainda que eu não tenha examinado, acompanhando a curva de peso, seria irresponsabilidade. Por isso que o blog não substitui uma consulta e, na melhor das hipóteses, serve para divulgar informação.
        Pelo seu relato, minha recomendação seria que pudesse ter uma conversa mais longa com seu pediatra. Uma conversa onde esse quadro que descreve pudesse ser mais explorado, incluindo alguns aspectos da dinâmica familiar e dos seus sentimentos (medos, inseguranças, normais, mas pouco falados). Aliado a essa história clínica mais minuciosa, seu pediatra poderia analisar o ganho de peso da sua filha. Em tese, tudo é possível. Inclusive que a sua filha seja um bebê saudável que chora muito. Mas, isso só pode ser definido pelo seu pediatra.

  99. Bom dia doutor. Minha filha tem 15 dias de idade e nasceu prematura com 36 semanas e 05 dias e pesando 2.560 Kg. Na primeira visita ao pediatra foi constatado que ela havia engordado 200 g. As minhas dúvidas são as seguintes: ela golfa às vezes 3 horas depois de mamar. Após esse tempo já não era para ela ter digerido o leite? (obs. ela mama pouco no peito e toma complemento Aptamil 1). O fato de ela ser prematura predispõe ao refluxo? e para finalizar: nós a alimentamos de 3 em 3 h, inclusive de madrugada e a acordamos para mamar. Ela sempre está muito sonolenta e temos que fazer grande esforço para acordá-la. O pediatra disse para fornecermos leite “livre demanda”, ou seja, quando ela pedir, mas eu e minha esposa ficamos com medo dela ficar muito tempo sem mamar e por consequência ter hipoglicemia, pois a impressão que temos é que se deixarmos ela dorme 6, 7 horas seguidas. Desde já agradeço e fico grato pelas orientações.

    • Ok, muito obrigada Dr Roberto!
      A pediatra diz que ela está ganhando o peso normal, que ela é saudável mas suspeita que ela está com refluxo e passou label e montilium. O que o senhor acha, esses medicamentos realmente aliviam os sintomas?! Existe algum exame para confirmar?!

      • Prezada Lara,
        Pelo blog, seria irresponsabilidade opinar. Em tese, um bebê que ganha peso, pode ter o refluxo (normal), mas não tem a doença do refluxo (que precisa de tratamento). O único exame que pode fazer o diagnóstico do refluxo é um que mede o pH (acidez) do esôfago e só está indicado nos casos onde a suspeita clínica seja relevante. O ultrassom, feito por muitos bebês, não tem valor algum para o diagnóstico de doença do refluxo.

  100. Boa tarde, doutor. Acabou de acontecer o que descrevi no post anterior. Minha filha teve um pequeno refluxo com leite saindo pelas narinas quase 3 horas após mamar. Nós tomamos todas as medidas anti-refluxo, ficamos com ela na posição vertical 30 minutos após mamar e a colocamos no berço com 30º de inclinação. Aqui vão mais dúvidas: após o episódio de refluxo, nós a pegamos no colo e a deixamos na vertical. Por quanto tempo devemos mantê-la nessa posição? meia hora de novo? E quanto à melhor posição para ficar no berço/carrinho de bebê, é verdade que a melhor posição é de lado, apoiada no lado direito (foi assim que nos orientaram na maternidade). Mais uma vez obrigado.

    • Prezado Marcelo,
      Li seus dois comentários a respeito da filha de vocês. Ocorre que o blog não substitui uma consulta e, por esse motivo, seria irresponsabilidade minha opinar especificamente sobre a sua filha. A melhor pessoa para lhe responder a respeito da sua filha é o seu pediatra.Converse com ele para que este o oriente e tranquilize.
      Sem falar especificamente sobre a sua filha, bebês regurgitam ou golfam. Algumas vezes essa golfada chega a sair pelo nariz e pode aparentar ser muito volume. Isso é um refluxo. Isto é, algo que está no estômago, retorna e sai pela boca. No entanto, isso não é, obrigatoriamente, doença do refluxo e, por esse motivo, não precisa de tratamento, nem de inclinação especial no berço. A doença do refluxo é algo raro e um dos principais sinais é o bebê não ganhar peso. Bebês que ganham peso, em princípio, não têm a doença do refluxo. Estes bebês que golfam, inclusive saindo pelo nariz e ganham peso de forma normal, são chamados, pelos americanso de “cuspidores felizes”. Não precisam de nenhum tratamento.
      Quanto ao intervalo entre mamadas, novamente sem falar da sua filha, o ideal é a livre demanda. Como alguns bebês, principalmente os que nasceram prematuros, podem ser mais “preguiçosos”, há uma recomendação que não se deixe passar mais do que quatro, podendo, no máximo, chegar a seis horas, entre duas mamadas.
      A posição mais segura para o bebê dormir é de barriga para cima, uma vez que já ficaram alguns minutos na posição vertical, para arrotar (não é obrigatorio aguardar o arroto). Os bebês possuem o reflexo da tosse e, na eventualidade de golfarem, tossirão. Caso você esteja do lado de um bebê que, estando de barriga para cima, começe a golfar, vire-o sobre o um dos seus lados, até que a golfada termine.
      Me parece que vocês estão, naturalmente, descobrindo os caminhos da paternindade e maternidade. Como a filha de vocês nasceu prematura, isso pode contribuir para gerar alguma insegurança. Mas, ela já teve alta e está em casa com vocês. Não é mais um bebê com exigências de um prematuro. Recomendo que conversem com seu pediatra para que possam “relaxar” um pouco e se sentir mais seguros para cuidar da filha, sem precisar de regras ou dicas, para tudo. Vocês saberão o que fazer, se seguirem seu coração.

  101. Bom dia, doutor. Obrigado pelos esclarecimentos, talvez o que a gente precise é relaxar e deixar de “neuras”, mas sabe como é marinheiro de 1ª viagem. Suas palavras tranquilizaram minha esposa que chegou a chorar no final. Mais uma vez agradeço e que Deus sempre ilumine o senhor.

  102. Bom dia Dr. cooper meu nome é Rodrigo. Tenho uma filha com 5 meses de idade e que possui um refluxo severo, ela só mama no peito. Fica praticamente o dia todo com um pano embaixo do pescoço, pois fica regurgitando muito. Desde o primeiro mes ela toma label e motilium porém não apresentou nenhuma melhora. Do ultimo mes para ca ela começou a vomitar muito em um mÊs vomitou umas 30 vezes. Eu gostaria de saber o que podemos fazer se ja devemos entrar com a papinha ou se existe algum espessante para dar para ela entre as mamadas. Desde já agradeço.

    • Prezado Rodrigo,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Falando em tese sobre crianças que regurgitam, se estas ganham peso dentro do esperado, é pouco provável que tenham a doença do refluxo. A doença do refluxo, como tentei explicar no post, é diferente do refluxo, que é algo normal em todas as crianças. Crianças com refluxo não precisam de tratamento.
      Com relação à amamentação, como sua filha só mama peito, a recomendação seria de mantê-la exclusivamente com leite materno, até os 6 meses de idade. Mas, a melhor pessoa para lhe orientar é o seu pediatra. Fale com ele.

    • Prezada Fernanda,
      O refluxo é algo normal, que todos os bebês têm. A doença do refluxo, que não é a mesma coisa que refluxo, é rara. Atualmente, existe um número muito grande de bebês tratando, com remédios, o refluxo, que é perfeitamente normal. Quanto a um bebê ter digestão lenta ou não sentir fome, não há, em princípio, relação com o refluxo. Mas, somente o pediatra, após ouvir a história detalhada e fazer um exame físico é que poderá chegar a uma conclusão e orientar os pais.

  103. Meu bebê mamava o peito e complemento com aptamil. Aí a medica trocou para o Nam Comfor. Ele comecou a ter quadros de refluxo, que chegou até vir com um pouco de sangue, levei na urgencia, a medica disse que tinha que ficar observando, quando pesaram percebi que ele perdeu peso. Suspendi o leite artificial e esperando a proxima consulta pediatrica, mas, será que o Nam desenvolveu essa doença no meu filho?

    • Prezada Leidiane,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o caso de seu filho. Pelo seu relato, ainda não há um diagnóstico feito. Há uma suspeita de doença do refluxo. Lembro que refluxo é algo normal que todo bebê tem e que doença do refluxo é quando o refluxo normal produz uma alteração no esôfago do bebê. As fórmulas infantis, como o Nan Comfor, não produzem essa doença. Tente antecipar a consulta com pediátrica.

  104. Ola!!! Minha baby ten 1 mes e 15 dias…esta c refluxo. O leite tem voltado. Mas o que mais me tira o sono eh q ela apareceu tbm c uma tosse apos a mamada, com secrecao q parece ser na garganta ou no nariz. O medico disse ser assim msm e passou um remedio p refluxo e soro p nariz. Vai demorar mt p essa secrecao ir embora e c s tosse? Refluxo pode ter sintonas assim? De gripe????

    • Prezada Vanessa,
      Como o blog não substitui uma consulta médica, seria irresponsabilidade minha opinar sobre sua filha. Recomendo que siga as orientações do seu pediatra e converse longamente com ele sobre toda suas dúvidas.

  105. ola minha filha tem 4 anos e na maiorias das vezes quando ela ver a comida ela logo sente uma ancia de vomito chegando as vezes até vomitar ja fui no medico fiz varios exames e nao deu nada mais ainda continuo preocupada o que pode ser isso, é normal me ajudem por favor

    • Prezada Uelda,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Pelo seu relato, recomendo que converse longamente com o seu pediatra e pergunte a ele se vê necessidade de encaminhar sua filha para um especialista (gastroenterologista pediátrico? psicólogo?). Seu pediatra é a melhor pessoa para lhe orientar.

  106. Dr. Meu filho está com 4 meses ele tomava Label desde 15 dias de vida, ele regurgitava pouquinho, mas nada em grande quantidade e chorava depois que mamava. Quando estava com 2 e meio o médico achou desnecessário a continuidade e tirou. Cerca de 10 dias depois começou a chorar muito para mamar, mamando pouco ou recusando. Procuramos uma gastropediatra que inicialmente receitou o Label novamente e também o leite pregomin para fazer um teste terapêutico e disse ser esofagite e tb que que pode ser que o refluxo ( confirmado por rx o refluxo) seja sintoma de alergia ao leite, 20 dias depois não houve nenhuma melhora então ela trocou o leite para neocate e remédio para o omeprazol pq ela acha que a esofagite está muito persistente agora faz 4 dias e ainda nenhuma de melhora ta um sufoco dar mamar para ele e muito triste também estou tendo que fazer ele dormir para conseguir que ele mame 60ml. Estou seguindo todas as orientações fico com ele 30 min de pé rampa de travesseiro e colchão também remédio dado certinho leite. Também dou o peito tirei tudo tudo mesmo de leite , derivados, traços, soja da minha alimentação. Ela disse que caso não melhore vai ter que tirar ele do peito para ter certeza que não há nada que está causando. Tem tb outros alimentos que poderiam causar mas para eu tirar esses inicialmente. Ele nasceu prematuro com apenas 2 kilos mas desse jeito está difícil fazer ele ganhar bastante peso. Não sei mais o q faço, um mês e meio assim…A esofagite demora muito para sarar e melhorar os sintomas, quantos dias seria o padrão para melhora mais ou menos esperado em geral, nos casos de alergia ela é mais persistente mesmo?E o leite qual o tempo esperado depois da retirada do leite e derivados para melhora dos sintomas. Ele não tem nenhum daqueles sintomas comuns como diarreia e dermatite apenas o refluxo. Estou seguindo orientações e sei que o senhor não tem como avaliar , queria apenas uma perspectiva, uma luz, dicas, sei lá…se eu colocar espessante no leite vai ajudar em alguma coisa ou só no retorno externo? Será que o líquido mais grossinho é mais fácil de ele engolir sem dor, o senhor tem alguma dica?Ela autorizou dar mingau mas daquele sem nada de proteína de leite de vaca e papinha para ajudar na alimentação dele. O senhor acha que incluindo sólidos ajuda em alguma coisa? Tento dar água para ele, ele não gosta toma um pouquinho com dor e depois vomita, parece que dói mais. Além de seguir as orientações o senhor que vi que é muito experiente tem algo para me dizer para me ajudar?Li comentários e percebi que o senhor é muito atencioso em suas respostas, aguardo um retorno encarecidamente. Pois não sei mais o que faço para vê- lo mamar feliz e sem dor novamente, fora da hora de mamar ele brinca é muito esperto. Quando ele mama menos na outra vez ele se esforça muito para beber mais,os olhinhos chegam a ficar cheio de lágrimas…não achei que demorasse tanto assim parece não ter fim…estou me esforçando muito para ele não perder peso, dando mais perto insistindo…espero um retorno do senhor por favor Dr.
    Obrigada.

    • Prezada Maria,
      Em primeiro lugar, muito obrigado pela participação no blog e, principalmente, a confiança que depositou em mim. No entanto, como você já comentou, minha posição ao responder é a de ter o cuidado de não fazer nenhum comentário irresponsável, pelo simples fato de não conhecer a criança, nem tê-la examinado. O que eu poderia lhe dizer? Me parece que o mais importante é que estabeleça um vínculo de confiança com a pediatra ou gastropediatra. Como seu filho tem um quadro clínico que ainda está sendo investigado e/ou tratado, ouvir mais de uma opinião ou dicas, tem o grande risco de confundi-la mais do que ajudá-la. Por isso, é fundamental que tenha confiança em quem está lhe orientando e siga as orientações desta pessoa. Caso você não esteja completamente segura ou confiante, é direito seu ouvir uma segunda opinião médica. Isto é, fazer uma consulta, contar a história do seu filho, mostrar os exames feitos e a curva de crescimento e desenvolvimento, tê-lo examinado pelo médico, para, então ouvir uma outra opinião. Caso opte por ouvir uma segunda opinião, deve buscar referências do médico, saber se trabalha em serviço universitário ou hospital, onde foi formado etc. Também pode sentar com a sua atual gastropediatra e conversar francamente com ela, perguntando tudo que deseja saber. Como há uma suspeita de esofagite, pergunte se não é o caso de fazer uma endoscopia para, de fato, confirmar a esofagite. O Raios X pode mostar o refluxo, mas não mostra a esofagite. Enfim, espero que compreenda a limitação do blog e entenda que o melhor para você é uma relação de muita confiança com um único médico. Sucesso!

  107. Ola Dr. Boa Noite
    Minha filha tem 2 meses e desde que nasceu ela tosse se engasga e falta o ar…fica toda roxinha e tenho que sugar varias vezes para voltar.
    Gostaria de saber o que pode ser. Ela esta tomando Eritromicina, prelone fagico, tomou dexametasona mais nao vejo melhora alguma. Gostaria de uma orientação.
    Desde ja agradeço.
    Att. Daniela

    • Prezada Daniela,
      O quadro que descreve merece ser avaliado de forma criteriosa e sistemática. Isso não é possível de ser feito no blog que, na melhor das hipóteses, é um veículo de informação e não substitui uma consulta médica. Sugiro que converse com o seu pediatra, francamente. Pergunte se não considera pedir a opinião de um especialistas (gastropediatra por exemplo). Caso não se sinta plenamente segura com o seu pediatra, é direito seu ouvir uma segunda opinião. Para isso, escolha um profissional com boas referências e, se possível, com algum vínculo com instituição de ensino ou hospital com residência médica. Em geral, profissionais com esse perfil estão atualizados e costumam ver mais casos como o da sua filha.

  108. Boa noite doutor, minha filha teve dois episódios em que ficou com as costas arqueadas, a cabeça virada para trás, olhos abertos e parados e braços esticados rígidos e salivando muito. O primeiro foi com 25 dias e o segundo com 40 dias. Isso pode ser por causa do refluxo? digo isso pois nas duas ocasiões saiu leite pelo narizinho dela e estava próximo a hora de mamar (havia 03 horas que ela tinha mamado). Ela depois disso (atualmente ela tem 47 dias) passou a se contorcer muito enquanto dorme, com sono agitado (se mexe muito) e acordando constantemente, parece que ela não descansa, e com frequência reflui leite após as mamadas, mais de uma vez, por exemplo: reflui logo depois que mama, uma hora depois e três horas depois, sempre aparentando desconforto e com o semblante irritado, mas normalmente não chora quando reflui. Fui no pediatra que verificou que ela engordou 46 gramas por dia em 30 dias, o que ele considerou excelente e passou label 3 x ao dia. Isso é normal ? O episódio que descrevi acima do corpo da minha filha rígido e salivando muito o pediatra disse que era engasgo. Será que pode ser refluxo ou outra coisa? Obrigada pelas orientações. Att. Monica

    • Prezada Monica,
      Toda criança tem refluxo. Esse refluxo normal, não causa problemas. Poucas crianças desenvolvem a doença do refluxo, cujo principal sinal é o da criança não ganhar peso, adequadamente. Crianças que golfam (refluxo) e ganham peso, são chamadas, pelos americanos, de golfadores felizes e, em princípio, não precisam de nenhum tratamento. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha, opinar sobre a sua filha. Espero que entenda esta limitação do blog. Converse com seu pediatra, ele é a melhor pessoa para lhe tranquilizar.

  109. Olá, Boa noite Dr., logo após o nascimento de minha filha ela rejeitou o leite materno, fizemos várias e exaustivas tentativas , mas ela se recusa e tive que entrar infelizmente com a mamadeira… Observei que após as mamadas ela golfava grande volume do que tomava. Fizemos a cintilografia quando ela fez 1 aninho e deu positivo para o refluxo. O interessante é que ela sempre foi gordinha e é assim até hoje aos 8 anos, depois do primeiro exame ela os repetiu por mais duas vezes um aos 3 anos e meio e o outro aos 4 anos e 5 meses, todos positivos. Teve indicação para cirurgia mas me recusei a faze-la, hoje ela com 8 anos sente muitas dores ela sente o alimento voltar e junto a queimação, engasga ás vezes por esse alimento voltar. Retornei ao gastro depois de 4 anos e fomos fazer novamente os exames de Cintilografia e pra minha surpresa deu negativo. Minha filha me disse que não sentiu voltar no momento em que estava na máquina só sentiu dor. Pergunto é possível isso acontecer? e agora será que a médica vai entender que ela realmente não tem o refluxo mesmo sentindo dores? uma criança pode ser curada depois de 3 exames dando positivo? Me ajude estou angustiada com isso.
    Obs: Logo após o primeiro exame entrei com o leite de soja e ela o tomou até os dois aninhos.

    Abraços
    Jussara

    • Prezada Jussara,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o caso de sua filha. Espero que compreenda esta limitação do blog, principalmente diante de uma história clínica longa como a que descreve. Sugiro uma conversa franca com a médica. Caso sinta insegurança ou dúvida, você tem o direito de ouvir uma segunda opinião médica.

  110. Olá Dr.Roberto.
    Minha bebê tem apenas 1mê e 20dias e de uns dias pra minha bebê tem apresentado uma tosse leve nâo frequênte e as vezes ela faz um som tipo de foca as vezes ela faz esse mesmo som quando esta brincando “com os aninho” e as vezes o som também aparece quando esta calminha ou dormindo, e ela sente muito soluço e as vezes muito raramente golfo,já estou precupada pq a consulta dela ainda esta longe nåo sei se tem alguma coisa a ver com os gases e a prissão de ventre que ela também apresenta.

  111. Boa noite Dr. Minha filha tem diagnóstico de refluxo, diagnosticada desde o primeiro mês, agora está completando 3 meses hoje. Foram feitos diversos exames, radiografia contrastada do esofago, diversos ultrassons de todo aparelho digestivo. Fizemos vidolaringoscopia e não há nenhuma má formação ou estenose, apenas o refluxo. Contudo, minha bebê foi ao longo dos 3 meses diminuindo as mamadas até praticamente cessá-la. Está perdendo muito peso, chora excessivamente, porém, se recusa a mamar mesmo com fome. Gostaria de saber do Dr. em que casos uma cirurgia é recomendada e qual seria o sucesso dessa cirurgia. A principio tomava motilium e label, porém, nao apresentou resultados, ao contrário, muitas cólicas e agora estamos medicando com losec mups e digesan, mas não vejo qualquer melhora….

    • Prezada Adriana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha especificamente. A indicação de cirurgia em crianças com doença do refluxo é algo muito raro. Só deve ser feita após uma investigação minuciosa e tentativas terapêuticas. Assim, recomendo que discuta com seu pediatra a respeito de uma segunda opinião de um gastro pediatra e/ou um cirurgião pediátrico. Dentre os exames que citou, não vi a medida de pH ou impedância esofagiana ou ainda uma endoscopia digestiva com biópsia. Fale sobre estes exames com seu pediatra.

  112. Dr. Roberto Cooper- Pediatria
    então eu tenho refluxo,os médicos pediu pra eu fazer o exame de endoscopia pra ver meu grau°,mais eu já tentei eu não consigo fazer não adianta a nestesia que eles dão porque eu vejo tudo ao meu redor, e eu sei que está bem avançado por conta da irritação na garganta toda hora arrotando etc…Eu não consigo fazer o exame de endoscopia que eu faço doutor pra solucionar meu poblema? tenho 18 anos de idade. eu só faço tratamento com o omeprazol de 20g 30 minutos antes de cada refeição????me ajude

    • Prezado Bruno,
      Para solucionar seu problema, você precisa de um bom gastroenterologista que lhe acompanhe e oriente. Existem meios mais forte para sedá-lo e realizar a endoscopia. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre sua medicação. Fale com seu gastro, ele é a melhor pessoa para orientá-lo.

  113. Doutor, meu filho parece não gostar de comer, tem 1 ano de idade e tem apenas 9 kg e 300 gramas, é bem magrinho, só tem 4 dentes, 2 de em cima crescendo e os dois de baixo que nasceram primeiro. Não coome comida sólida de jeito nenhum, nem bem molinha, nada. Tenho que bater tudoi no liquidificador para que ele come e mesmo assim chega numa parte da hora da comida que ele força vômito até vomitar mesmo, se eu não parar de oferecer as colheradas ele vomita mesmo e não come mais nada. A mamadeira tem que ser bem rala se for mto cremosa ele não mama, nunca consegui que ele mamasse cremogema. Dou sempre a mamadeira de ninho 1 + com uma farinha e uma fruta, ou geléia de mocotó, ou biscoito maizena. Ele mama no máximo 220 ml, quando mama. Não come biscoito, não come fruta raspadinha. Não come entra refeições, e só aceita mamar ou comer de 4 em 4 horas. Ele é mto ativo, brinca mto e parece nunca querer ficar parado pra comer. As vezes achoq ue é manha que ele faz quando fica forçando vômito, mas ele não engorda o que deveria por mês, engorda 300 gramas ao mês e quando engorda isso. O que eu faço? Ele só engordava bem quando mamava no peito, pois mamava o dia e a noite inteira no peito, quando meu leite secou ele tinha quase 6 meses. Dai então passou para mamadeira com NAN e papinhas e começou a não engordar tanto até que passou a engordar somente de 200 a 300 gramas por mês. Fico mto triste. O pediatra manda que eu dê as vitaminas diárias que são o Neutrofer gotas(9 gotas), redoxon gotas (10 gotas) e protovit (10 gotas), por dia. Nada parece adiantar, ele não gosta de nada! O que posso fazer?

    • Prezada Karina,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho, sem conhece-lo, examiná-lo, avaliar sua curva de crescimento e desnvolvimento, bem como toda a dinâmica familiar. Por esse motivo, recomendo que converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Por outro lado, sua descrição é a de um menino saudável. Algumas crianças saudáveis são, constitucionalmente, magras e comem pouco. Mais importante do que comer e ganhar uma quantidade pré-determinada de gramas/mês, é ser saudável. Eventualmente, com estas crianças, uma atitude mais flexível com relação à alimentação, produz um ambiente mais distendido, bom para todos.

  114. Dr. Cooper, bom dia
    Meu filho faz tratamento com Losec.Está com 2 anos de idade. Por trabalhar fora e sair com ele ainda dormindo, gostaria de saber se poderia ministrar o Losec em outro horário ou se perde a eficácia. Se ele deve ser ministrado somente pela manhã em jejum. Para mim seria ideal quando chego em casa, as 17hs eu ministraria diariamente. Se puder neste horário, ele deve estar em jejum de algum tempo? Obrigada.

    • Prezada Flávia,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a prescrição de uma crianças que eu não examinei. Sugiro que converse com o seu médico. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. De forma genérica, sem falar do seu filho, a recomendação é que o Omeprazol seja dado em jejum, pela manhã.

  115. Olá Dr.Cooper
    Minha filha tem 3 meses e desde os dez dias de vida faz uso de algumas medicações para tratar o refluxo. Hoje percebo a sua melhora, porém, depois de algumas mamadas mesmo tomando todos os cuidados ela ainda regurgita, engasga quando deitada. Tenho duas perguntas. Em geral quanto tempo dura o refluxo? E aos 5 meses se o refluxo ainda estiver presente quais são os alimentos que posso oferecer a minha filha como complemento alimentar sem que piore o refluxo, pois a licença irá terminar. Obrigada.

    • Prezada Fabiana,
      Em geral, o refluxo se resolve até um ano de idade. É importante lembrar que a maioria das crianças têm refluxo, mas, somente uma pequena parcela desenvolve a doença do refluxo. Quanto aos alimentos que poderá oferecer, sugiro que pergunte ao seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Na idade da sua filha, praticamente todos os alimentos são permitidos.

  116. Dr. Cooper
    A minha filha tem actualmente 5 meses e 12 dias. Até os 4 meses aumentou de peso sendo alimentada somente com LM. Após a introdução de sólidos deixou de ganhar peso ou ganhou muito pouco.Continua a fazer 3 mamadas com LM .E um bebe bem disposto e dorme bem, mama e come bem. Vomitou 2 vezes após 3 h a sopa completa.Estou muito preocupada por não ganhar peso apesar de comer bem. Deverei preocupar-me ou e normal.Agradecia orientação.

    • Prezada Elizabete,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre sua filha. Sugiro que converse com o seu pediatra para que ele lhe oriente e peça exames para investigar o pouco ganho de peso, se for o caso.

  117. Minha filha tem um ano e tres meses e toma leite ninho em lata com acucar e assim que ela mama comeca a tossir chega ate vomitar nao sei porque. Eu dava leite integral d caixa ai troquei pelo ninho mas mesmo assim ela continua com a tosse. No comeco tinha parado mais agora voltou. Sera q ela e alergica!?

    • Prezada Diana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Sugiro que fale com o seu pediatra. Mas, posso lhe orientar quanto ao açúcar que acrescenta ao leite. Não há necessidade de adoçar o leite.

  118. Dr.Cooper
    tenho 21 anos, e atualmente já faz um ano e meio que faço tratamento do estÔmago, tenho bactéria e refluxo e de uns tempo pra cá estou sentindo muita ânsia e dores, só que fiz um RX contrastado e deu ausência de refluxo o que pode ser?

  119. Olá Doutor, li as informações sobre a doença do refluxo e me atentei para um fato. Minha filha tem 1 ano e 5 meses, e foi diagnosticada desde os 7 meses com anemia. Desde os seis meses que come de tudo leguminosas, carne, peixes, verduras, enfim…, sempre se alimentou muito bem, já usamos vários suplementos vitamínicos e remédios de ferro, mas a anemia continua a mesma. Outro detalhe é que ela sempre teve dificuldades de ganhar peso, sempre teve abaixo do esperado para a sua idade, os médicos sempre disseram que deveria ser o biotipo dela já que comia de tudo e não engordava. Ultimamente tenho percebido que ela anda muito irritada e chora com tudo. Será que ela tem a doença do refluxo? O Dr. me aconselha que eu peça o exame pra saber se ela tem a doença do refluxo?
    Ando muito preocupada e desesperançosa com tantos diagnósticos equivocados. Já não sei mas o que fazer pra ver minha filha saudável.

    Agradeço desde já pela atenção e o parabenizo por compartilhar essas informações!
    Grata!
    Amanda.

    • Prezada Amanda,
      Desculpe a demora em lhe responder. Acredito que você poderia ouvir uma opinião de um pediatra generalista, de confiança. Este, tendo examinado sua filha e analisado os exames já feitos, deveria lhe orientar sobre os próximos passos: que exames deveriam ser feitos ou que especialistas deveriam ser consultados.
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha responder à sua pergunta sobre doença do refluxo. O diagnóstico de doença de refluxo na idade dela é possível, mas menos provável. Um pediatra cuidadoso provavelmente incluiria esse diagnóstico como uma hipótese, mas não seria sua primeira opção, ao investigar uma criança que tem anemia.

  120. Dr. Cooper,

    minha filha tem 2 anos e 8 meses, desde 7 meses percebo que ela passa muitos meses com o mesmo peso… cresce 1 ou 2cm… mas o peso continua o mesmo… hoje ela está com 84cm e pesa 10,600kg, esse peso de 10kg ela já está desde o ano passado…tem muita disfunção intestinal, as fezes são bem desuneradas, tem muitas gases, e quando não está com dor de barriga, tem dificuldade de defecar. Me preocupo muito com isso, pois no acompanhamento com a pediatra e a endocno, ela está na curva miníma pra idade dela. Ela se alimenta super bem, come sempre nos horários, não toma danones, sucos de caixas..nada disso! Só come biscoitos integrais, frutas, mingau, comidas de panela…por isso fico mais angustiada. Será que você teria alguma sugestão do que poderia ser, ou que especialidade devo procurar?? Agradeço a atenção.

  121. Meu filho foi diagnosticado com refluxo atravez de um exame chamado cintilografia. So que ele nao chega a regurgitar, mas da para ouvir o barulho do leite subindo e descendo na garganta dele, entao ele ganha peso normalmente. Ele fica muito incomodado mas percebi que as crises de choro mesmo acontece geralmente 1h apos as mamadas. Porque isso ocorre? Quando ele mama para de chorar e o leite para de subir e descer. Como ocorre o processo da digestao? So para eu entender um pouco. Meu filho tem 2 meses.

    • Prezada Estela,
      Suas perguntas são interessantes. No entanto, seriam melhor respondidas pelo seu pediatra em uma conversa. O blog é ótimo para veicular uma informação. Mas, a partir do momento em que você tem uma dúvida que diz respeito diretamente a seu filho, o melhor é ter uma conversa com o seu pediatra. Isso porque, a cada resposta que eu possa lhe dar, certamente vai fazer referência a seu filho e novas perguntas surgirão. Seu pediatra é a melhor pessoa para lhe responder e orientar.

  122. Ah, esqueci de dizer, sei q o refluxo dele é fisiologico, bom! Eu espero muito q seja. Mas ele chora muito por isso, demais! Mesmo assim nao precisa ser medicado?

  123. Olá, dr. Meu bebê foi diagnosticado com doença de refluxo gastroesofágico. O problema é que, quando o motilium e o label começaram a fazer efeito, a pediatra simplesmente alegou que tais remédios não deveriam ser tomados por muito tempo, especialmente a ranitidina. Eu, particularmente, não entendi. O fato é que ela receitou o losec mups, que não dá ao bebê o mesmo bem estar que os outros dois anteriores. Ele tem 6 meses e não vejo por que ela cortou o label e o motilium, visto que há crianças que fazem uso de tais medicamentos por mais de um ano. O que o senhor acha???? O bebê voltou a se sentir mal e nós não sabemos o que fazer…

    • Prezado André,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu bebê. Existem alguns estudos que correlacionam a Ranitidina com maior probabilidade de pneumonia. Por outro lado, este mesmo efeito foi identificado no Omeprazol, princípio ativo do Losec. Quanto à Domperidona, apesar do uso difundido, não existem evidências científicas da eficácia em doença do refluxo. Sugiro uma conversa franca com a pediatra, onde devem colocar todas estas dúvidas.

  124. Olá Dr..minha neta desde que nasceu que tem episódios de tosse e vomitos..hoje ela tem 5 anos e continua com a mesma tosse e mais a noite quando vai dormir, mas acontece também ao dia e sempre tem vomitos..é levada a médicos que dizem que ela não tem refluxo, mas isso sem pedir nenhum exame.. a menina é sempre magrinha .. em media acontece dela vomitar umas 2 a 3 vezes por dia..eu fico preocupada e insisto que a mãe a leve de novo ao médico, a mãe leva e sempre a mesma resposta de que não é nada, é somente manha.. o que o senhor me orienta?

    • Prezada Gildete,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua neta. Recomendo que busquem uma segunda opinião médica para que possam ficar tranquilos e/ou iniciar uma investigação diagnóstica.

  125. Dr. Gostaria de saber qual o procedimento para o bebê que golfa pela narina e fica meio que afogado ? Minha filha fez isso hoje pela primeira vez em 15 dias de vida, não chegou a ficar afogada, fui ler algo na internet e vi uma pergunta em que a filha de uma das pessoas que perguntou ficou afogada e foi salva pela avô. Então o que devo fazer em caso dessa emergência ? Obrigado

    • Prezado Messias,
      Bebês golfam e, muitas vezes sai pelo nariz. Em geral isso não é um problema e, raramente, é uma emergência real. Sugiro que converse com seu pediatra, na próxima consulta, para que ele lhe oriente com manobras simples, como colocar o bebê de lado ou de bruços sobre o seu colo. Por escrito fica mais difícil de descrever.

  126. Boa noite Dr. Preciso tirar uma dúvida com o Senhor.
    Levei meu bebê de 20 dias ao pediatra onde expliquei tudo oq está ocorrendp com ele. Irritabilidade, joga o corpo para trás quando mama, acorda com ânsia e com a boca aguando, fica como se fosse mastigando alguma coisa e colocando a língua p fora, tosse e soluça muito depois de mamar. Após eu falar estes sintomas a pediatra, ela receitou label para meu filho. Ao chegar em casa, fui ler a bula e percebi que só pode dar label para bebês acima de 1 mês de idade, sendo que ele so tem 20 dias, alem de outras reações como ictericia, que me deixou preocupada, uma vez que ele teve icterícia tardia grave causada pela incompatibilidade sanguínea. Fiquei com medo de dar o label e ele voltar a ter icterícia ou acontecer outra coisa já que é para dar so acma de 1 mes de idade.
    O que o Senhor acha? Posso dar o label agora nessa idade? E a reação de icterícia?
    Não aguento mais ver meu bebê se contorcendo e fazendo cara feia como se tivesse com azia.
    Obrigada
    Ana Carolina

    • Prezada Ana Carolina,
      Como o blog não substitui uma consulta médica, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a prescrição de um colega, não tendo examinado a criança. Em princípio, a Ranitidina deve ser usada com cautela no período neonatal. Isto é, seu uso não está proibido, mas deve ser indicada com muita cautela. Por outro lado, já se passaram 10 dias desde que me escreveu e seu bebê já tem um mês de idade!

  127. Olá doutor,meu filho de 3 meses,tomou aptamil,depois nestogene,leite de vaca(pois ele chorava q nada o sustentava)minguau,nem é só leite,agora estou com ninho fases,mas,ele chora parece não sustentá-lo…..minha preocupação é,q ele arrota muito apos a mamadeira,sujando suas roupas,as vezes ate tres vezes apos a mamadeira,nao é em muita quantidade,mas,faz….durante a noite isso não acontece,mas ele chupa o “bico”depois de arrotar(q o colocamos p arrotar) como se estivesse com fome ainda….parei o leite de vaca por ele arrotar assim azedo,mas,continua com o leite em pó..antes era de vez em quando,agora são todos os dias…..minha pergunta é:será q ele sofre e refluxo?Ele não chora com dor p tomar a mamdeira,apenas as vezes tem cólicas…ele se sente encomodado com o nariz,com os ouvidos,com os olhinhos a ponto de acordar muitas vezes durante o dia….penso ser rinite,já que eu tenho e meu filho mais velho tambem tem….Ele esta crescendo forte e rápido,nasceu com 4kg,esta ganhando peso…mas pque ele arrota tanto com dispersão do leite junto?

    • Prezada Cristiane,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. De um modo geral, crianças que ganham peso, não apresentam a doença do refluxo. Recomendo que converse com seu pediatra, ele é a melhor pessoa para lhe orientar.

  128. Dr. Cooper, primeiro quero agradecer pelas informações tão valiosas e esclarecedoras do seu siet. Eu estava neste momento muito aflita procurando alguma orientação, pois já me encontro um pouco sem forças para lidar com esse problema. Minha bebê é prematura de 32 semanas. Nasceu com baixo peso, 1.145,00 e ficou 45 dias na UTI. Mesmo tirando a sonda só com um mês, consegui amamentá-la até os 6 meses, mas quando introduzi outro alimentos ela acabou se desinteressando pelo peito. Ela sempre golfou muito, inclusive pelas narinas, mas ganhava peso super bem e conseguimos lidar com isso tranquilamente, porque era considerado normal. Mas mesmo depois da introdução dos sólidos ela continuou vomitando. Agora, que ela completou 1 ano, esses vômitos se intensificaram muito e, nos últimos 3 meses não ganhou o peso esperado. Era para estar com 9kg, mas está com 7kg. Já levamos em dois gastropediatras. O teste de tolerância à lactose, de 75mg/dL em jejum foi para 100mg/dL e depois 87mg/dL. O de sangue oculto nas fezes deu positivo e agora estamos aguardando fazer o raio x contrastado EED. Um dos gastros pediu o Rast de leite, que deu inferior a 0,10 KUA/L. No hemograma, os linfócitos deram 6.875 mm3 (o valor de referência é 1500 a 6000. Tem problema ter sido um pouco acima?). No fim de semana passado, ela teve uma crise muito forte de vômitos. Tudo que comia ou bebia vomitava. Teve que ir para a emergência tomar soro. Teve febre durante a semana, mas agora já passou. Só que ainda vomita muito. Hoje, por exemplo, ela mamou de manhã, 6h, comeu mamão com leite e almoçou uma sopinha de cenoura, vagem e carne. Passou bem até as 18h, quando começaram os vômitos, depois que comeu abacate batido com leite, já é mais um alimento da lista que vou cortar (devo cortar mesmo?). Já cortei banana, porque sempre vomita com a banana. O feijão também. Iogurte nem pensar…(há 5 dias troquei o leite para o similac sensitive, que ela tomava depois que desmamou, mas estava já no similac 2, com lactose, desde o 8o mês). Bem, doutor, eu não sei mais o que fazer. Em travesseiro anti-refluxo ela não fica mais, só se for pra brincar de virar cambalhota e ficar com a cabeça na parte mais baixa. Depois que come ou mama já tentamos todas as posições, em pé, segurando embaixo dos bracinhos, deitada em cima da gente em um angulo mais ou menos de 45o…sentada…em pé no andador… Meio deitada no carrinho, mas nada adianta. Uma hora a tosse chega e ela vomita. Às vezes 3 horas depois que comeu. Ela tem tossido muito…e o nariz anda escorrendo muito também. Lavo bastante com o salsep spray. Melhora, mas como ela sempre vomita pelas narinas, fica aquele ronquinho. Como só terei retorno do gastro daqui 25 dias, estou meio sem saber o que fazer. Queria só uma dica de alimentação, de conduta, uma luz no fim do túnel. Também queria saber se posso dar as vacinas de um aninho, que estavam programadas para este sábado, inclusive a da gripe, mas como ela tem vomitado muito, estou com um pouco de medo. É isso, doutor, se o senhor puder me dar alguma orientação, alguma pista do que pode ser isso e como devemos tratar, ficarei imensamente grata. Que Deus abençoe o seu trabalho para que o senhor continue nos ajudando com seus posts. Agradeço muito pela atenção.

    • Prezada Luciane,
      O sábado das vacinas já passou e você já deve ter tomado a sua decisão. Com relação às vacinas, não há nenhuma contraindicação de fazê-las. De resto, como o blog não substitui uma consulta, recomendo que siga a orientação do gastro e do seu pediatra.

  129. BOM DIA GOSTEI MUITO DO SEU BLOG DR. ROBERTO GOSTARIA QUE ME AJUDASSE MINHA FILHA TEM 1 ANO E 4 MESES E ELA SÓ PESA 9 QUILOS DESDE OS 10 MESES ELA NÃO AUMENTA DE PESO SÓ ALGUMAS GRAMAS QUE FICAM OSCILANDO ELA NÃO COME NA MAMADEIRA OS MEUS SEIOS JÁ ESTÃO QUASE SECOS ELA NÃO GOSTA DE COMER FRUTAS E NEM TOMAR SUCOS E NEM COMER COMIDA DE PANELA TENHO MUITA DIFICULDADE EM DÁ COMIDA PRA ELA SEMPRE QUE DOU É QUASE FORÇADO E MUITAS DAS VEZES ELA VOMITA A COMIDA SEM NEM TER COMIDO A METADE DO MINGAU E ELA TEM MUITA DIFICULDADE EM EVACUAR TAMBÉM TEM VEZES QUE ELA PASSA DE 3 DIAS SEM FAZER COCO FICO DESESPERADA POQUE TODA VEZ QUE COLOCO SUPOSITÓRIO NELA SE VOCÊ VER ELA CHORA E SE DESESPERA QUE VOMITA ME AJUDE POR FAVOR NESTES DOIS PROBLEMAS NÃO SEI SE UM TEM RELAÇÃO COM O OUTRO MAIS ME AJUDE POR FAVOR.

    • Prezada Edivania,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Sugiro que converse com o seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. O quadro que me descreveu merece atenção e eventualmente, uma investigação. Espero que compreenda esta limitação do blog.

  130. Olá Dr Roberto! Estou desesperada, meu filho tem 5 meses e tem refluxo, mas de um mês para cá, começou a perder peso, o fato é, ele não regurgita muito, as vezes duas vezes por dia somente, ele mama muito bem Aptamil AR e dou papinhas de frutas também. Ele nasceu com 3,620 kg e estava com 5,500 kg com 4 meses e agora está com 5 kg; ele está crescendo normalmente segundo o pediatra dia 30/04/2014 5,080 kg, 66 cm PC 42 e PT 35, além do mais ele é muito esperto. O que poderia ser?

    • Prezada Alana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Sugiro que converse com o seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. Perder peso na idade do seu bebê é algo que merece ser valorizado. Espero que compreenda esta limitação do blog.

  131. olá, Parabéns pelo blog.
    Dr. Minha filha tem 3 meses, ela mama, porem, as vezes complemeto com outro leite, ela golfa muito, chega escorrer em meus braços, ela tambem baba muito fica com a boca espumando, salivando não sei, e quase sempre que golfa ela soluça, percebo tambem que quando ela termina de mamar, fica um resto de leite na boca dela bem la dentro, da impressão que é como estivesse um tubinho que encheu e agora ta derramando o leite, fica bem na garganta, queria saber como devo diferenciar se ela golfa muito ou se é refluxo, até aonde isso é normal? e esse barulho na garganta tipo agua borbulhando?

    • Prezada Gleiciane,
      Como o blog não substitui uma consulta, recomendo que converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar. De um modo geral, posso lhe dizer duas coisas:
      – golfar é sinônimo de refluxo, sendo perfeitamente normal
      – doença do refluxo é quando esse refluxo (golfar) produz alterações no esôfago. Doença do refluxo é algo raro e um dos dados relevantes é o bebê não ganhar peso. Bebê que ganha peso,dificilmente tem doença do refluxo.
      Não deixe de falar com seu pediatra.

  132. Minha neta tem 1 ano e dois meses, quando acorda ela sempre vomita, depois come normal, mais não podemos oferecer comida que ela que vomitar, a pediatra disse que é refluxo fico muito preocupada, mais ela tem peso normal e altura também, que saber se é possível ela tem algum problema….

    • Prezada Aparecida,
      Uma criança que vomita todos os dias, ao acordar, merece ser investigada. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar a respeito da sua neta. Sugiro que conversem francamente com o pediatra ou ouçam uma segunda opinião.

  133. Boa noite!
    Doutor, minha filha teve refluxo desde bebezinha… apartir de 8 meses piorou… fez tratamento c omeprazol…motirium….depois de 1 aninho melhorou.
    Agora ela esta com 1ano e 8 meses, comecou ir a escolinha ….com 2 meses de escolinha ja tomou 2 antibioticos… 1 para garganta inflamada e 2antibiotico o medico disse que era crise de coqueluche, tossia muito a noite, suava bastante e muita secrecao nas narinas , melhorou por 1 semana… essa semana do dia 1 de maio voltou td de novo …nariz congestionado e muita tosse a noite….estou desesperada…. estou suspeitando que seja o refluxo novamente… sera que tem possibilidade?
    Desde ja agradeco a atencao!!!
    Abracos,
    Abi

    • Abi,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre sua filha. Converse com seu pediatra, ele é a melhor pessoa para lhe orientar. De um modo geral, crianças com mais de um ano e meio não costumam apresentar doença do refluxo. O mais comum, principalmente quando começam a frequentar escola ou creche, é que apresentem quadros de virose (resfriado), frequentes.

  134. minha subrinha nasceu prematura , antes do nascimento a mae ficou internada pq a bolsa estourou. assim que ela fez 7 meses e atingiu 1 kg fizeram o parto, o bebe ficou na uti por 60 dias. hoje ela esta bem graças a deus. mas acho estranho pq elas resmunga muito como se sentisse dor é normal?

    • Prezada Eunice,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua sobrinha. Mas, bebês pequenos podem fazer ruídos, chorar, resmungar, se contorcer, sem que seja dor ou algum problema. Recomendo que conversem com o pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhes orientar.

  135. Dr.,
    Meu filho não consegue mais mamar direito. Chora e se contorce muito. Tem noite que não consegue ficar deitado, fica fazendo uns barulhos e se mexendo até que acaba acordando. Além disso tá com tosse. Pode ser refluxo oculto? Esse tipo de refluxo faz perder peso, porque ele não tá perdendo. Obrigada!

    • Prezada Fernanda,
      Muitas mães comentam sobre “refluxo oculto”. Desconheço o que seja essa situação. Temo que seja um termo inventado por nós, médicos, sem nenhum fundamento. Existe o refluxo que é algo normal, presente em todas as crianças e até nos adultos. Outra coisa é a doença do refluxo. Esta ocorre quando o refluxo produz alguma alteração no esôfago. Quanto ao seu filho, como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o que ele possa ter. Sugiro que converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar.

  136. Oi Doutor bom dia meu nome é Raquel e tenho um filho de 1mes e 24dias,desde de quando ele completou 1mes ele vomita umas 3veses ao dia como mama mamadeira a pediatra me indicou o aptamil ar mesmo assim vomita um pouco mas se desenvolve bem nasceu com 2780 e já esta com 5500,minha pré ocupação e que ele ronca muito e tem hora que parece ter dificuldade pra respirar as pessoas até me perguntam se ele tem algum problema por causa disso já passei em 4 pediatras e eles dizem que ta tudo bem e o pulmões tá limpo que pra colocar sorine nas narinas nem quantos frascos já gastei,e que é normal Bebezinhos terem essa fungueira só que penso que por causa do refluxo que possa a ter ate hoje não tiraram ad minhas dúvidas o que o doutor acha?Obrigada desculpe pelo texto grande……

    • Prezada Raquel,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. No entanto, o que eu posso lhe dizer é que o ganho de peso de uma criança é um ótimo indicador da sua saúde. Isto é, bebês que apresentam algum tipo de doença, não costumam ganhar peso. Se ganham peso, isso deveria ser um fator tranquilizador para a mãe. Bebês com doença do refluxo (lembrando que refluxo é algo normal, todo bebê tem- doença do refluxo é quando esse refluxo produz uma lesão no esôfago), não ganham peso. Bebês com refluxo (normal), que ganham peso são chamados de golfadores felizes.
      Converse com seu pediatra. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar.

    • Prezada Franciele,
      Adultos também produzem refluxo fisológico (normal) e doença do refluxo. Como não sou clínico e o blog não substitui uma consulta, sugiro que converse com o seu médico a respeito, caso você suspeite ou tenha sintomas de doença do refluxo.

  137. Dr. meu bebe tem seis meses e meio e a um mes esta com uma tosse terrivel q nao passa, ja levei em varios medicos eles passam remedio mas n adiantam, ja fez tb raio x e tb n deu nd, ele ja deve ter perdido uns 2 kilos ou ate mais, esta muito margrinho oq faço? ele tosse dmz e vomita td q comeu q mamou … estou muito preocupada ainda mais pq a tosse deve eesta estranha parece q no final da tosse tem um assobi, levei em varios medicos um fala q e bronquite outro q e so um virus… me ajuda

    • Prezada Ana Paula,
      Como o blog não substitui uma consulta médica, seria irresponsabilidade minha opinar sober seu bebê de seis meses. Sugiro que escolha um pediatra da sua confiança (ouvir vários pode lhe confundir) e siga a sua orientação. Eventualmente, pode ouvir a opinião de um pneumopediatra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s