MOLUSCO CONTAGIOSO

 O molusco contagioso tem um nome horrível e que costuma assustar as pessoas. Molusco por si só não parece ser boa coisa. Contagioso então, um horror! No entanto, essa doença de pele é muito menos assustadora do que o nome parece revelar. Vejamos:

1- O molusco contagioso é uma doença de pele produzida por um virus.

2- É uma doença benigna, frequentemente assintomática, sem nenhuma consequência para a saúde da criança ou do adolescente.

3-Se manifesta por 2 a 20 (ou mais) pequenas pápulas, habitualmente com uma depressão no centro chamada de umbelicação (lembra um umbigo!)

4- Pode se localizar em qualquer parte do corpo, mas, o mais frequente é que localize no tronco, face e extremidades.

5- O período de incubação (desde o contato até o aparecimento das pápulas) varia de 2 a 7 semanas, podendo levar até 6 meses!

6- O diagnóstico é clínico, não precisando de outros exames.

7- Apesar do nome, contagioso, o molusco é apenas moderadamente contagioso. O mais comum é que o molusco aumente em quem já o tem, ao invés de contaminar outra pessoa. O período de contágio do molusco é desconhecido.

8- Não existe consenso sobre o tratamento adequado tendo em vista que é uma doença auto-limitada, que cura sozinha. No entanto, pode levar até 8 meses para curar e em casos onde há desconforto grande, seja estético, seja por prurido (coçeira), o tratamento pode estar indicado. Deverá ser uma decisão tomada pela família, junto com o médico.

9- Quando a decisão for a de tratar, o que se busca é “destruir” fisicamente o virus. Isso pode ser obtido por curetagem, crioterapia com nitrogênio líquido e alguns agentes químicos que produzem irritação local. Todo e qualquer tratamento deve, obrigatoriamente, ser conduzido por médico.

10- Crianças com molusco NÃO PRECISAM SER ISOLADAS e podem frequentar escola e piscina, normalmente. Existe muita desinformação e preconceito com relação a não isolar a criança, mas esta é a recomendação da Academia Americana de Pediatria.

Se você tiver algum comentário ou dúvida sobre Molusco Contagioso,envie-o.  Ficarei feliz em tentar respondê-lo.

322 pensamentos sobre “MOLUSCO CONTAGIOSO

  1. bom dis, minha filha esta com moluscos bem ao redor dos olhos, e tem dois que estão bem grandinhos, gostaria de saber qual metodo seria mais adequado que um medico aria para eliminar, e se esses metodos são doloridos, pois é uma áea muito sensível!

    • Marcia,
      O método mais usual é o de remover, mecânicamente, os moluscos. O dermatologista usará um instrumento (cureta) para retirar o conteúdo das lesões. Esse procedimento é, no mínimo, desconfortável. Exisem outros métodos como crioterapia (nitrogênio líquido)e uso de produtos tópicos que o dermatologista terá que avaliar, em função da proximidade com os olhos.
      Lembro que moluscos desaparecem espontâneamente, mas levam muito tempo para isso (8 a 12 meses) e a criança pode se auto inocular (coça uma lesão e leva o virus para outro lugar da pele). O melhor seria ouvir a opinião de um dermatologista com experiência com crianças.

      • Boa tarde!

        Meu filho tem 3 anos e está com moluscos contagioso na região do pescoço e começando a ir para os braços. Dois deles já estão grandes e os outros são bem pequenos, porém muitos. A quantidade ultrapassa de 30.
        Qual seria o melhor tratamento visto que, de algumas semanas para cá estão aparecendo muitos e crescendo rapidamente?
        Já me disseram que é um pouco doloroso para retirar e por se tratar de uma criança de 3 anos não sei se será tão fácil retirá-los. Já marquei um dermatologista, mas gostaria de ouvir uma opinião para tentar decidir com mais facilidade.

        Grata

      • Cristiane,
        Só existem dois caminhos: remover as lesões ou aguardar (muitos meses). Se a decisão for remover, pouco importa o método (cureta, nitrogênio líquido etc.). Todos são eficientes e, infelizmente, dolorosos. Se a decisão for de retirar todas as lesões, eventualmente seria interessante fazer o procedimento sob sedação, em ambiente hospitalar. Uma criança de 3 anos não ficará quieta e a sua contenção não será algo fácil. Mais importante do que como as lesões serão retiradas, se esta for a decisão tomada, discuta com o dermatologista fazer o procedimento com sedação. A sedação é algo seguro, quando feito por profissional habilitado e em ambiente hospitalar. Para a criança é melhor porque não sentirá nada durante o procedimento. Para o médico também é o melhor, permitindo que trabalhe com calma e com um paciente que não se mexe. Espero ter lhe ajudado.

      • minha filha tem 3 anos e a mais ou menos 5 meses esta com molusco contagioso,ja usei uma pomada chamada Emla e tentei tirar com agulha so q nao deu certo,e a cada dia ta aumentando mais ainda.Gostaria de saber o que faço!

    • BOA TARDE,minha filha tem 3 anos esta com molusco na parte da vagina dr.pois gostaria de saber se tem a possibilidade dela fugir de um suposta cirurgia.a pediatra me falou que ela teria que passar por uma cirurgia para queimar tem outros meios dr ?

      • Prezada Sandra,
        Não é bem uma cirurgia e sim uma remoção mecânica (com uma cureta) do Molusco. Como sua filha tem 3 anos e o Molusco está localizado na vagina, o médico sugeriu, corretamente, que fosse feito em centro cirúrgico, com uma sedação (anestesia leve). Me parece que é o melhor meio para acabar com o problema, sem nenhum sofrimento para ela.

      • Sandra, eu não sei se vc já fez o tratamento, mas, leve-a num homeopata, li na internet muitas pessoas que trataram com Thuya, que desapareceram as bolinhas, já marquei a homeopata, vou levar meu filho tbm. Uso a homeopatia com ele, e funciona muito em crianças, minha mãe usou Thuya para uma verruga que não curava com nada, em uma semana o negócio tinha desaparecido… Tomara que esteja tudo bem com sua filha, sei o quanto é doloroso pra gente ver algumas coisas.

      • Ola Sandra tudo bem!!estou na mesma situação q vc …. Existe uma pomada p nossas perguntas e soluçõs!!! Conzerol!!! se informe mh amiga .. pois essa pomada é mt difícil mas é a solução sem q nossos filhos sofram … bjs e boa sorte

      • Prezada Letícia,
        Não existem estudos que comprovem a eficácia do Conzerol. A fórmula do produto não é clara, dizendo que possui antipoxin (um nome fantasia que nada significa), produzido à base de compostos fitoquímicos, encontrados na natureza (o que também não quer dizer nada específico). Portanto, não há, na literatura médica de boa qualidade, a recomendação para o uso do Conzerol.

    • Olá Márcia!!! minha filha tem 3 anos e estar na mesma situação!!! estou a busca da pomada q resolverá isso!! CONZEROL!! ela é uns 200,00.. o sity é molluscumclinic.com/pt-br/comprar-agora.html
      boa sorte amiga

      • Leticia,
        Entendo e aplaudo seu desejo de ajudar às mães cujos filhos estejam com Molusco. O tratamento existente (esperar ou remover) é frustrante. Um, demora muito tempo. O outro, é desconfortável ou precisa ser feito em centro cirúrgico, sob sedação, para não doer. Assim, a promessa de uma pomada que resolve, é sempre muito bem-vinda. No entanto, como respondi no seu outro comentário, o Conzerol não tem nenhuma comprovação científica da sua eficácia e nem revela o princípio ativo, usando um nome fantasia (antipoxin) e uma descrição vaga e imprecias- à base de compostos fitoquímicos antivirais, encontrados na natureza. Certamente se fosse algo que funcionasse, os resultados teriam sido publicados em revistas médicas confiáveis. Como o blog tem o objetivo de transmitir informações baseadas em evidências, me vejo na obrigação de fazer esse comentário, a respeito do Conzerol. Obrigado por sua participação no blog.

    • minha filha de 3 anos esta com moluscos tem varios na sua barriga e costas,usei uma pomada chamada emla e eu mesma tentei retira-lo os moluscos ontem mais n consegui,saia sangue e eu fiquei com medo de apertar,ficou vermelho no dia seguinte! Gostaria de saber se faço o mesmo processo dinovo hoje?

      • Prezada Janielle,
        Não repita a tentativa. Não tente remover os Moluscos você mesma porque corre o risco de produzir uma infecção de pele ou de machucar a sua filha. Leve-a em um dermatologista para que este lhe oriente e, se for o caso, faça a remoção dos Moluscos.

    • Dr.meu filho tem 5 anos e tem molusco contagioso!
      ja consultei ele varias vezes e o medico disse para espremer em casa mesmo e depois passar uma pomada que foi receitada, mais estou na duvida. ok eu faço ?

      • Prezada Beatriz,
        Sugiro que procure um dermatologista para lhe orientar e, se for o caso, remover o Molusco. A recomendação é de que os pais não espremam em casa porque aumenta o risco de infecção.

    • ola doutor ,nao aguento mais ve aquelas bolinhas na minha filha ja tem quase m ano e nao some a medica de tratamento falo q podia ser da imunidade ai dei leucogem mas nao some agora to usando pomada iso interfere na alimentaçao pq ela nao tem apetite …..

      • Prezada Eliane,
        Sugiro que consulte um dermatologista para que este proceda à remoção do Molusco. Molusco não interfere com o apetite da criança. Converse com seu pediatra a respeito dessa questão.

      • Olha sofri bastante com meu filho pois ele chorava, foi recomendado um ácido e o mesmo doia e coçava muito, como li bastante sobre esta maldição, vi muitas mães falando sobre annita, resolvi tentar e em menos de uma semana todos murcharam, não sei pq os dermatologistas não pesquisam isto, pois é incrivel. Como fiquei com medo de dar um remédio sem receita, comprei o infantil para bebê. Tentem e depois vejam o milagre.

    • Fabiana,
      O ideal mesmo seria você consultar um dermatologista para ter certeza de que é, de fato, a mesma coisa. Se for, basta você retirar cada bolinha com uma agulha (de seringa, esterilizada) ou deixar que o dermato faça isso. Não tem muita coisa diferente disso para fazer. Mas, antes, precisa ter certeza de que é molusco, como seu filho.

  2. minha filha pegou esse virus em dezembro desse ano foi na dermatologista e ela falou naõ tr cura tirou a leizer as bolinhas que sairam mais ela esta com espinhas grandes sera por causa ainda do molusco ela tem 31 anos tenho medo que ela possa pegar novamente por favor responda

    • Aparecida,
      Somente o dermatologista poderá dizer se o que a sua filha tem é acne ou molusco. O molusco, sendo uma virose, pode reaparecer. Se for esse o caso, o dermatologista poderá remover as lesões com um dos vários métodos disponíveis. Não há motivo para maiores preocupações porque é uma infecção superficial, limitada à pele, sem consequência alguma sobre a saúde da sua filha. A cura do molusco se dá pela sua remoção. Mas, como disse antes, por não produzir imunidade, pode retornar. Agora, se o que a sua filha tem é acne, o dermatologista poderá prescrever o tratamento adequado.

  3. Doutor minha filha tem 3 anos e está com muitos moluscos.Já tentamos varios medicamentos.ela frequenta uma escola.O meu medo é de contaminar as crianças e a escola e os pais já sabendo da doença, me obrigarem a tirá-la.Por que se fosse eu, não queria que a minha filha se contaminasse, pois vejo que é uma doença de difícil tratamento e cura, além deles exigerem que eu pague o tratamento de seus filhos.Me ajude pelo amor de Deus, não quero isolar minha filha.Alguns sites dizem que não tem cura e outros afirmam que sim.O que eu faço ?Me responda por favor.Abraços.Cássia.

    • Cassia,
      Não há nenhuma recomendação de que uma criança com molusco deva deixar de frequentar a creche, escola ou piscina. A Academia Americana de Pediatria e o Center for Diseases Control, órgão de referência mundial em doenças infecciosas, não sugerem que uma criança com molusco seja retirada da escola. Recomendam apenas que as lesões que não estiverem cobertas pela roupa, sejam cobertas por curativos e que a toalha seja de uso exclusivo da criança. Como é uma doença auto limitada e sem maiores consequências as publicações científicas colocam o tratamento com opcional ou recomendado apenas em algumas situações.
      O tratamento disponível hoje é a destruição física do molusco (curetagem, crioterapia e outros) e a aplicação de produtos químicos. Em ambos os casos o tratamento deve ser conduzido por um dermatologista com experiência em tratar crianças com molusco.
      Sugiro que converse com a escola para que esta possa se informar em fontes cientificamente válidas sobre a não necessidade de isolamento. Não há, do ponto de vista médico ou da saúde, como obrigar a sua filha a deixar a escola. Por outro lado, se deseja tratar a sua filha, recomendo que procure um dermatologista com experiência no atendimento a crianças. Ele saberá avaliar qual a melhor conduta e poderá lhe orientar a respeito. Não tente fazer tratamentos caseiros, sem a orientação de um dermatologista.

  4. Minha filha de 5 anos tem isso nos braços, costas, na parte do peito acredito que tinha umas 40.. Tentei me informar sobre o assunto. Todos aqui em casa ficamos muito assustados, mas nao deixei de levar ela a escola nem a piscina.. levamos ao um dermatologista ele foi retirando uma a uma com agulhas e o resultado esta sendo otimo, todos os dias fico preocupada olhando todas as partes do seu corpo e graças a Deus a pele dela ja esta lisinha novamente.

      • boa noite!dr.roberto..sera que o senhor ja ouviu falar nessa pomada conzerol!por que estou desesperada o meu filho tem 8 anos esta com moluscos!so estava pesquizando na internet e vi varias coisas mais tenho medo de dar reaçao!tambem encontrei uma outra coisa tintura de tuia estou com um serto receio…obrigada

      • Prezada Valdineide,
        A pomada a que se refere sequer indica o que tem dentro. Tanto a pomada, como a tintura de Tuia não possuem evidências científicas de que funcionem. Sugiro que procure um dermatologista para lhe orientar e, muito provavelmente, propor a remoção dos Moluscos.

      • Bom dia a todos minha filha tem 5 anos e esta com moluscolo tem duas bolinhas no rosto algumas no pescoço estamos preocupados alguem poderia me indicar um bom dermatologista na região o abc

  5. Bom dia Doutor!
    Após a remoção com a curetagem o que é normal ter muitaaaaaa coceira
    Meu marido retirou e está com uma coceira insuportavel… Pode indicar algo para aliviar
    Muito Obrigada!

    Laís

    • Prezada Lais,
      O blog é um bom veículo para divulgar informação, mas, não substitui uma consulta médica. Seria uma irresponsabilidade dupla de minha parte prescrever qualquer medicamento. Primeiro porque não examinei o paciente. Segundo, porque sou pediatra e não domino remédios e doses para adultos. Recomendo que seu marido consulte o dermatologista que removeu o molusco. Ela saberá prescrever o que achar mais adequado para o caso dele.

  6. Olá Dr. Roberto. Bom dia.
    Meu filho foi infectado por este vírus ha pelo menos dois anos, e nos dois últimos meses, percebemos que as “bolinhas” foram diminuindo e sumiram. É normal ? Não fizemos nenhum tratamento. Ele terá imunidade, caso volte a ter contato com o vírus ?

    Muito obrigado.

    • Prezado Renato,
      O que você descreveu é normal sim. O Molusco é uma doença benigna provocada por um virus que, se nada for feito, desaparece espontaneamente, depois de muito tempo (meses ou anos). Não é certo que seu filho tenha imunidade porque existem “tipos” diferentes do mesmo virus (genotipos). Por outro lado, é um virus de baixa infectividade, fazendo supor (e torcer) que seu filho não terá Molusco novamente.

  7. Olá Dr. Roberto.
    Sou uma adolescente, estou com moluscos na face, já faz um pouco mais de dois meses, procurei uma dermatologista, ela passou uma pomada (Advantan), estou usando todas as noites, mas não vejo resultado algum. Também estou tomando a cada dez dias (já ingeri duas vezes) um comprimido (Ascaridril), foi um remédio que uma dermatologista passou para a filha de uma amiga minha, quando esta também estava com molusco.
    Gostaria de saber alguma remédio de simples acesso, que eu poderia estar tomando ou aplicando sobre a doença, para que a mesma desapareça da minha face. E quem tem uma vez, poderá ter novamente? Como essa doença é transmitida, é quando a pessoa está com imunidade baixa, que pega com mais frequencia?

    • Prezada Ismeny,
      Incialmente, preciso lhe informar que o blog não substitui uma consulta médica. Pelo que me descreveu, você já se consultou com uma dermatologista, o que eu considero correto. Vou tentar lhe responder ao que me perguntou:
      – Advantan- é um corticóide tópico que tem uma ação anti inflamatória. Sua dermatologista pode ter indicado este produto porque havia inflamação em torno das lesões de molusco. O remédio não é um dos que são usados especificamente para remover o molusco.
      – Ascaridil- é um remédio usado para tratar de áscaris, um verme intestinal. Alguns pesquisadores acreditam que estimule o sistema imunológico. Isso não é algo aceito por todos.
      – Quem tem molusco uma vez, pode ter outras vezes sim. É uma doença produzido por um virus que não produz imunidade (proteção), como outras viroses (Catapora, Sarampo, por exemplo). Esta doença é transimitida de uma pessoa para a outra, por contato direto. Se fala muito sobre imunidade baixa como causa de muitas doenças, mas, raramente, uma pessoa saudável tem um problema imunológico.
      Finalmente, a pergunta que talvez mais te interesse- o que deve fazer? Pode não fazer nada porque o molusco desaparece sozinho. Demora muito tempo (8 a 12 meses), mas desaparece. Por outro lado, se está te incomodando porque é no rosto, sugiro que procure uma segunda opinião de outro dermatologista. Existem meios físicos e químicos para remover o molusco, que é o único meio de se tratar essa doença.
      Espero que minha resposta lhe ajude. E, um pequeno lembrete: nunca use remédios prescritos para amigas! Mesmo que você ache que seja a mesam doença, nem sempre o tratamento será igual. Sucesso!

  8. Bom dia,minha filha tem 7 anos e esta com molusco no braço e tronco,a pediatra passou Verrux,esta correto?Ela tem uma que esta enorme como uma verruga mesmo.Ela pode transmitir a alguem?Ela passa fins de semana com o pai,ela pode dormir na mesma cama que ele?Em adultos o contagio é sexual…entao,um adulto que tenha,pode passar para criança?

    • Prezada Rafaela,
      Vou tentar responder por partes:
      Verrux- é uma das opções químicas para se remover o molusco. A remoção física resolve na hora, mas é dolorosa.
      Transmissão- como é um virus, a transmissão se faz por contato. Mas, não há necessidade de isolamento. Basta cobrir as lesões com um band-aid.
      Dormir na mesma cama que o pai- pelo molusco, se cobrir com um band-aid, poderia dormir. Mas, com 7 anos, seria recomendável que dormisse na sua própria cama.
      Adultos- molusco não é uma doença sexualmente transmissível. Como a transmissão se faz pelo contato, pode ocorrer durante um ato sexual.
      Espero ter respondido. Se tiver dúvidas, envie-as.

  9. Olá….Boa noite.Meu sobrinho foi diagnosticado com esse vírus.Ele tem 2 anos e essas”verruguinhas”já surgiram há uns 4 meses,a dificuldade de tratamento no local aonde moramos deu tempo suficiente para que grande parte do corpo dele fosse coberta por tais, a criança tem alguns problemas alergicos,como intolerancia a conservantes.Neste caso,o tratamento seria mais dificil e longo que para as outras crianças?A dermatologista nos informou que o tratamento duraria 6 meses,sendo que este será feito com medicação tópica.A curetagem ou criocirurgia nao seria um tratamento mais rápido e eficaz?

    Obrigada….

    • Prezada Rayanna,
      Não conheço relação entre intolerância a conservantes e tempo mais longo de tratamento de Molusco. A doença é auto limitada e a criança fica boa sem tratamento, mas demora muito. Pode levar até um ano ou mais para ficar boa, sem tratamento. A curetagem ou criocirurgia, métodos que removem o vírus, são mais rápidos sim. Quando a criança tem muitas lesões pelo corpo e como os métodos de remoção são desconfortáveis, ou não são recomendados ou são feitos com alguma forma de sedação, em centro cirúrgico.

  10. Boa Tarde, meu nome é Dinalva tenho um filho de 5 anos que desde os 4 tem molusco contagioso, já retirou 3 vezes por curetagem mais ou menos uns 40 moluscos todos na região da axila, agora voltaram uns 11 e ele chora muito não quer ir na dermatologista porque na última vez ela tirou uns 15 dessa região sem anestesico e ele chorou muito, não incomoda ele, será que se eu deixar desaparece ou aumenta? ou existe algum meio de retirar usando alguma pomada anestésica?

    • Prezada Dinalva,
      A curetagem é realmente desconfortável (forma com que os médicos se referem a tudo que dói!). As pomadas anestésicas não são eficazes e, por esse motivo, não são usadas. Você tem as seguintes alternativas:
      1- deixar sem tratar e aguardar até um ano para que o molusco desapareça. O risco é o seu filho coçar e acabar se auto-inoculando, aumentando as lesões. Você pode esperar um pouco para ver se aumentam. Se não aumentarem, espere mais.
      2- Curetagem ou remoção com nitrogênio líquido (frio). Só podem ser feitas por dermatologista e ambas doem.
      3- Tratamentos tópicos. Existem umas duas ou três opções de tratamentos tópicos que podem dar bons reusltados. Em geral, só devem ser aplicados pelo dermatologista e requerem várias visitas ao consultório.
      Quanto ao Conzerol, não o conheço. Tentei pesquisar a respeito, mas o próprio fabricante não informa o que o produto contém. Diz coisas muito vagas como fitoquímicos e antipoxina (que não significam nada). Um produto assim, sem dizer o que é, não me inspira confiança. Sugiro que converse com o seu dermatologista e discuta quais seriam as alternativas de tratamento possíveis.

  11. Meus Parabéns, com Louvor Dr Roberto.
    Consegui tirar muitas dúvidas ref ao Molusco… pois meu afilhado de 4 anos foi diagnosticado hoje com o vírus, e minha madrinha (mãe dele) havia ficado muito desesperada (como o Dr ja citou anteriormente “o nome ja assusta”). Encaminhei todas essas informações a ela. Espero q ela fique mais tranquila,pois além do Lu ter sido diagnosticado,ela acha q o outro filho de 12 anos tb pegou o vírus… Por fim, gostaria – por gentileza – de fazer uma pergunta: – Se nós termos contato com o bb, é possível pegar o vírus? pois ja estou tratando de uma alergia (minha imunidade esta baixa, estou com anemia e falta de vitaminas)… E ref aos pais, eles tem q dar banho, manter um carinho com ele -da mesma forma q eu como madrinha ja tenho tb… Como fica essa parte,os pais pegam tb???
    Muito Obrigada!!!
    Abraço
    Juracy.

    • Prezada Juracy,
      O molusco, por ser uma virose, é transmitido de uma pessoa para a outra, por contato. Não é dos virus mais “contagiantes”, mas a recomendação é que se cubra (com um band-aid ou esparadrapo) as lesões. Isso reduz a transmissão. Pessoas com molusco não precisam ser afastadas ou isoladas. Além de cobrir a lesões (quando possível), o hábito de lavar as mãos regularmente também contribui para diminuir a transmissão. Basta usar água e sabão, sem necessidade de produtos especiais ou álcool.

  12. Olá Dr. Roberto Cooper e seguidores, meu filho foi diagnosticado com este virus, quando tinha ainda 4 anos, aproximadamente 10 meses depois o vírus desapareceu, a microcirurgia já havia sido marcada e não foi mais necessário. Exatamente como disse o Dr. R. Cooper em uma das suas explicações. Obrigado

  13. Boa tarde! Pude ler em uma das respostas, que pode ser rompido com uma agulha. Esse procedimento pode ser feito em casa e fazer o uso posterior de um acido em forma de pomada indicado pelo dermatologista? É normal sangrar bastante onde rompe as bolinhas?
    Desde já agradeço.

    • Renata,
      Não recomendo que seja feito em casa. Pelo menos não sem antes consultar um dermatologista e receber a orientação necessária. Sangrar bastante não é o esperado. Pode acontecer algum sangramento, mas de pequena monta.

  14. Boa tarde Dr.
    Tenho molusco no pescoço,desde pequena.Hoje tenho 26.Fiz uma microcirurgia pra retirar qndo pequena.Depois de um tempo cresceu um pouquinho,ai fiz cauterização 2 vezes já.Só que sempre volta,é imperceptivel,mas me incomoda mto.Qndo eu era pequena era visivel,hoje é mto menos,parece uma pequena cicatriz(antes erão várias bolinhas de cor marron em fileira,hje são umas bolinha rosadas,poucas,bem pequenas).Me recomenda outra opção que seja mais eficaz que cauterizar?Existe alguma pomada para tratamento?
    Obrigada.

    • Prezada Isabel,
      Sugiro que procure um dermatologista com experiência em doenças da pele para confirmar que o que você tem, é molusco. Existem tentativas com alguns tipos de medicamentos, mas o dermatologista é a pessoa recomendada para fazer a melhor indicação e lhe orientar quanto à aplicação e uso.

  15. Dr, boa tarde! Desenvolvi 5 moluscos, 2 pequenos e 3 medios, na região genital, abaixo do abdômen, mas bem acima do penis! Ali onde começam a nascer os pelos pubianos, eles estão espalhados. Apliquei Pointts ontem, o local deu uma “inchada” e ficou vermelho. Acredita que pode ser o suficiente? E quanto ao Verrugs? Tenho 23 anos, gozo de boa saude.

    • Prezado Bruno,
      Sou pediatra e não tenho experiência em lidar com molusco em adultos. Mais importante do que esse fato é o de que o blog não substitui uma consulta médica. Sugiro que procure um dermatologista para olhar a reação provocada pelo medicamento e lhe orientar adequadamente. Espero que compreenda esta limitação do blog.

  16. Doutor meu neto foi diagnosticado com esse Molusco Contagioso,posso passar a pomada Nebacetin? Resolve alguma coisa? Não gostaria q ele sofresse com a curetagem.Obrigada

    • Prezada Adriana,
      O Nebacetin não está indicado nos casos de Molusco e, se usado, não terá nenhum efeito. Dependendo de quantas lesões e onde estão localizadas, uma das opções é aguardar (muito tempo- até 8 meses ou mais) porque o Molusco tende a desaparecer. Se o número de lesões for grande ou estiverem em áreas muito visíveis, causando algum tipo de mal estar, o melhor é procurar um dermatologista para ver quais são as opções terapêuticas possíveis.

  17. Dr minha filha tinha uns 30 moluscos num cantinho nas costas, levei pra fazer curetagem e fez sem anestesia, ela chorou pra caramba e após um mês ela apresentou umas 30 novamente bem espalhadas pelas costas. levei denovo e o medico fez a curetagem sem anestesia, ela chorou pra burro, não entendi, achei que ia diminuir e a coisa se espalhou???? por favor vc indica outro tratamento???

    • Prezada Liane,
      A curetagem é dolorosa e não há como fazer uma anestesia local. Existem algumas aplicações tópicas que podem dar resultados. Exigem muito cuidado ao serem aplicadas para não queimar a pele saudável e o resultado, não garantido, é lento. Dependendo da localização, o melhor seria esperar que o Molusco se resolvesse por si só. Nem sempre a criança e os pais estão dispostos a esperar até um ano! Minha sugestão é que discuta com o dermatologista quais seriam as alternativas. Eventualmente, poderia ouvir uma segunda opinião de dermatologista.Molusco é algo com nehuma gravidade, mas muito chato.

  18. Boa Noite!
    Dr Roberto, meu filho de 4 aninhos brincou com uma criança que tem a doença. Eu não sabia e não pude ver onde ficavam as lesões. Não ficou muito claro para mim se o contágio ser dá somente encostando diretamente na lesão ou se encostar na pele sã também pode transmitir o vírus. Estou preocupada, com medo que ele desenvolva a doença, pois pelo que fiquei sabendo dói bastante a remoção a cura é demorada. Imagino que deve ser difícil para a pessoa contaminada e para os familiares também. Espero que todos que tenham essa doença curem muito brevemente. Grata.

    • Prezada Ana,
      O Molusco é uma doença de baixa contagiosidade. Tanto que a recomendação é de que crianças com Molusco continuem a frequentar a escola, sem necessidade de isolamento. Basta que cubram as lesões, com a própria roupa ou um band-aid.
      Pelo seu relato, não viu as lesões. Isso sugere que eram poucas e estariam cobertas pela roupa, o que já seria o suficiente para evitar a transmissão. De toda forma, é importante saber que há um caso de Molusco na escola do seu filho. O contato com a pele sã não transmite o virus.

  19. Boa Tarde
    Dr Roberto, minha filha tem 12 anos e mais ou menos 60 dias atrás começou a aparecer atrás das coxas uns 8 pelotes que ela coçava muito, fui a uma dermatologista ele me disse que era alergia, e me passou uma pomada e ao invés de melhorar só aumentou a quantidade, hoje já são mais de quarenta em suas pernas. Preocupa fui ao pronto socorro o médico de plantão que não é dermatologista me disse que é molusco contagioso, fiquei muito assustada, visto que alem dessas 40 lesões, ela possui nos braços, mãos e pernas centenas de grosseirões e o médico do pronto socorro disse que estes outros não são molusco. Comecei a procurar na internet, não queria métodos agressivos em vários depoimentos muitos colocam esparadrapo para que o vírus
    morra no tempo de aproximadamente 15 dias, pois precisa de ar, outro foi comprar uma vitamina chamada Anitta que aumenta a resistência da criança. Em sua opinião estes dois métodos são validos?

    • Prezada Angela,
      Não há fundamento nesses dois métodos que você descreveu. O virus não precisa de ar e o Anitta é um excelente remédio para vermes, mas não aumenta a resistência da criança. Se, de fato, for Molusco, só a remoção física ou o tempo (muito tempo), para resolver. Cobrir as lesões aparentes é recomendável para evitar a transmissão.

  20. tenho 14 anos alguns meses atras saiu umas bolinhas no meu bumbum e agora saiu no meu penis tenho vergonha de dizer a minha mãe me ajuda por favor

    • Murilo,
      Entendo que você esteja envergonhado. Muitas pessoas sentem constrangimento de falar com seus pais sobre o que está acontecendo com seus corpos, principalmente quando envolve partes mais íntimas. O que está acontecendo com você é uma ótima oportunidade para você perceber que, quando se trata de alguma alteração ou aparecimento de algo diferente, todas as partes do corpo humano passam a ser iguais ou parecidas e não há motivo para se ter vergonha. Sei que isso é difícil, mas incentivo você a respirar fundo, tomar coragem e falar com a sua mãe. O que você precisa é de uma consulta médica para lhe dizer o que você tem e como trata. Por isso, deve falar com a sua mãe, para que ela providencia esta consulta. E você vai descobrir que ela vai encarar tudo isso como muito natural e só vai ficar preocupada com a sua saúde, independente de onde as bolinhas estejam. Fale com ela e vá ao médico. Sucesso!

  21. boa tarde
    minha filha tem 5 anos e esta com uma quantidade grande de moluscos no braço e agora esta aparecendo no rosto, levei ela em uma médica e ela me receitou óleo de malaleuca com tirtuo de própolis, resolve? o que faz com que ele se espalhe, é aquela massinha branca? ou o sangue que faz com que apareçam e se retirada em casa e passar algum medicamento tipo agua borricada poderia resolver ou é perigoso?
    fico grata se responder.

    • Prezada Josyane,
      Não conheço a medicação citada por você, por esse motivo, não posso lhe dizer se resolve ou não. O Molusco é uma infecção viral e se espalha não só pela massinha. O contato com a lesão é o suficiente para, potencialmente, espalhar para outros lugares do corpo. Não recomendo a retirada em casa porque o risco de ferir a criança e/ou de infecção é grande.

  22. Boa tarde!

    Tenho 19 anos e estou com molusculo contagioso na região abaixo do pescoço, e nas extremidades do rosto. Estou fazendo tratamento com a pomada Tompison e fiz uma limpeza de pele isso resolve? Estou muito preocupada dele se espalhar pelo meu rosto todo, quanto mais eu penso que vai sumir mais dessas lesões aparece.

    • Prezada Jade,
      O melhor seria você consultar um dermatologista e ele remover os moluscos. Limpeza de pele não resolve, podendo ajudar a espalhar ainda mais. Procure um dermatologista e resolva o problema da forma segura e correta. Essa é a minha recomendação.

  23. Doutor procurei um dermatogista hoje e ela me disse que não era molusculo que era espinha, já o que medico anterior que eu fui disse que era molusculo, agora estou na duvida. Eu gostaria de mandar uma foto para o senhor analisar, pode?

    • Jade,
      O blog não substitui uma consulta. Fotos, por melhor que sejam, não dão a exata noção da lesão. Olhar, ao vivo, é muito diferente de olhar em uma foto. Espero que compreenda esta limitação da internet. Na dúvida, recomendo que ouça uma terceira opinião, buscando um dermatologista com referências e que seja mais voltado para a clínica dermatológica e não para a estética. Nada contra a estética. Mas, quem se dedica aos cuidados da beleza da pele tem uma visão mais distante das doenças. E vice- versa. Não recomendaria um dermatologista clínico para alguém que está buscando um resultado estético.

  24. Doutor, no meu filho de 13 anos há dois meses começou aparecer moluscos na coxa e axilas. O dermatologista falou que na coxa já estava regredindo sem medicação. Nas axilas que era o problema. Prescreveu a formula com licor de Hoffman mais acido salicilico e iodo. Começou a usar essa formula ,porém continuou aumentando o número de molusco e irritou a região. Um outro medico mandou suspender a formula e espremer os moluscos e colocar sobre as lesões iodo metalóide, esperar secar e usar icadem pomada por 30 dias.
    A pergunta que te faço é: a crioterapia não seria mais prática????? E aqui no Rio de Janeiro o senhor recomendaria alguém ???

    • Prezado Andre,
      Até onde sei, o que realmente funciona é a remoção do Molusco com uma cureta ou com crioterapia. Algumas fórmulas são utilizadas, mas não há comprovação da sua eficácia. Não se deve espremer manualmente as lesões. O Icaden é um medicamento utilizado para micoses e o Molusco não é uma micose. Sugiro que peça uma indicação de dermatologista a seu pediatra. Ele certamente conhece um bom profissional para lhe indicar. O blog deve ser um espaço para divulgação de informações e uma indicação médica já tem outra característica que me parece conflitar com o objetivo deste espaço. Por este motivo, prefiro não fazer indicações. Espero que compreenda.

    • Prezada Priscila,
      Quanto ao Conzerol, não o conheço. Tentei pesquisar a respeito, mas o próprio fabricante não informa o que o produto contém. Diz coisas muito vagas como fitoquímicos e antipoxina (que não significam nada). Um produto assim, sem dizer o que é, não me inspira confiança. Sugiro que converse com o seu dermatologista e discuta quais seriam as alternativas de tratamento possíveis.

    • Prezada Keila,
      Ou você não faz nada e espera muitos meses, até que o Molusco desapareça sozinho, ou deve levar sua filha em um dermatologista, para que este remova os Moluscos. Não existem medicamentos que possam ser aplicados, em casa, pelos pais, que resolvam o Molusco.

    • Prezado Fabio,
      Não é a primeira vez que me perguntam sobre o Conzerol. No site do produto, parece algo maravilhoso, no entanto, veja o que eu tenho respondido:
      Quanto ao Conzerol, não o conheço. Tentei pesquisar a respeito, mas o próprio fabricante não informa o que o produto contém. Diz coisas muito vagas como fitoquímicos e antipoxina (que não significam nada). Um produto assim, sem dizer o que é, não me inspira confiança. Sugiro que converse com o seu dermatologista e discuta quais seriam as alternativas de tratamento possíveis.

  25. Boa noite,minha foi diagnosticada com molusco,já passei em dermatologista mas nada. Ainda resolveu,pelo contrario aumentou o numero de bolhas. Usei emla e tintura de thuya.

    • Prezada Tania,
      A eliminação do Molusco só acontece quando um dermatologista remove cada lesão ou, com o tempo (um ano) o próprio organismo se cura. Pomadas, cremes e tinturas não fazem efeito. Sugiro que retorne ao dermatologista e pergunte se não é o caso de remover cada lesão.

    • Prezada Lindalva,
      O Molusco Contagioso desaparece sozinho, depois de muito, muito tempo (um ano). O único tratamento que existe é a sua remoção, seja com uma cureta, seja com um processo que utiliza um frio muito intenso. Ambos só podem se feitos pelo dermatologista no consultório. Sugiro que ou aguarde um longo tempo, ou procure um dermatologista para proceder à remoção do Molusco.

  26. Minha neta,tem 11 anos e está cheia de molusco(já foi confirmado pela dermatologista) oq eu faço?( ela passou trock G está correto?) muito obrigada pela atenção DR.

    • Prezada Lina,
      O Molusco Contagioso cura sozinho, depois de muito, muito tempo (um ano). O modo de tratar o Molusco é através da sua remoção, seja por meio de uma cureta especial, seja pelo uso de frio muito intenso. Ambos os procedimentos só podem ser feitos por dermatologista, no consultório. Os cremes e produtos tópicos não são eficazes para o tratamento do Molusco.

  27. Dr obrigada pela sua resposta,ela ja fez a curetagem porém algumas voltaram.agora até meu neto de 5 anos também adquiriu.a dermatologista passou para a minha neta redoxon zinco e para ele aumentou a dosagem de redoxon gotas.esta correto/

    • Lina,
      Sem saber detalhes, história e exame clínico, seria anti ético comentar a prescrição de um outro médico (elogiando ou criticando). Imagino que, se o Molusco aumentar, a dermatologista vai propor nova curetagem.

  28. Doutor, minha filha tem 8 anos e pegou molusco ná uns seis meses. Levei ao dermatologista e ela fez um processo de curetagem na região do pescoço. Só que no lugar do molusco retirado ao inves de haver apenas uma feridinha nasceu outro molusco ainda maior, como ae mexer nele apenas o tivesse irritado. O que será que aconteceu??? Adoraria se pudesse me ajudar a entender. A médica passou Andolba para aplicar nas lesões, mas o medicamento está ressecando a pele dela e criando uma crosta como se a pele estivesse queimada. Me ajude por favor doutor. Tenho medo de voltar a dermatologista para outro procedimento e a situaçaço piorar ainda mais.

    • Prezada Cristiane,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha fazer qualquer comentário sem ter colhido uma história e feito um exame clínico. Sugiro que ouça uma segunda opinião de outro dermatologista. A confiança no médico é fundamental e se a perdeu, melhor procurar outro. Este dermatologista, ao examinar sua filha, poderá lhe orientar e tranquilizar.

  29. Dr. Roberto, boa tarde!
    Meu filho tem 5 anos e pegou molusco, primeiro tratei meu filho com Verux (indicado pelo Dermato), o que causou várias queimaduras e conseguintemente algumas cicatrizes. Levei no Pediatra que me aconselhou a parar com o Verux, porém agora os moluscos reapareceram, são muitos, sempre na área dos braços e lateral do abdômen. Fui informada que tem como fazer a retirada, porém não consigo encontrar médicos ou clínicas que façam esse tipo de procedimento. Moro no Rio de Janeiro, o senhor conhece algum local que faça a retirada aqui?
    Obrigada pela atenção!
    Karina

    • Prezada Karina,
      Se você utiliza o SUS, deve procurar a Clínica da Família da sua área e solicitar que façam um encaminhamento, via Sisreg, para uma clínica dermatológica. Se você tem algum plano de saúde, deve procurar um dermatologista do seu plano. A remoção ideal é com uma cureta ou com nitrogênio líquido, feitos somente por dermatologista.

  30. Dr. eu tenho 23 anos e tenho molusco desde os 20, no começo era só no queixo e hoje ja tenho no corpo todo. EU fui em um dermatologista e ela passou o IXIUM, estou usando ele ja faz quase um mês e n to vendo resultado, e eu por ter uma imunodeficiência tenho medo q o molusco se espalhe ainda mais, por favor me ajude.

  31. Boa tarde doutor
    meu filho tem 5 anos e foi adquiriu esse vírus molusco, o pediatra dele receitou que fizesse o seguinte: Espremer ou destruir as bolhas e em seguida passar algodão iodo sem álcool e me disse que sairia uma massinha branca . Acontece que tentei fazer o procedimento e meu filho grita de dor e não sai nada de massinha, fica vermelho a ponto de sangrar e permanece do mesmo jeito. São poucas bolhas embaixo do queixo dele, vc sugere que eu espere sumir ou não
    Obrigada

    • Prezada Denise,
      Como o blog não substitui uma consulta, não posso opinar especificamente sobre o seu filho. O que posso lhe dizer é que o Molusco cura sozinho, com o tempo (muito tempo- 8 meses a 1 ano). Se a sua decisão for pelo tratamento, sugiro qeu consulte um dermatologista para que este proceda à remoção do Molusco. Não recomendo que faça nenhum tipo de procedimento em casa.

  32. desesperada !! tem quase 1 ano que minha filha apareceu com as lesões e elas se espalham pelo corpo.tronco.axilas braços e agora descendo p coxas.minha filha tem 3 anos. e tem dermatite atópica .já fiz 4 sessões de curetagem ela fica nervosa demais pela dor e assim surgiram mais ainda lesoes.será que em csa n consigo acalma la p retirar??

  33. dr meu filho foi diagnosticado pela pediatra que ele estaria com molusculo contagioso, a pediatra receitou somente pomadas manipuladas para resolver pelo fato de ele ser pequeno ela não quis fazer outros procedimentos ele tem 7 anos e esta com algumas bolinhas no rosto e no peitoque ainda são possiveis contar sera que so isso vai resolver o problema!muito obrigada

    • Prezada Andrea,
      O Molusco só pode ser curado pela remoção ou aguardando um longo tempo, até que desapareça. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha comentar a prescrição de outro médico, sem examinar a criança. Se você ficou em duvida, sugiro que ouça uma segunda opinião de um médico dermatologista, experiente no cuidado com crianças.

      • doutor a pediatra do meu filho receitou acido tricloroacetico 15 % e depois do banho passar oleo de semente de uva 5 % creme.mas esta queimando a pele e na minha cidade não tem dermato pediatrico!sera que posso levar no dermatologista adulto ou levo no cirugião pediatrico pois minha amiga retirou da sua filha com o cirugião ou continuo com a medicação?ela incou para usar durante 30 dias.desde ja agradeço sua atenção.obrigada

      • Prezada Andrea,
        Como o blog não substitui uma consulta, não posso opinar sobre o seu filho, especificamente. No entanto, se a medicação está queimando a pele, sugiro que interrompa seu uso e consulte a pediatra para que ele lhe diga o que fazer. Quanto a qual especialista você deve procurar, eu diria que aquele que tem mais experiência em remover Molusco. Se o dermatologista de adultos tem essa experiência, ótimo. Se o cirurgião pediátrico também tem, ótimo também. Se ambos têm experiência, eu iria no que você sentir mais confiança.

  34. Prezada Vanessa,
    O Molusco, sendo um virus que não produz proteção permanente, pode, em tese, reinfectar uma pessoa. O contato, sexual ou não, com uma pessoa que tenha Molusco não significa que, obrigatoriamente, haverá a transmissão da doença. O períod de incubação é de 2 a 7 semanas, mas, pode levar até 6 meses.

  35. Boa noite , meu filho de 3 anos está com alguns molusco na região do olho que de fato é uma área muito sensível enfim levei ele na dermato e ela passou o procedimento de curetagem para semana que vem e disse que dará apenas anestesia local aí está a questão como ele ficará quetinho para a remoção é perigoso por ser no olho quais os riscos o que faço ? por favor ajude !!!!

    • Prezada Hevelen,
      A questão toda está na confiança que deposita na dermatologista. Se ela tem experiência com crianças, como parecer ser o caso, os riscos são mínimos. Apesar da anestesia, não ficará quietinho e precisará de alguém (você) que o contenha com muita firmeza.

  36. Doutor, minha filha ta tendo essa doença e eu não sei mais o que eu faço estou desesperada choro com medo dela sofrer discriminação na escola .Eu sei que as vez muitos coleguinha a discriminado . Mim ajude se puder.

    • Prezada Raquel,
      Sugiro que converse com um dermatologista que tenha experiência com crianças. Ele poderá lhe orientar quanto à melhor maneira para eliminar o Molusco. Quanto à discriminação na escola, recomendo que fale com a professora ou diretora, para que se envolvam, ativamente, na proteção à sua filha. Não aceite, calada, que sua filha seja discriminada.

  37. Doutor, só vim aqui dizer que achei “MARA” esse blog!
    Tenho 26 anos e estou com esse treco de molusco! Assusta demais o nome, ainda mais o sobrenome “contagioso” e assusta mais ainda alguns sites que tem a capacidade de dizer que eme adultos é pelo ato sexual, que é uma dst e tudo mais, quase morri aqui!
    Minha sorte que faço sempre exames e antes mesmo de descobrir que eram moluscos, já tinha feito meu check-up e tenho absoluta certeza que não tenho nenhuma DST!
    Estou usando Verrux, e pelo que vi é um dos meio mesmo para se retirar né?
    Desde já muito obrigada e posso dizer? ahasou nas respostas!
    Ah! só mais uma coisa, meu médico disse que posso ter pego em tudo que é lugar, isso mesmo?
    Devo evitar algum?
    beijos e obrigada!

    • Prezada Luana,
      Obrigado por participar do blog com palavras elogiosas. Quanto ao medicamento indicado, segundo os trabalhos publicados, pode ser que funcione, pode ser que não. Isto é, não é garantido que funcione. Pode ser que tenha sido prescrito para você, como uma tentativa, antes de lhe proporem a retirada mecânica dos Moluscos. Não me parece que deva evitar nenhum lugar específico. Deve sim cobrir seus Moluscos com um curativo, caso estejam em áreas expostas, reduzindo a probabilidade de você transmitir para outras pessoas.

  38. Dr. Roberto, fui diagnosticado com o molusco contagioso na região do pênis. Meu primeiro dermatologista havia sugerido o processo de curetagem, mas me mudei e acabo de voltar de uma consulta com outra dermatologista que tentou o tratamento com o nitrogênio. A dor é muito grande e parei o tratamento antes que ele fosse completado. Existe alguma maneira recomendada para o tratamento na região peniana?
    A médica também me disse que o molusco não desaparece sozinho, mas lembrei-me de ter lido que isso normalmente acontece. Já fazem 5 meses de infecção? O que eu devo fazer?

    • Prezado Bernardo,
      Em tese, o Molusco desaparece sozinho após um longo período que pode ser até de um ano. Se o tratamento foi muito doloroso, essa seria a solução. No entanto, enquanto estiver com Molusco você pode passá-lo para outras pessoas. Pergunte ao seu dermatologista se existe alguma outra estratégia que não seja aguardar. Eventualmente, terá que aguentar firme e completar o tratamento. Sucesso!

  39. Dr. Roberto passei minha filha em outro profissional, e o procedimento vai ser mesmo feito em centro cirurgico com sedação leve por conta de ser no rosto. obrigada pela informação.

  40. Olá dr !!! Parabéns pelo blog, muito esclarecedor. Miha filha de 3 anos está com uns 8 moluscos na costas,e parece que estã se multiplicando com o passar dos dias. estou passando o medicamento ixium, receitado pela dermato, ea esta usando há 30 dias e por enquanto somente 1 lesão desapareceu. O que o dr acha sobre o tratamento com esta pomada ? Como o verão está
    chegando, e a aparencia dos moluscos não é nada legal, quero tentar a curetagem, pelos menos nos maiores, o dr poderia indicar algum dermatologista pedátrico em São Paulo (capital) ?

    • Prezada Anna Paula,
      Obrigado por participar do blog. Infelizmente não tenho uma indicação de dermatologista pediátrico, em São Paulo. Sugiro que peça à seu pediatra. A dermato que receitou ou Imiquimode não faria a remoção com uma cureta? Quanto à pergunta sobre o tratamento com Imiquimode, você tocou em uma polêmica gigantesca, nos EUA. Aparentemente existem dois estudos que demonstraram a ineficácia o Imiquimode no tratamento do Molusco Contagioso. No entanto, esses estudos não foram publicados, apenas analisados pelo FDA. Portanto, os médicos que prescrevem o Imiquimode estão tendo acesso a publicações favoráveis, agindo de boa fé. Caso entenda inlgês, transcrevo um parágrafo da publicação oficial da Academia Americana de Pediatria, julho de 2013:
      In the specific case of imiquimod and MC, the investigators of the 2 negative RCTs should publish the studies in a peer-reviewed, PubMed-indexed journal; textbooks and other reviews should be updated to include the studies; researchers should reference the 2 negative RCTs in conducting (or not conducting) additional RCTs; and, crucially, physicians should cease prescribing imiquimod to treat MC in children.

    • Ana boa noite, eu passei minha filha no hospital São. Camilo pompeia com a Dra. maria Isabel,ela foi. A 4 médica q passei mas lá mesmo ela já me encaixou com a cirurgião e sexta agora minha filha fará a remoção no hospital com sedação leve pois o dela está no rosto. Eu gostei de ambas.

    • Prezada Erica,
      A literatura médica não cita o iodo como efetivo ou eficaz no tratamento do Molusco. O Molusco cura sozinho, em muitos meses, ou deve ser removido por um dermatologista que escolherá o melhor método para a remoção.

  41. Doutor, fui a um dermatologia e ele diagnosticou molusco contagioso, não tenho muitos mas estão na região pubiana e acredito ter sido contagiado atravez de relação sexual. ele me indicou penciclovir três vezes ao dia por dias semanas e penvir pra uso tópico duas veses ao dia.Minha dúvida é sobre o contagio não to afim de parar de ter relações sexuais mas acredito que seria a melhor opção pra não afetar outras pessoas existe meio de não contagiar?

    • Prezado Roberto,
      De fato, como as lesões estão na região pubiana, o contato físico próximo aumenta as chances de transmissão. Como o blog não substitui uma consulta médica, sugiro que pergunte a seu dermatologista, que tendo o examinado, é a melhor pessoa para responder à sua pergunta e lhe orientar.

  42. Dr. Roberto,bom dia!
    Minha filha de 10 anos está com molusco contagioso, levamos ao Dermatologista e o mesmo receitou Hidróxido de potássio e creme lanete ,algumas bolhas estão começando desaparecer,porém,na outra perna três bolhas inflamaram e chegaram a ferir,essas bolhas fecharam criando uma casca grossa e esta muito inflamada,devo aplicar o hidróxido de potássio nessas bolhas,são as únicas inflamadas.
    Grato,
    Samuel

    • Prezado Samuel,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha lhe responder, sem ter visto as lesões da sua filha. Recomendo que retorne ao dermatologista para que ele possa lhe orientar adequadamente.

  43. boa tarde. meu nome é luciana tenho um bebe de 1 ano e 6 meses que esta com molusco contagioso, as costas dela esta cheia de verrugas, eu furei umas com agulha e passei iodo mais depois vi as costas dele ficou muito vermelha. o iodo resolve alguma coisa? obrigada por favor me horiente.

  44. Dr. Roberto no meu filho tambem surgiram os tais moluscos;procurei um especialista q recomendou
    a curetagem,doi em mim so de pensar q ele vai sofrer no tratamento,estarei prejudicando meu filho
    esperando q o tempo cure a doenca?Desde ja agradeco a atencao!

    • Prezada Manoela,
      Do ponto de vista da saúde orgânica ou biológica, você não estará prejudicando o seu filho, caso opte por esperar a cura espontânea do Molusco. Isto é, o Molusco não produz nenhuma outra consequência a não ser as lesões na pele. Mas, saiba que esta cura espontânea leva muito tempo. Dependendo do número de lesões, estas podem aumentar por auto inoculação, prolongando ainda mais o tempo de cura espontânea. Dependendo da idade do seu filho, da quantidade e localização das lesões, deve levar em consideração eventuais consequências psicológicas ou sociais (colegas se afastando ou rindo) de deixar as lesões por longo tempo.
      Se o número de lesões for grande, pergunte ao especialista se haveria indicação de realizar a curetagem sob sedação em centro cirúrgico.

  45. Minh filha esta com molusco no bravo costas e pernas….preciso realmente fazer o tratamento de remocao??? Ele sai sozinho???? E se eh tipo.uma verruga akele points nao.resolveria sem.dor??? Desde ja agradeco pela atencao

    • De. Boa noite minha filha retirou os moluscos em centro cirúrgico. Foi muito rápido e indolor para ela. Muito obrigada pelas dicas. Ela já esta sem marcas e sem molusco.

      • Tânia,
        Que boa notícia. Obrigado por compartilhar no blog. Eventualmente, outras mães que possam estar em dúvida ou preocupadas, ao ler o seu relato, se sintam mais seguras para fazer a remoção do Molusco, em centro cirúrgico.

      • Obrigada espero que outras mães façam o mesmo para que os filhos não sofram tanto com o problema quanto para retirar.

        abs

  46. minha filha de 3 anos esta com estas bolhas, a dermatologista receitou hidroxido de potassio 10% , soluçao aquosa qsp 50ml, mas ela chora miuto diz que queima e normal ou tem alguma coisa errada.

    • Prezada Vilma,
      Como o blog não substitui uma consulta, sugiro que você retorne ao dermatologista para que ele lhe oriente. Pode ser que a aplicação do hidróxido de potássio esteja atingindo a pele saudável, produzindo, de fato uma queimadura. Por esse motivo, recomendo que não deixe de procurar o dermatologista.

  47. Doutor, tudo o que li aqui foi exatamente o que o pediatra do meu filho disse. Tenho apenas uma dúvida é verdade que após a remoção das “verrugas” deve-se usar iodo para higiene do local por que o álcool 70 não mata o vírus?! No momento já fazem 6 meses que ele está e eu não mexi.

  48. Bom dia Dr Roberto, tenho uma filha de Três anos de idade e ela esta com molusco na face, ao redor dos olhos e na bochecha, são bem pequenas, levei ela a uma dermatologista que me disse para procurar um cirurgião plástico para realizar uma curetagem,pois como era no rosto ela não poderia passar o verrux, assim fiz, levei no cirurgião e ele praticamente disse que esta médica teria que ter dado outras opções, pois para ele teria que internela e dar a anestesia geral, para ela dormir então fiquei na mesmice, não gostei de nenhum dos médicos, então voltei a pediatra dela que me disse exatamente o que esta na sua matéria q esses molusco somem com o tempo, não não queria deixar essas bolinhas no rosto, queria saber quem realmente faz a curetagem é o dermatologista ou o cirurgião? E se o tratamento com crioterapia com nitrogênio é indicado para o rosto? Obrigada….Shirley.

    • Prezada Shirley,
      Recentemente uma leitora do blog ficou muito assustada com a indicação de remoção do Molusco em centro cirúrgico, sob sedação. Ela acabou concordando e ficou felicíssima de ter superado o “preconceito” com relação a um anestesia. Hoje, a sedação é algo muito seguro e permite ao médico realmente remover o Molusco, sem sofrimento para a criança.
      Quem faz a curetagem é quem tem experiência para fazê-la. Pode ser um dermatologista habituado a este procedimento, inclusive em centro cirúrgico, como pode ser um cirurgião plástico. Falando em tese, vejo duas alternativas: aguardar, ou remover através da curetagem. A crioterapia poderia funcionar. Mas, no rosto, vai exigir sedação do mesmo modo. Será necessário garantir que a criança não se mova.

  49. Olá Dr. Roberto, parabéns pelo blog.
    Tenho uma dúvida, a a seis meses apareceram algumas lesões no meu rosto e pescoço e foi constatado molusco contagioso, foi feita a remoção pelo dermatologista. A 20 dias voltaram a aparecer novos moluscos no rosto e também na área genital, como eles vão de um lugar para outro do corpo, me ajude, estou assustada, estou com consulta na dermatologista para a retirada mas ninguém explica como é a transmissão e como ele se espalha pelo corpo.
    Abraços

    • Prezada Silvia,
      Como o Molusco é um vírus, existe a possibilidade de auto-inoculação. Isto é, a pessoa passa a mão na lesão da pele e, depois, em alguma outra área do corpo onde poderá surgir uma nova lesão. Como já tem consulta marcada com a dermatolgista, estou certo de que ela poderá lhe orientar da melhor forma possível.

      • Obrigada Dr Roberto, mas nem a Dermato conseguiu me responder qual o tempo de incubação da doença, existe um período certo, não tenho a menor idéia de onde posso ter tido contato com alguém que tenha molusco, isso esta me intrigando.
        Grata

      • Silicia,
        O tempo de incubação do Molusco não é conhecido com precisão. O que a literatura diz é que varia entre 2 a 6 semanas. Isto é, o período que vai do contágio (contato) até o aparecimento das lesões na pele pode variar entre 2 e 6 semanas.
        Lembro que a auto inoculação é um dos meios de transmissão. A pessoa passa a mão em uma lesão e depois se coça em outro lugar. Portanto, nem todas as lesões que uma pessoa apresenta foram transmitidas por outra.

      • Dr. Roberto, Obrigada pela resposta, e não se preocupe, quem digitou o nome errado fui eu.

        Acredito que o único remédio será amarrar minhas mãos… assim não levo esses moluscos para mais nenhum lugar…rsrsrs

        ABraços agradecidos

        Silvia

  50. Boa tarde, minha filha apareceu com essa bolinhas que por dois médicos foi diagnosticado molusco, já o terceiro disse que não era e sim uma dermatite,pois não me receitaram nenhum remédio tendo em conta que ela está afastada da creche por não ter um laudo para comprovar que ela possa frequentar as aulinhas já que o médico disse que some sozinho. O que fazer posso passar pomada bactericida me ajude por favor pois as delas nem coçam algumas já até sumiram.

    • Prezada Ana Cristina,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria uma irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Só posso lhe dizer que, se o que ela tem for Molusco, poderá frequentar a escola. Não é motivo para afastamento.

  51. Ola. Meu filho de 2 anos contraiu o molusco e agora sao mais de 20 pustulas, no tronco e axila. Pela dermato manipulamos um nitrogenio liquido, mas ao passar ele grita e entra em prantos. Percebi que ta causando queimaduras no local,

    • Prezada Flavia,
      Como o risco de produzir queimaduras existe, o mais recomendável é que, qualquer que seja o método escolhido para a remoção do Molusco, o dermatologista conduza o tratamento. Sugiro que você retorne à dermatologista para que ela avalie se houve queimaduras e possa lhe orientar.

  52. Dr. Roberto, boa tarde

    Estou muito assustada com o virus do molusco, levei minha filha na dermatologista e ela retirou 7 lesões e resta uma nas costas que não tinhamos visto, o meu medo é porque minha filha tem 4 anos e a retirada foi bem desagradavel não queria ver ela sofrendo assim, a minha dúvida é: Essa doença é como Herpes? vai ficar sempre no organismo da minha filha aparecendo a qualquer momento? pois o Dr, falou qyue ela some sozinha isso quer dizer cura? porque vi relatos acima de pessoas que há mais de dois anos tem as lesões é isso mesmo? me ajude por favor, tenho um bebe de 8 meses em casa que não mama mais no peito tenho receio de que ele pegue também. outra coisa as cicatrizes são permanentes?

    • Prezada Lucinea,
      O vírus do Molusco não é como Herpes. Não ficará para sempre no organismo da sua filha. A cura, seja esperando um longo período, seja pela retirada, não significa imunidade. Uma pessoa pode ter uma nova infecção,mas, é diferente do Herpes em que o vírus fica “adormecido” no corpo da pessoa. O Molusco, em princípio não deixa cicatrizes permanentes.

  53. MEU FILHO TEM 8 ANOS E A UNS 9 MESES APARECERM BOLINHAS NO ROSTO DELE, TEM UMAS 8 NO ROSTO E 3 NO PESCOSO. LEVEI ELE ATE O PEDIATRA E ELA DISSE QUE ERA MOLUSCO E DIISSE PRA MIM DEIXAR E OBSERVAR SE IA AUMENTAR OU DIMINUIR. SERA QUE DEVO PROCURAR UM DERMATOLOGISTA? DESDE JÁ OBRIGADA!

  54. Por favor, gostaria de saber se realmente a pomada CONZEROL funciona ou se tem alguma contraindicação. Meu sobrinho tem 3 anos, fez a retirada de uma quantidade bem grande (acima de 30). Não fez com sedação, sentiu dor. Depois do procedimento, em menos de um mês voltaram a aparecer. Os sites para comprar o medicamento- que é bem caro- fora do Brasil estão com fama de “pirata” . Muitos estão reclamando da não entrega. O que pode nos aconselhar.
    Obrigada.

  55. Olá Dr. bom meu filho de 2 anos está com molusco há + ou – 3 meses moro na Amazônia e agora vou de férias para a cidade da minha mãe, e ela tem Lupús, gostaria de saber se isso pode prejudicá-la se é muito fácil de ela pegar, pelo fato de ter lupus, pois vai ser bem difícil evitar o contato dos dois. Obrigada!

  56. J a faz uns quatro meses que meu filho tem e o levei a inumeros medios. Apenas um tentou a crioterapia, mas meu filho nao aguentou pq o corpo esta cheio. Entao, outro medico passou vitaminas c, ele esta tomando, mas nao vejo melhora visivel, as bolinhas nao saem, sera que ha alguma pomada?

    • Prezada Luciana,
      Como o blog não substitui uma consulta, o que posso lhe dizer é que, quando o número de lesões é grande, o melhor é fazer a remoção em centro cirúrgico, com a criança sedada. Ou então, aguardar o tempo que for necessário, para que desapareçam sozinhas. Remover, a frio, muitas lesões, é um sofrimento desnecessário. Não existe pomada.

  57. Boa tarde,
    tenho 19 anos e tenho moluscos que estao se espalhando pelo rosto e tronco, porém eles não são grandinhos para ser feita curetagem ou tratado com nitrogenio (acredito eu) porém coça de maaaaais. Gostaria de saber o que eu posso usar porque tenho medo de espalhar mais ainda no meu rosto.
    Obrigada

    • Prezada Amanda,
      Até onde eu sei, não existe um tamanho mínimo para a remoção do Molusco. Como o blog não substitui uma consulta, sugiro que procure um dermatologista de sua confiança para que ele lhe oriente. Espero que compreenda esta limitação do blog.

  58. Caro Dr. Roberto,
    Em primeiro lugar parabenizo-o pela iniciativa do blog, pois contribui imensamente para aliviar algumas aflições, principalmente de quem é mãe e se preocupa com a saúde e o bem estar dos filhos. Por falar em aflições me encontro em meio a uma que está me deixando bastante agoniada: minha filha de 5 anos está com inúmeras lesões no tronco, principalmente, já diagnosticadas como sendo molusco. Estas lesões apareceram há 1 ano e 1 mês, já passei iquimode ( li agora que não adianta muito e realmente foi o que aconteceu: nada), fui aconselhada pela dermato a esperar, porém a pediatra não concorda e me encaminhou para uma enfermeira fazer a remoção mecânica, parece uma tortura e ela gritou muito e ficou extremamente assustada chegando a tremer, ficar fria. Desistimos desse método. As lesões estão com aspecto inchado, vermelho e com uma bolinha de pus(algumas). Já levei a uma cirurgiã pediátrica que disse que teria que tirar no bloco cirúrgico com anestesia geral ,mas não me senti segura. As lesões são muitas, some uma e aparece quatro. Estou realmente preocupada pois já tem muito tempo e como disse, elas persistem em grande número e estão se alastrando. Minha filha tem dermatite atópica e desde de sempre tivemos inúmeros problemas com pele. Todos os produtos de higiene pessoal que ela usa são manipulados. Estou com pena dela e me sinto tão impotente, ela chora e diz que quer se livrar dos moluscos mas morro de medo de optar pela remoção cirúrgica e de acontecer algum problema quanto a anestesia e definitivamente a remoção mecânica é impossível, pois ela não coopera (afinal de contas é uma criança e o procedimento dói). Conhece alguma literatura que relacione a demora da cura com ser portador de dermatite atópica? Obrigada e desculpe pelo tamanho do relato.

    • Prezada Naiara,
      Atualmente, a segurança da sedação é muito grande. Além de medicamentos com menos efeitos colaterais, a monitorização do paciente é contínua, controlando inúmeros parâmetros. Por esse motivo, deve considerar a remoção mecânica, em centro cirúrgico. Não há motivo para que sua filha passe por tamanho e tão prolongado sofrimento. Escolha um médico que tenha experiência nesse tipo de procedimento e trabalhe com equipe de anestesistas habituados a fazer anestesia pediátrica. O procedimento é simples e rápido, com benefícios enormes para a sua filha.

    • Naiara, boa tarde, li seu comentário e gostaria de contribuir, minha filha também teve molusco o rosto, pernas e pescoço. Fui à 4 dermato, cada um com uma medicação e resposta diferente.Quando por fim a ultima profissional que ela consultou,indicou a cirurgiã plastica para remoção em centro cirúrgico, também fiquei preocupada com relação a anestesia. Mas foi super tranquilo, rápido e indolor para minha filha. A anestesia foi somente o gás inalado. Hoje ela esta bem e sem molusco. Consulte um especialista que te de segurança quanto ao método para acabar com o sofrimento dela e o seu, espero ter ajudado.

  59. Bom dia, minha filha tem 3 anos e ja fez 4 retiradas de moluscos, 3 em consultótio e 1 por cirurgia, e vou ter que fazer a quarta atravéz de cirurgia. Ja li em alguns blogs que ela pode frequentar a creche normalmente, Isso procede??? Ou ela pode contaminar outras crianças??? Teria alguma indicação para um especialista nesta área??? Desde já meu muito obrigada.

    • Prezada Renata,
      O Molusco, por ser produzido por um vírus, é contagioso. No entanto, a recomendação é de que as crianças continuem a frequentar, normalmente, creches e escolas. Se as lesões forem em áreas expostas, convém cobrí-las com um band-aid, para reduzir a transmissibilidade. No entanto, se isso não for possível, continua a orientação de manter a criança na escola.
      Quanto ao especialista, sugiro que pergunte a seu pediatra. Ele certamente conhecerá um, mais próximo à área da sua residência.

  60. Olá tenho 21 anos estou com os seguinte sintomas: dor de cabeça a 3 dias dor no corpo febre baixa e surgiram algumas bolinhas no rosto e no corpo que estão coçando, fui ao medico e ele disse que era molusco contagiante sé que pelo que eu li em adultos e mais normal nas áreas genitais, e minha lesões apareceram no coro cabeludo face, braços, tronco… queria saber se isso e realmente possivel.. att aldyennes

    • Prezada Aldyennes,
      Seria irresponsabilidade minha opinar sobre uma pessoa que eu não examinei. Em tese, o Molusco pode acometer qualquer área do corpo humano, mesmo em adultos. Sugiro que consulte um dermatologista para que este lhe oriente.

  61. Bom venha aqui contar como eu fiz para retirar os moluscos do meu filho de 2 anos, ele fez duas curetagem no consultório com uma pomada anestésica, porém ele chorou muito e quase não deixou, Fique com muita pena dele e eu decidi então se aparecesse de novo eu mesmo tiraria, então depois de uns 4 dias voltaram algumas no mesmo lugar.
    Esperei ele dormir passei bastante a pomada anestésica, esperei um tempinho, peguei uma pinça nova passei ela no fogo depois passei alcool 70. Fui raspando uma por uma até sangrar, bem de vargarinho, e ia limpando a pinça no alcool, ele não acordou e tbm não sentiu nada.
    no outro dia dei um remédio para verme e entrei com uma vitamina.
    Faz já uma semana as feridinhas cicatrizaram e não tem mais nenhuma.
    Bom pelo menos ele não sofreu com a presença e ambiente hospitalar, pra mim foi menos agressivo.

    • Prezada Fabiana,
      Obrigado por compartilhar conosco a sua experiência, que foi um sucesso. No entanto, a recomendação é para que os pais não façam a remoção mecânica por dois motivos principais: risco de infecção e não retirada completa do Molusco.

  62. Dr. Roberto, preciso saber se o molusco pode desaparecer espontaneamente?
    No meu caso aparecerem bolhas próximas a virilha, entre minha coxas, as mesmas desconfortáveis e aparentemente desagradáveis. Fui ao ginecologista onde o mesmo estava me passando procedimento de HPV, e ao ir em outro medico o mesmo me afirmou que seria molusco e me encaminhou para a dermatologista. A primeira bolha apareceu por volta de Março/ Abril e como já estamos em Novembro, as bolhas murcharam e praticamente sumiram restao apenas “manchas” mais escuras em minha pele.

  63. Tenho 28 anos e Há uns 2 meses aparecem pequenas bolinhas na minha virilha e logo em seguida na minha esposa e td indica que sejam moluscos contagiosos! Corro algum risco de ter aids?

    • Prezado Fernando,
      Como o blog não substitui uma consulta médica, sugiro que procure um clínico ou dermatologista. Posso lhe dizer que Molusco não tem relação com Aids. No entanto, se essa dúvida surgiu, melhor conversar com seu médico e avaliar se deve ou não realizar exames complementares.

  64. Dr. Meu filho de 3 anos está com molusco mais já está com muito tempo eu lembro que quando eu percebi as primeiras bolhinhas ele era bem pequeno quando começaram a crescer decidi consulta_lo foi ai que diaguinosticaram que se tratava disso mais jâ esperei muito tempo e não somem só crescem. O que eu faço?

  65. ola, minha filha de 6 anos deu molusco nas pernas, eu fui a uma dermatologista e ela receitou furici que queimou a pele de minha filha, fui a outra dermatologista e ela falou que era so para espremer os moluscos, e nao podemos ir a um so medico, a minha filha esta com a perna toda manchada. Sera que vai sair

    • Prezada Celine,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha. Se a perna está manchada, recomendo que retorne à dermatologista que lhe inspirou mais confiança, pedindo que a oriente.

  66. Consegui acabar em poucos dias com as bolinhas de meu filho. Passava uma pomada anestesica e depois de uns vinte minutos verrux apenas na pontinhas… isso com ele dormindo. Depois de um tres dias é incrivel… algumas bolinhas, apos um banho longo e quente, saem ao passar a toalha. As outras vão ficando evidentes e, chega um momento que, enquanto ele dormindo, passa a pomada anestésico (dermomax) vinte minutinhos depois vem com afulha e retira tranquilamente o molusco. Lembrar de desinfetar a agulha. Sangra muito e limpa a regiao com polvidine.
    Graças a Deus após vários tratamentos consegui acabar com as bolinhas no meu filho.
    Espero que ajude outra mãe ou pessoa nesse tratamento

    • Si,
      Obrigado por sua participação, compartilhando sua experiência. Apesar de bem sucedida, devo lembrar aos pais que a recomendação é de que somente um dermatologista faça a remoção dos moluscos porque há sempre um risco maior quando feito por alguém sem treinamento ou conhecimento de como prevenir infecções.

  67. Boa noite doutor…..ha algumas semanas perdibi bolinhas na parte interna da cocha do meu filho de 6 anos.
    Como já havia vi pessoas como molusculo sabia o que era e logo o levei no dermatologista. Ele me disse o mesmo que a maioria dos artigos que li pela net. Disse que se caso aumentasse voltaria a procura-lo. E nos últimos 2 dias o seu pênis e saco escrotal se encheram de bolinhas. Ele está doido de coceira, e estou aflita por saber como devem ser retirados. …Há bastante lesões e seria impossível ele não sofrer. Vou retornar ao médico amanhã de qualquer jeito mas queria uma segunda opinião.
    Obdigado

    • Prezada Aline,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. Se deseja uma segunda opinião, sugiro que o leve a um outro dermatologista. Caso a decisão seja pela remoção do Molusco, devido à quantidade e localização, talvez fosse interessante conversar com o dermatologista sobre a possibilidade de realizar o procedimento em centro cirúrgico, com o seu filho sob sedação. Isto é absolutamente seguro, indolor para seu filho e permite ao médico trabalhar com mais precisão.

  68. Dr, meu filho de 2 anos esta com molusco no rosto, 6 bolinhas. Li que um medicamento pode resolver sem que seja necessario a retirada cirurgica. Anita.O senhor recomenda?

    • Prezada Elisana,
      O Molusco pode curar sozinho, em meses (muitos). Quando a opção é por tratá-lo, recomendo que procure um dermatologista para que este decida qual a melhor estratégia para a remoção. Cremes e pomadas, não têm nenhuma comprovação de que funcionem.

  69. Doutor, creio que possuo molusco contagioso no pênis e peguei por ato sexual(mesmo usando camisinha e os dois serem virgens) e tb foi a 5 meses mas como leva até 6 meses para aparecer..acontece que agora estou com medo de passar o vírus para outras pessoas dentro de casa, alguém que lava minhas roupas por exemplo, tem real chances de contrair o vírus ? Grato

    • Prezado João,
      Sugiro que converse com seus pais para que lhe levem a um dermatologista que faça o diagnóstico preciso do que você tem. Eventualmente não é molusco e sim outra doença que precise de um tratamento específico. Não tema conversar com eles, por mais que não saiba como reagirão. Acima de tudo está a sua saúde. Não fique com essa dúvida porque ela pode lhe prejudicar. Procure um dermatologista.

  70. Dr. minha filha de 6 anos retirou mais de 130 moluscos , sofreu muito mesmo passando uma pomada anestésica sentiu muita dor , no dia seguinte encontrei mais umas 10 bolinhas , 3 na barriga , e o resto na perna , estou passando IODO em cima das bolinhas aparentemente elas estão diminuindo e não vejo espalhar , mas minha filha foi para praia com a minha mãe e gostaria de saber se tem algum problema o sol e a aguá do mar , se tem algum risco de aparecer mais ?
    obrigada e parabéns pelo blog

    • Prezada Jéssica,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha comentar sobre a sua filha. De uma forma genérica, o Molusco pode ser auto-inoculado. Isto é, a criança pode coçar uma região com Molusco, depois outra e levar o vírus para esta nova região. O risco de aparecer novas lesões, sempre existe.
      Com relação à remoção do Molusco, quando o número é muito grande, vale a pena conversar com o médico sobre a possibilidade de fazer o procedimento em centro cirúrgico, com a criança sedada. A sedação é segura e permite ao médico trabalhar com mais tranquilidade, sem que a criança sofra.

    • Jessica,
      Não faz mal ir à praia. A questão é que o sol pode “marcar” a sua pele. Eu sugiro que pergunte ao dermatologista quais os cuidados que deve ter ao ir à praia e se, no seu caso, você estaria liberada para ir.

  71. Dr. Minha filha tem 7 anos e a levamos ao dermatologista o qual deu o diagnostico de molusculos, receitou verrux ou points para ser usado a noite para queimar e de manha passar Fisiogel A.I, o processo esta dentro dos conformes? Agora nao sei qual comprar,verrux ou o points. O Dr. Pode dar uma direção? Tudo isso pq minha filha se recusou a fazer a raspagem no consultório
    Obrigado

    • Prezado Raul,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha comentar especificamente sobre a sua filha. Além disso, você fizera o correto que é ouvir um dermatologista. Me parece que ele lhes deu uma opção, o que significa que ambos os medicamentos prescritos seriam adequados. Mas, como o próprio dermatologista deve ter lhes dito, o ideal teria sido a remoção do Molusco. Sugiro que, tendo dúvidas, retorne ao dermatologista. Ele é a melhor pessoa para lhe orientar.

  72. Boa tarde Doutor tenho 28 anos e de alguns meses para cá apareceram aluas bolinhas entre meu lábio superior e meu nariz.Estou passando uma pomada em gel chamada Adapaleno 0,03%, porém não tem feito efeito.ostaria de saber se tem algum remédio que eu possa passar, para que elas sumam definitivamente.

  73. Dr.Roberto,minha filha de 1 ano e 11meses esta com molusco,começou na mão e agora tem na regiao dos olhos e tem alguns bem onde sai os cilios e palpebras,é um lugar muito sensivel para usar remedios ou espremer.O que faço?Obrigada.

    • Prezada Hebia,
      Sugiro que consulte um dermatologista que tenha experiência em atender crianças. Somente depois de examinar a sua filha ele poderá lhe sugerir a melhor forma de tratar sua filha. Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar, sem ter examinado a sua filha.

    • Prezada Alzivania,
      Na literatura médica, a cura do Molusco se dá ou de forma espontânea, com o tempo (muito) ou através da remoção do Molusco, usando alguns métodos (curetagem, frio etc.). Sugiro que converse com o seu dermatologista a respeito da melhor estratégia para o tratamento do Molusco do seu filho.

  74. Dr, meu filho de 5 anos esta com moluscos na região do pescoço, pernas e braços, passei com o dermatologista e ela me indicou um acido, estou passando porem ele reclama quer arde demais e chega a fazer casquinha! Uma amiga, usou na filha dela um medicamento chamado Imoxy, é eficaz?

    • Prezada Daniela,
      O princípio ativo do medicamento que você citou é o Imiquimode. Não existe nenhum trabalho científico provando sua eficácia no tratamento do Molusco. Sugiro que retorne ao dermatologista para que seu filho seja reavaliado.

  75. Prezado Dr. Roberto,
    Pela terceira vez, surge um molúsculo contagioso no canto esquerdo da minha boca, sempre no mesmo local. Nas duas vezes anteriores (a primeira há muitos anos e a segunda há 2 meses), fui a um médico que removeu o molúsculo através de curetagem. Desta vez, como a última curetagem não deu certo, pois o molúsculo voltou, hoje eu mesma resolvi mexer na lesão e tentei retirar o molúsculo com pinça. O volume da lesão baixou bastante (o que me incomodava, pois parecia uma verruga branca na minha boca), mas, como o ferimento ainda está aberto, não sei se consegui removê-lo por completo. Na feridinha que ficou no local, estou passando bepantol, mas não sei se devo. Enfim, certamente não adotei o procedimento correto e gostaria de saber qual a sua orientação para eu proceder daqui pra frente. Se devo passar alguma outra pomada mais apropriada para o processo de cicatrização do local e aguardar o resultado para procurar um dermatologista ou se devo imediatamente procurar um médico porque há algum risco na intervenção (abertura/corte) na lesão que fiz. Agradeço muito sua orientação.

    • Prezada Renata,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu caso. Como você está em dúvida e lesões manipuladas podem infectar, sugiro que procure um dermatologista para que este possa lhe orientar. Melhor ouvir que está tudo bem agora do que o médico lhe dizer que a situação está feia e lhe questionar do porque não procurou médico antes.

  76. Dr.
    Parabéns pelo comprometimento, profissionalismo e disposição para atender pessoas (principalmente mães e pais aflitos) pelo site!
    Meu filho está com 1 ano e 11 meses e já foi a 2 dermatologistas. Todos indicaram o procedimento cirúrgico! Mas depois de algumas leituras resolvi tentar a técnica do esparadrapo e anitta! O Sr. acha inválido??
    Grata.

    • Prezada Kérssia,
      Você ouviu dois deramatologistas e está informada de que a literatura médica não demonstrou a eficácia do tratamento que deseja fazer. Se existem sites ou blogs que falam bem dessa técnica, certamente não usaram metodologia científica confiável. Todos os artigos e publicações, feitos com rigor, demonstram que ou se espera que o tempo resolva o Molusco, (meses ou até um ano) ou se faz a remoção do Molusco. É o que eu posso lhe dizer. Não posso opinar favoravelmente sobre algo que não tem comprovação científica.

    • Oi Kérssia. Só para constar, eu usei esse Anitta para tentar eliminar o vírus, mas não teve nenhum efeito em meu filho. Como o Doutor Roberto disse, não há nada científicamente comprovado sobre esse medicamento para eliminar o molusco. No meu filho não teve nenhum efeito.

  77. Dr gostaria de saber se o senhor pode me “ajudar” informar sobre o molusco…. Minha mulher é gestante e esta com esse “problema” só que não obtivemos informações suficientes, ela terá uma consulta no dia 16/01/2014, até la gostaríamos de ter alguma informação, se a baixa de imunidade devido a gravidez realmente influencia, se pode sumir com o tempo , se é realmente necessário cauterizar, as lesões se localizam próximo a genitália. desde já agradeço a atenção.

    • Prezado Alex,
      Como o blog não substitui uma consulta e eu sou pediatra, opinar sobre a sua mulher, grávida, seria uma irresponsabilidade. Em tese, como o Molusco é produzido por um virus, a localização na genitália vai exigir uma opinião do obstetra. Que o Molusco pode desaparecer com o tempo, não há a menor duvida. Mas, pode levar mais tempo do que a gravidez. O procedimento seria o de remoção com uma cureta dermatologista ou até o uso de frio. Como já marcaram consulta para a semana que vem, o melhor a fazer é relaxar e esperar para ver o que o medico dirá.

  78. Ola, minha filha de 5 anos esta com molusco há uns 8 meses! já tentamos varias coisas… passar tintura de tuya, pomada trok, glóbulos de tuya, annita,….enfim….tem horas que elas parecem menores, depois volta a aparecer algumas, some algumas, mas ela tem em média umas 20 verrugas…Li que tomar um remédio chamado leucogen melhora a imunidade e pode curar…isso tem algum fundamento? obrigada

    • Prezada Isabela,
      Infelizmente, não tem fundamento. Ou você não faz nada e espera que o Molusco termine (o que ocorre após um longo período), ou procura um dermatologista que faça a remoção do Molusco. Dependendo da quantidade e localização e das possibilidades da família, o dermatologista poderá recomendar a retirada em centro cirúrgico, sob sedação, o que é muito seguro.

  79. Boa tarde! Doutor, meu filho tem sete anos de idade e tem molusco contagioso, o pediatra dele fala para deixar, pois com o tempo irão sumir, mas mesmo assim eu o levei para o dermatologista para avaliar um método para a remoção dos mesmos, já que estão localizados em volta dos olhos e uns três em específico bem na região dos cílios. Como um desses que está nos cílios é grande eu procurei o dermatologista, já que deve incomodar meu filho. Porém o especialista ficou com receio de mexer nessa região dos olhos que é delicada e pediu para esperar mais um tempo para ver se não iria sumir. Meu filho já deve estar com molusco uns sete meses e esse dos cílios é o maior e não some e nem cai, e o dermatologista não quer mexer. O que eu faço? OBS: Meu filho tem dermatite atópica.

    • Prezado Fábio,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre o seu filho. Mas, percebo que dois médicos sugeriram não mexer no Molusco, ao menos por agora. O Molusco pode levar até um ano para desaparecer. Caso o Molusco do seu filho não desapareça, uma alternativa que o dermatologista poderá sugerir é a retirada em centro cirúrgico, sob sedação. Este procedimento é seguro e garante que seu filho fique imóvel, dando maior segurança para a remoção em área delicada. Além disso, seria um procedimento totalmente indolor para o seu filho. Recomendo que siga a orientação que recebeu e aguarde a evolução.

  80. Boa tarde, Dr. Roberto. Estou com molusco na parte do glúteo e no queixo. Os do queixo estão bem pequenininhos ainda. A cauterização serve para retirada de molusco de qualquer tamanho?
    Dói?
    Desde já agradeço a atenção.

    • Prezada Bianca,
      A remoção mecânica do Molusco pode ser feita independentemente do tamanho. Sugiro que consulte um dermatologista para que este, após examiná-la, lhe diga qual seria o melhor tratamento, para o seu caso.

  81. Olà sou adolescente e tenho molusco em uma grande quantidade agrupado em um mesmo local, é possível tratar todos?. Mesmo se conseguir tratar ,posso ter a infeção de novo ser passar por um novo contàgio,tem cura.

    • Prezado Joel,
      Como o blog não substitiu uma consulta, sugiro que procure um dermatologista. O tratamento pode ser esperar que o Molusco desapareça (meses ou até um ano) ou realizar a remoçao de cada um (feita pelo dermatologista e não por você). Sim, é possível se infectar novamente, apesar de ser raro. A cura é a remoção do Molusco. Mas, não garante imunidade (proteção) para sempre.

  82. Para quem tem molusco , procure um medico dermato , dois e até três se precisar , escolha o que te passar mais segurança, porém minha filha de 7 anos fez a curetagem em mais de 110 bolinhas e sofreu muito, e após uns 15 dias estavam aparecendo muito mais, então resolvi pesquisar e encontrei um site que indica o óleo de tea tree (malaleuca no brasil) vende em farmácia de manipulação e custa em media R$ 26,00 10ml , estou passando umas gotinhas em cima das lesões e está melhorando MUITO e onde ela tirou passo também e está clareando as marcas, para minha filha foi otimo e eu indico como uma tentativa porem não deixe de procurar um medico , eu procurei e ele disse que não resolveria mas está resolvendo. qualquer duvida estou a disposição.

    • Prezada Jessica,
      Obrigado por sua participação no blog. Acho importante esclarecer que o óleo de malaleuca não tem comprovação científica da sua eficácia para o Molusco. Pode ser que, em alguns casos funcione, como pode ser coincidência de uma melhora que ocorreria naturalmente. A recomendação é procurar um dermatologista e seguir a sua orientação.

    • Jessica, já faz algum tempo o seu comentário, o óleo realmente funcionou? Estou tratando meu filho com Verrux, conforme orientação da dermato, mas se não funcionar vou tentar o óleo.

      • Prezada Angelica,
        Obrigado por participar do blog. Chamo a atenção apenas para o fato de que, até a presente data, não há tratamento tópico aprovado ou recomendado para o Molusco. A recomendação, baseada em evidências científicas é de que o Molusco cura sozinho (depois de um longuíssimo tempo), ou precisa ser removido.

  83. Olha tudo bom ?
    eu estou com molusco no Penis e estou usando pedofelina 25 % que o Medico me recomendo sabe me dizer quanto tempo pode ser curado ?

  84. Olá Dr Roberto Cooper, meu filho foi diagnosticado com molusco contagioso. Tem espalhados pelo corpo, na região do bumbum, bochecha, ombro, perna, porém um ou outro, mas pelo que aparenta, estão a vir mais. O dr. me passou dois remédios: Thuya CH6/ 4 glóbulos, 3x ao dia e Imiquimod passar antes de dormir, por 10 dias, parar por 2 e retornar por 10 dias, até sumir. Porém a minha dúvida é: O dr. recomendou que tomasse muito cuidado com o “creme” que era para apenas encostar na verruga, e assim faço, dou banho nele, passo o creme, espero um ou dois minutos e coloco a roupa nele, porém percebe-se que a pele não absorveu o creme/loção, e gostaria de saber se estou fazendo corretamente, ou apenas desperdiçando o produto?? Me ajude, pois este remédio é caro e não quero jogar dinheiro fora.

    Obs.: Meu filho tem 4 anos.
    Obrigado.

  85. Prezado Dr. Roberto,

    Levei minha filha de dois anos e meio a dois dermatologistas, que a diagnosticaram com molusco contagioso na região das costas. O 1º disse que não receitaria o IXIUM por não ser indicado para crianças da idade dela e indicou a remoção (com um cirurgião pediátrico ou em casa, orientando inclusive como deveríamos fazer), já o 2º disse que não indicaria a remoção, por ser doloroso para crianças tão pequenas, e receitou o IXIUM. A bula desse medicamento realmente restringe o uso para crianças menores de 12 anos e uma postagem anterior do senhor cita dois estudos realizados nos EUA que demonstram a ineficiência do imiquimode no tratamento de molusco contagioso (onde o senhor inclusive transcreve “crucially, physicians should cease prescribing imiquimod to treat MC in children”. Diante disso estou inclinada a não utilizar esse medicamento e optar pela remoção com um cirurgião pediátrico. Porém, li em um site médico um artigo escrito por um dermatologista que diz que um dos tratamentos seria o uso prolongado de uma pomada de Lisozima (substância anti-inflamatória), que acaba induzindo uma reação imunológica em nível de pele (se não me engano mesmo resultado prometido pelo imiquimode, certo?). Gostaria de saber se o senhor tem conhecimento desse tratamento e se ele seria realmente uma alternativa, especialmente para uso pediátrico.

    • Prezada Rosane,
      Não tenho conhecimento deste tratamento. Até onde eu sei (e li) não há (infelizmente) nenhuma novidade no tratamento do Molusco. Ou se espera um tempão, ou se remove o Molusco. Esse é o resumo do que sabemos, hoje. Sucesso!

  86. Bom dia! Meu filho de 6 anos está com diagnóstico de molusco. A médica receitou verrux. Tenho que proceder como no tratamento da verruga, colocando esparadrapo sobre a lesão e lixando depois? Saberia dizer se há comprovação de que o verrux trata o molusco eficazmente? Desde já agradeço as respostas.

    • Prezada Renata,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre uma prescrição feita para uma criança que eu não conheço. Com relação ao Molusco, de forma muito simples e resumida, até onde eu pude ler e estudar, existem dois tratamentos possíveis: esperar (meses ou mais de ano) sem fazer nada ou remover o Molusco. A literatura científica não tem evidências que suportem o uso de cremes, pomadas etc. Isso não significa que, em alguns casos, não se obtenha um bom resultado. Significa que não existem evidências para uma recomendação geral.

  87. bom dia doutor meu nome é cristiane, meu filho de 4 anos está com esse vírus, o médico pediu para que eu espremesse, até sair um carocinho de dentro, é doloroso e ele chora muito, isso está ocorrendo a uns três meses, e é triste ter que retirar dele, ele já nasceu com problemas de pele estritamente cecas e alérgica, na internet tem pomadas que dizem ser boas para esse tipo de vírus
    , será que resolve?

    • Prezada Cristiane,
      O conhecimento atual sobre Molusco, publicado em bons artigos científicos, é, resumidamente, de que ou se deixa o Molusco ir embora sozinho (meses ou até ano) ou se procede à remoção do mesmo. Esta remoção deveria ser feita pelo dermatologista e não pelos pais. Quando o número de lesões é grande, o dermatologista pode sugerir a retirada em centro cirúrgico, com a criança sedada. Até o momento, não existe nenhuma evidência que comprove a eficácia de pomadas, cremes ou soluções líquidas a serem aplicadas sobre o Molusco.

  88. Boa tarde Dr. Roberto . É muito bom para uma mãe ler sobre um assunto que afeta seus filhos e ficar mais tranquila quanto ao tratamento. Gostaria de algumas dicas para cuidar da minha filha de 6 anos e recentemente apresentou umas bolinhas cujo homeopata descreveu como sendo Molusco Contagioso. Além do tratamento com o Homeopata resolvi consultar minha dermatologista que ficou entre duas doenças. Ela acha que realmente pode ser Molusco contagioso, mas há chances de ser Verruga Plana. Atualmente ela receitou Annita para estimular seu sistema imunológico e Verrux para eliminação química das bolinhas. Na verdade as bolinhas na minha filha se localizam em várias partes do corpo. Algumas isoladas outras com várias lesões juntas. São bem pequenas (exceto uma), mas minha impressão é que a cada dia aumentam um pouquinho. O Verrux está causando muita dor em minha filha, e estou morrendo de dó. Porém a dermatologista disse que o procedimento para esta faixa etária é este e nem preciso voltar nela. Apenas se eu voltar a ficar preocupada. Eis a minha dúvida: Devo insistir em um tratamento doloroso na certeza de que dará resultado ou, mesmo sendo pequenas as lesões, eu poderia procurar um cirurgião pediátrico para retirá-las com sedação. Notei que o senhor comentou sobre período de desenvolvimento…existe um período para aguardar para “estabilizar” a situação? Uma última pergunta. A maior parte das lesões se encontram nas mãos de minha filha e os Micropore atrapalharam muito ela na escola. Orientei a ela evitar tocar nos amigos…mas criança é criança…O senhor tem alguma orientação sobre como eu preservar o contágio quando o Molusco ocorre nas mãos? Obrigada.

    • Prezada Cibele,
      Me parece que você tem várias dúvidas, todas pertinentes e relevantes. Portanto, tem motivos para retornar na dermatologista. Mas, se por qualquer motivo, não ficou inteiramente à vontade com ela, sugiro que ouça uma segunda opinião de dermatologista, antes de pensar em um cirurgião pediátrico.
      Quanto à prevenção do contágio, sendo as lesões nas mãos, fica realmente difícil. O melhor a fazer é tentar o Micropore mesmo.

      • Doutor, Fui a dermatologista á duas semanas, com uma bolinha que apareceu na altura da barriga, e ela constatou que seria um molusco, e me passou um remédio chamado “Verrux”, Só que ela falou que esse remédio queimaria minha pele, e eu teria que passar um esmalte em volta para proteger, só que meu pai achou muito arriscado e não comprou o remédio, e quando eu coçei o local com á unha eu estava dormindo e nem percebi, e á Doutora não avisou que não podia coçar, e dai adiante cresceu bastante e está irritado e uma mancha avermelhada ao meio, oque eu faço agora ? Vou em outro Dermatologista ?

      • Prezado Lucas,
        Sugiro que retorne à dermatologista para que ela veja a evolução e lhe oriente. Caso não tenha estabelecido um vínculo de confiança com ela, sugiro que ouça uma segunda opinião de outro dermatologista.

  89. Dr. Roberto,

    Tenho 28 anos, e estou com moluscos na virilha (parte interna da coxa), fui ao Ginecologista, que prescreveu NEOMICINA creme, mas já uso a 3 dias e não percebo melhora, ele também me mandou fazer hemograma completo(creio eu que para ver as defesas como estão), estou esperando o resultado do exame; Diante de tudo isso confesso que estou ficando angustiada por não ver melhora com o uso da neomicina, posso usar outro creme mais indicado? qual? já pensei em nistatina entre outros… Obrigada,

    • Prezada Renata,
      Sugiro que consulte um dermatologista que é o especialista indicado para cuidar de Molusco. Não se auto medique, não passe outros cremes. O Molusco cura sozinho ou precisa ser removido (pelo dermatologista).

  90. boa tarde dr.Roberto.sou mãe de uma criança de 3 aninhos,ela contaiu moluscos,levei-a em uma dermatologista,e já usei o hidróxido de potássio e fiz duas vezes a curetagem,mas não está adiantando, quando está quase acabando,volta aos montes,li telatos de que o vermifugo annita é muito bom,por melhora a imunidade da cria~ça e esta combate os moluscoss.vcé aconselhável d´-la.obrigada

    • Prezada Isabel,
      Recomendo que retorne ao dermatologista para que este possa acompanhar a evolução do Molusco em seu filho. Quanto ao uso de vermífugos, não há nenhuma evidência científica que justifique o seu uso para o tratamento do Molusco.

  91. Olá doutor.
    Meu filha de 17 anos adquiriu ao molusco na genital, no começo eram umas 6 feridinhas , levei ela a ginecologista e ela recitou um creme a base imiquimode que vem em pequenos saches, porem com o passar do tratamento o virus continuo a se espalhar e agora está espalhado por uma grande parte da sua genital e ela reclama de ardencia e coceira. Queria saber qual a proxima providencia a ser tomada no caso dela. E se continuo o tratamento por causa da irritação??
    Obrigada e desde já parabenizo o doutor pelo trabalho realizado no blog.

  92. Ola Dr. boa tarde, minha filha tem 3 anos e tem molusco contagioso. Ocorre que em volta de duas bolinhas está se formando um círculo grande e bastante vermelho. Numas delas isso já ocorreu e ficou uma bola vermelha e dura, um pouco dolorida. Ainda está assim, já faz 1 semana. Agora o mesmo círculo vermelho está se formando ao redor de outra bolinha. Será que essa vermelhidão/endurecimento tem relação ao vírus?

    • Prezada Ceres,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre a sua filha, sem tê-la examinado. Ainda que sua descrição seja muito bem feita, é preciso olhar, ao vivo, o aspecto das bolinhas e do que está ocorrendo em volta delas. Recomendo que procure um dermatologista ou seu pediatra.

  93. pode retirar o molusco de forma caseira meu corpo esta lotado dizem que no medico passam pelo processo de curetagem e muito doloroso tem como retiralo ele em casa com metodos caseiros ja passei a pomada canzerol mais não deu nada certo

  94. Meu filho tem molusco, e ele está em tratamento da seguinte forma: 3 dias com um comprimido de ascaridil, depois 10 dias de vitamina, e todas as noites, Conzerol pomada. Repetir este tratamento enquanto houver moluscos.
    O amiguinho dele teve e precisou repetir esse ciclo 3 vezes e sumiu tudo. Acabou e não voltou mais.
    Estou fazendo tratamento de forma correta, e tenho certeza que vai melhorar.

    • Prezada Karen,
      Espero que seu filho melhore. No entanto, o tratamento que você descreve, não está entre aqueles com comprovação científica. Pode ser que ainda venham a demonstrar a eficácia deste tratamento. Mas, como o blog é de informações baseadas em evidências científicas, faço o registro.

  95. Ola Dr. Roberto, meu filho tem 5 anos e tem uma grande concentração de molusco contagioso na região da barriga, nas costas e algumas verrugas solitárias na perna e no pe. Fui a dermatologista que explicou que realmente o tratamento e muito doloroso e me recomendou furar e espremer em casa, ela mesmo me forneceu as agulhas. Fiz isso ha dois dias atras, somente em três verrugas, sangrou um pouquinho, acredito que dentro da normalidade, mas infelizmente no dia seguinte as verrugas estavam vermelhas e inchadas e cocando muito. Acredito que estejam inflamadas. Ela nao recomendou nenhuma pomada caso inflamasse, apenas limpei o local e coloquei um bandaid. Gostaria de saber se isso e normal e se esse inchaço e vermelho deve passar logo ou e melhor eu procurar a dermato novamente em busca de alguma pomada para inflamação. Moro na China e aqui e tudo muito complicado, principalmente falha na comunicação. Agradeço desde ja, Daniela

    • Prezada Daniela,
      Em função da distância e da dificuldade de comunicação, o que me descreve é, realmente, uma situação complexa. Não que o Molusco tenha alguma gravidade. Não tem nenhuma. No entanto, no mundo ocidental, a recomendação é de que os pais não façam esse procedimento por conta do risco de infecção etc. A recomendação é que o médico ou enfermeiro façam o procedimento de remoção do Molusco. Quando o número de lesões é grande, se recomenda fazer o procedimento sob sedação, em centro cirúrgico. Como não examinei seu filho, opinar sobre seu caso, baseado exclusivamente no seu relato, seria irresponsabilidade minha. Sugiro que ouça uma segunda opinião médica ou retorne ao médico, para que este avalie se o que está ocorrendo é o esperado ou não.

  96. Dr. Roberto, quero deixar minha experiência a estes pais desesperados.
    Tive a pouco tempo o molusco, como também tive medo da dor da curetagem, usei vários tratamentos alternativos que diziam que dava resultado, entre eles Annita, verrux , nitrogenio entre outros, assim como vcs estava desesperada.
    O único conselho que dou é: Não façam seus filhos sofrerem com tratamentos que não vai dar certo, senti na pele as consequências, apesar da dor (pode se optar por anestesia), a única coisa que realmente funciona e a curetagem.
    Eles podem sentir dor, mas vai ser um ma vez só.
    Abraço

    • Prezada Kiara,
      Muito obrigado por participar do blog com seu depoimento. Tenho certeza de que você contribuirá para que outros pais compreendam que os tratamentos ditos alternativos à curetagem ou remoção do Molusco, que não possuem comprovação científica de eficácia, de fato, não funcionam. Representam perda de tempo e gasto de dinheiro, sem sucesso. Mais uma vez, obrigado.

  97. Agradeço muito pelo conselho doutor! Por aqui acredito que nao seja muito comum a sedação, pois fui informada pela dermatologista que o procedimento e muito doloroso e nao haveria outro meio de remove-las sem dor. Nao estou tao aflita quanto as verrugas em si, mas tenho pesquisado a relação entre o molusco contagioso e a baixa imunidade. Meu filho e asmático, fez um ótimo tratamento o ano passado e nunca mais teve crise, mas imagino que a imunidade dele nao deve ter sido totalmente recuperada e por isso apareceram as verrugas. Sera que existe essa relação?

    • Prezada Daniela,
      A imunidade costuma ser invocada para quase tudo! A “baixa imunidade” acaba sendo uma explicação para situações como resfriados, verrugas e, pasme, até piolhos. O ser humano precisa de uma explicação e esta, que aos meus ouvidos não quer dizer nada, atende bem à necessidade. Existem deficiência imunológicas, existem doenças auto-imunes, existem alergias etc. Mas, desconheço o que signifique, em termos biológicos, baixa imunidade. De uma certa forma, toda vez que um vírus ou bactéria consegue se reproduzir, ganhou do nosso sistema imunológico. Isso não quer dizer que este esteja “baixo” ou “fraco”. As verrugas aparecem porque os vírus conseguem se instalar, apesar de seu filho ter defesas normais (suponho eu).
      Quanto à sedação, é um procedimento simples e seguro. Pena que ainda pensem que só existe remoção com dor.

  98. Bom dia Dr. Roberto.
    Nessa sexta feira meu filho foi vitima de preconceito na creche por ter o molusco contagioso.. a diretora pediu para q retirasse da creche com medo q passe para as demais crianças e professoras.. o q o sr me aconselha sendo q ele ja esta em tratamento demartologico..porem nao pode deixar de frequentar a creche.. e o tratamento e de longo prazo..

    • Prezada Vanessa,
      De fato, é uma situação de preconceito ou de desinformação. Sugiro que o seu pediatra lhe dê um atestado, confirmando que seu filho pode frequentar a creche. Esta é a recomendação da Academia Americana de Pediatria. Claro que, se uma criança estiver coberta de Molusco, será prudente retirá-la da creche, tratá-la (retirando o Molusco) e retornando logo em seguida.
      A questão é que o ambiente na creche pode ficar menos bom do que era e a pergunta é: você quer deixar seu filho em uma creche onde o ambiente não seja de acolhimento? Converse com a diretora da creche, sugerindo que ela consulte médicos ou infectologistas para entender o real risco de contágio e a recomendação de não afastar a criança da escola. Cobrir as lesões com um band-aid ou esparadrapo seria o recomendado.

      • Ainda um comentário- tratamento de longo prazo? O tratamento do Molusco, até onde conhecemos hoje, é de ou deixarmos o Molusco se curar sozinho (longuíssimo prazo), ou remover o Molusco (o que se faz rapidamente).

  99. eu tenho molusco mas nao sei se e contagioso fas a 2 anos tratei mas o remedio nao deu certo meu pai falo que vo para otro medico dermatologista o que fo mas se chama doutor emerson na sei se e assim mas diz que ele e um dos melhores tenho 10 anos e se nao curar tenho medo que nunca saia do mwu rosto .oque eu faco doutor me da uma dica prao virus sair mas rapido e com cuidado

  100. Meu filho tem 2 anos e 8 meses, apareceram alguns moluscos há mais ou menos uns 5meses, fui ao dermatologista e o mesmo fez a retirada com a cureta, porem cresceram novamente. E o processo é muito doloroso, e com pena de levá-lo novamente eu comprei o pointts (sistema de eliminação de verrugas por nitrogênio), gostaria de saber se é indicado? Obrigada.

  101. Tenho Moluscos a anos. isto me incomoda demais. Ainda mais que tenho na região genital, como entre pernas, bolsa escrotal. e agora no rosto e palpebras.
    Enfim, já fiz várias pesquisas e todas dizem a mesma coisa, que separecem em menos d e1 anos. Mas no meu caso tenho essas “verrugas” a anos no mesmo local
    gostaria de saber de um remédio eficaz.

    Obrigado
    João
    lopes-joao-lopes@hotmail.com

    • Prezado João Lopes,
      Se o que você tem são lesões de Molusco, só a retirda do mesmo. Não há remédio eficaz. Se o que você tem são verrugas, pode ser que existam remédios eficazes. Recomendo que consulte um dermatologista para que este lhe oriente.

  102. Boa tarde dr! Meu filho de 5 anos foi diagnosticado pela pediatra com molusco.Ja agendei dermatologista para ele porem a consulta sera so 28/3…vou pirar ate la! Li na internet que tratamento com sabonete e pomada ou creme a base de calendula e recomendavel, sera que funciona? Obrigada.

    • Prezada Lidiane,
      Não há urgência em tratar o Molusco. Você fez o correto que foi marcar uma consulta com dermatologista. Não há nenhuma evidência sobre a eficácia do sabonete ou creme à base de Calêndula. O que se sabe é que é um ótimo hidratante para a pele.

  103. Dr: Roberto Cooper. Por favor me ajude?? Estou com minha face cheia de moluscos contagiosos, pois foi reação do meu tratamento de quimioterapia , quando minha imunidade estava baixa o vírus se manifestou em minha face. Gostaria de saber se o pointts resolveria meu caso, pois já tentei todas as formas possíveis como a curentagem na dermato. Hoje não tenho animo pra tirar fotos evito sair a luz do dia, para não despertar curiosidade nas pessoas. Por favor me ajuda Dr: Me indica uma tratamento menos doloroso, caso o pointts, não resolva…

  104. Deixa eu ver se entendi… Mesmo com as lesões cobertas por micropore existe o autocontágio? Eu achei que este seria somente ao romper a lesão?!
    Obrigada,

    • Ligia,
      Médicos são muito conservadores! O micropore vai proteger, muito. Mas, na hora de colocar e tirar, pode sempre entrar em contato com o vírus, daí produzindo um autocontágio. Mas, cobrir com micropore é ótimo. Enquanto estiver coberto, não há risco.

  105. Olá Dr Roberto, gostaria de deixar aqui em seu site uma história real onde durante muitos anos sofri muito com esta doença, minha filha que na época tinha apenas 2 anos de idade contraiu o molusco, primeiro começou com 2 bolinhas parecendo espinhas logo depois se alastrou pelas nádegas inteiras quando levei em seu pediatra onde o mesmo o identificou como molusco contagioso, desde daquele dia em diante minha vida se tornou um caos, pois minha filha reclamava que era dolorido e a levei em diversos médicos, onde o diagnostico era sempre o mesmo não possui cura, e o tratamento era extrai-los e assim foi a cada ida ao médico saia de lá arrasada pois parecia uma sessão de tortura para minha filha onde era colocada de costas e lhe faziam a extração do molusco sem anestesia sem nada, choros, gritos de dor me sentia incapaz. Foi quando comecei a pesquisar freneticamente na internet sobre a cura da bendita doença e assim foi durante 2 anos, usando pomadas, remédios manipulados, tudo que estava em estudo e podia significar algo eu experimentava, pois o que eu mais queria era acabar com a dor e a vergonha que minha filha passava ao frequentar piscinas. Foi quando um dia, em uma de minhas buscas entrei em um trabalho de TCC onde o autor relatava estudos realizados com cem pacientes que carregava a doença por anos, onde foram separados e submetidos a testes para acabar com a doença, e um em especifico me chamou a atenção, onde o mesmo relatou o uso de Tuia (Thuja occidentalis) manipulado em suspensão oral e loção, foram utilizados para o tratamento que foi muito bem sucedido, foi ai que eu rapidamente liguei na farmácia de manipulação e pedi como havia descrito no trabalho, tanto o oral quanto a loção. E foi assim que comecei a tratar minha filha dando todas as noites 3 gotinhas da suspensão e fazendo o uso da loção 2 vezes ao dia, Dr Roberto não sei como o produto age, mais sei lhe dizer que em 7 dias as “bolhinhas” haviam praticamente sumido , e em menos de 1 mês não existiam mais, minha felicidade foi tão grande que não tenho nem palavras para descrever. E foi assim, isso já faz 3 anos , hoje minha filha com 7 anos se lembra somente das sessões de tortura que era submetida, mais graças a Deus e minha persistência consegui achar um tratamento eficaz para essa doença. Por isso gostaria de compartilhar e pedir sua opinião. Obrigada. Abraços

    • Prezada Bruna,
      Muito obrigado por sua participação e depoimento. O importante é que a sua filha ficou boa. Quanto à Tuia, não existem estudos feitos com rigor científico que comprovem a sua eficácia. Mas, repito, o importante é que a sua filha ficou boa. Pode ser que, no futuro, novos estudos demonstrem a eficácia da Tuia. Vamos aguardar.

  106. minha filha tem 10 anos ja faz uns cinco meses que apareceu moluscos contagioso no braço agora ja tem no rosto,axilas,barriga e apareceu por ultimo na parte de fora da vagina,vomos na dermatologista e ela indicou peróxido de benzoila 7,5%.Após 20 dias de tratamento apareceu uma alergia horrivel em minha filha suspendi o uso da pomada. e ela esta tomando remédios por causa da alergia estou com muitas dúvidas pois a médica do pronto atendimento falou que o certo seria retirar e a dermato achou melhor nao retirar e indicou esta pomada e me falou que o tratamento era longo.Nâo sei mais o que pensar pois apareceu na vagina a poucos dias por favor me dê umas dicas pois consulta agora somente no inicio de abril

  107. minha filha tem 5 anos e apareceram vários moluscos na região do peito depois barriga e lateral do bumbum, a dermatologista indicou usar um hidratante fisiogel, só que custa em média R$ 150,00 o fraco de 500ml ela disser ser por cauda do ressecamento da pele, indicou também a pomada anéstesica dermomax, e depois uma pomada antibiótica ela indicou espocar as bolinhas, quando ela estiver a dormir, mesmo com a pomada ela reclama, então me indicaram raspar com uma lamina comecei fazer esse processo espero que dê certo!!!

  108. DR ROBERTO, MARQUEI A CIRURGIA DA MINHA FILHA PARA 08/04/14, GOSTARIA DE SABER SE FICARÃO CICATRIZES, ELA TEM 5 ANOS. OS MOLUSCOS ESTÃO, ABAIXO DO NARIZ E NAS BOCHECHAS. DESDE JÁ AGRADEÇO.

  109. Olá Dr. Roberto…. tenho 3 filhos com a idade de 6, 4 e 2 anos, o de 4 anos apareceu as bolinhas achei muito estranho, conversei com o alergista ele me aconselhou a procurar um dermato, conversando com a dermato, ela me passou um polivitaminico e disse para passar alcool (desinfetar) e depois espremer as bolinhas e novamente passar alcool… fiz este processo e é muuuito dolorido, porem apos eu dar o polivitaminico e fazer todo esse processo (muuito estressante) a quantidade de bolinhas aumenta a cada dia, observando minha filha de 6 anos apareceu 2 bolinhas ou seja esta havendo contagio, o que posso fazer para evitar que o de 2 anos tambem pegue este virus…. (ja separei toalhas e roupas)… agora tenho uma consulta com o cirurgiao…. pois a dermato me disse que ela nao faz esse tipo de processo, somente cirurgico…. estou desesperada… Obrigada.

    • Prezada Noemi,
      Em princípio, basta cobrir as bolinhas (com roupa ou um curativo), para reduzir o contágio. O ideal é que seja feita a remoção do Molusco. Se a quantidade for grande ou a localização delicada (rosto, genitália), o cirurgião poderá sugerir a remoção em centro cirúrgico, sob sedação. É uma alternativa segura e indolor.

  110. Boa tarde Dr Roberto, gostaria de saber qual o medicamento que eu poderia usar para conter esse molusco para que ele não se alastre pelo corpo todo. meu filho esta com um pouco no rosto e nas costas das mãos.
    Desde já agradeço pela atenção
    Cleo.

    • Prezada Cleo,
      Sugiro que consulte um dermatologista para que este possa, primeiro fazer o diagnóstico de Molusco e, em seguida, lhe orientar. O que sabemos é que o Molusco ou se cura sozinho (longo tempo) ou precisa ser removido. Não há tratamento tópico cientificamente provado como eficaz.

  111. Dr Roberto meu filho tem 5 anos e foi constatado que está com moluscos na região do abdomen o dermatologista indicou passar um remedio chamado ixium, mas na bula fala que esse medicamento o uso é a partir de 12 anos e para tratamento de hpv, estpu com medo de usar … e ajude por favor o que devo fazer …obrigado

    • Prezada Luana,
      Como o blog não substitui uma consulta, seria irresponsabilidade minha opinar sobre seu filho ou a prescrição de outro médico. O que os trabalhos científicos nos dizem é que o Molusco ou se cura sozinho (longo tempo), ou precisa ser removido. Não há nenhuma evidência científica do uso de medicações tópicas.

  112. Dr apareceu duas bolinhas na minha perna aparentemente achei que fosse verrugas, fui na dermatologista e fiz uma biopsia onde constatou ser molusculo contagioso, e apareceu mas nas minhas nádegas, gostaria de saber se é uma doença grave?se possui cura? e se o molusculo que da em crianças é o mesmo que aparecem em adultos? já que minha dermato disse ser uma “doença” entre crianças de 3 a 10 anos em geral.

    • Prezada Raquel,
      O Molusco é uma doença viral, sem gravidade alguma. É a mesma doença em adultos e crianças, apenas mai frequente em crianças.A cura é espontânea, com o tempo ou através da remoção do Molusco pela dermatologista.

  113. Boa tarde Dr.
    Meu filho tem 2 anos e esta com molusco
    Já fui no dermatologista e comecei a curetagem antes eu uso um anestésico Dermomax e depois ela retira.já fui 2 vezes e os molusco continua aparecendo em outras regiões do corpo.

    • Prezada Tathyana,
      Você está fazendo o que precisa ser feito: procurou um dermatologista e está fazendo a remoção por curetagem do Molusco. O fato de aparecer em outros lugares significa, muito provavelmente, que seu filho coça uma lesão e “leva” o vírus para outro lugar do corpo. Mas,com a curetagem, o Molusco vai acabar.

  114. Boa tarde Dr Roberto, por 2 vezes ja marquei curetagem de molusco em meu menino e nao consegui fazer.Uma vez ele ficou resfriado e a outra vez que seria hoje pela manha ele teve febre de 38.5 grau durante a noite.Gostaria de saber se mesmo ele tendo dermatite atopica, as lesoes podem desaparecer em torno de um ano ou se no caso dele e mais demorado?Quais os riscos que ele pode correr fazendo anestesia geral? Os riscos sao maiores por causa da dermatite? Ele tem 5 anos.Grata.

    • Prezada Lidiane,
      Em princípio a dermatite atópica não interfere com a evolução do Molusco. Com relação aos riscos a anestesia geral, somente o seu médico, examinando o seu filho, poderá fazer uma avaliação precisa e específica. Mas, em crianças saudáveis, os riscos de uma anestesia feita por profissional qualificado e em ambiente com equipamentos de monitorização, são baixos.

  115. Bom dia! Seu post está muito completo! Admiro a boa vontade para responder dúvidas, parabéns! Só não entendi uma coisa sobre a transmissão! Sei que herpes transmite quando vaza líquido das bolinhas ou quando fere. Mas nesse caso do molusco não é fechado, tipo uma espinha? Como é a transmissão? Obrigad

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s